Vice-prefeito de Coelho Neto confirma pré-candidatura a prefeito pela oposição em 2020

O vice-prefeito de Coelho Neto, Antônio Pires, disse em rápida entrevista ao Blog Ademar Sousa, na noite de quinta-feira (01), que está disposto a entrar na disputa pela prefeitura daquele município nas eleições municipais de 2020.  Pires é um homem com bastante desenvoltura na política partidária local, pois já exerceu o mandato de vereador por várias legislaturas e foi presidente da Câmara de Vereadores.  Em 2016, ajudou a eleger sua mulher Liza Pires como vereadora em seu primeiro mandato.

O ex-vereador e vice-prefeito Antônio Pires está se articulando visando formar uma base sólida para derrotar o atual prefeito Américo Sousa (PT) com quem rompeu as relações políticas e administrativas ainda em 2018. “Iremos fazer uma grande frente oposicionista para ganharmos as eleições aqui em Coelho Neto e estamos trabalhando o apoio do nosso partido, o PCdoB. Por exemplo, na última eleição apoiamos uma chapa considerada puro sangue, sendo o presidente da sigla, o deputado federal Márcio Jerry, o deputado estadual Adelmo Soares, integrante da Executiva Estadual do PCdoB, o governador Flávio Dino pela reeleição, além dos senadores lançados pela base governista Weverton Rocha e Eliziane Gama, todos vitoriosos no pleito”, disse Antônio Pires.

Ele lembrou que rompeu com o prefeito Américo Sousa por discordar de determinadas atitudes dele como gestor público. Para Antônio Pires, o gestor descumpriu promessas de campanha assumidas em locais públicos e adotou uma postura arrogante para conduzir a Prefeitura de Coelho Neto. “A partir daí, entendemos em comum acordo com o nosso grupo político para deixarmos a base governista municipal e passamos a fazer oposição coerente e séria diante das mazelas da atual gestão”, afirma o vice-prefeito Antônio Pires.

Até então o prefeito Américo Sousa estava fazendo uma pré-campanha para a reeleição sem concorrentes declarados. Enquanto isso, o ex-deputado estadual e ex-prefeito Soliney Silva ainda não se pronunciou sobre as eleições 2020. Outra importante liderança forte que tem ojeriza ao atual prefeito Américo Sousa.

Fontes seguras com base em São Luís (MA), ligadas à alta cúpula do PCdoB, garantem que o deputado federal Márcio Jerry vem manifestando o desejo de apoiar devidamente a pré-candidatura do vice-prefeito Antônio Pires numa disputa contra o prefeito Américo Abreu (PT). Tanto Antônio Pires quanto Américo Sousa fazem parte do grupo liderado pelo governador comunista Flávio Dino. Assim, fica claro o racha na base de Dino em Coelho Neto.

Segundo ainda a mesma fonte, o presidente Estadual do PCdoB, deputado federal Márcio Jerry estaria articulando pré-candidaturas de prefeitos em diversos municípios importantes com eleitorado significativo.

Do Blog do Ademar Sousa

Vereadores prestigiam solenidade de lançamento do projeto “Prefeitura na Comunidade”

O presidente da Câmara Marcos Tourinho (PDT), acompanhado de um grupo de vereadores participaram na última terça (30), do lançamento do projeto “Prefeitura na Comunidade”.

O projeto que fora idealizado pela Prefeitura de Coelho Neto reuniu dezenas de pessoas no Teatro Municipal, dentre as quais autoridades, empresários e membros da comunidade.

Estiveram presentes ainda os vereadores Camila Liz (PROS), Júnior Santos (MDB), João Paulo (MDB), Osmar Aguiar (PT), Reginaldo Janse – Cará (MDB) e Luiz Ramos (PSD). Ausente, o vereador Sillas Alexandre foi representado pelo seu pai, o empresário Louro.

Todos os vereadores que fizeram uso da palavra fizeram questão de parabenizar o prefeito Américo de Sousa (PT), pelo projeto, reconhecendo sua importância e seu longo alcance social para quem de fato precisa.

O projeto “Prefeitura na Comunidade” foi concebido para descentralizar a administração pública e levá-la para mais próximo da comunidade, facilitando o acesso a serviços das mais diversas áreas.

Ascom/CMCN

Esqueceram de mim! Alunos da zona rural de Coelho Neto aguardam ônibus para voltar para casa…

Às 18h: 51

O blog recebeu uma denúncia agora pouco dando conta de que alunos do povoado Santa Maria foram praticamente esquecidos pelo ônibus que presta serviços para a Secretaria de Educação de Coelho Neto.

Segundo a denúncia, os alunos estão na frente da escola Agostinho José de Aguiar desde as 15h, pois a aula do dia fora cancelada para que os servidores fossem prestigiar o evento do prefeito que ocorreria no final da tarde no Teatro.

Por conta disso, os alunos ficaram do lado de fora da escola e permanecem até agora sem acesso a água, merenda e sem ter como voltar pra casa.

Pense num absurdo!

Antônio Pires e Liza Pires cumprem agenda na zona rural

O vice-prefeito Antônio Pires (PCdoB) e a vereadora Liza Pires (PCdoB), estiveram durante o final de semana cumprindo agenda na zona rural de Coelho Neto.

Além de prestigiar uma farinhada de amigos, os dois estiveram presentes ontem (28), nas oitavas de final da nona edição da Copinha Rural no povoado Lagoa dos Cavalos.

“Estivemos prestigiando e apoiando nosso amigo Delzo que é o organizador do evento e entusiasta do nosso esporte. Está de parabéns todos os envolvidos e a nossa presença foi para reafirmar nosso compromisso com iniciativas dessa importância”, explicou o vice-prefeito.

TV Mirante denuncia depredação e abandono de UBS na zona rural de Coelho Neto

Em reportagem exibida no Jornal do Maranhão 1ª Edição, a TV Mirante mostrou a realidade vivida pelos moradores do povoado Bananalzinho, zona rural de Coelho Neto.

Mesmo recebendo os recursos da saúde, a UBS foi abandonada e os moradores são atendidos esporadicamente em um barracão de festas. Além do abandono, a reportagem mostrou dados sigilosos do atendimento dos pacientes espalhados pelo prédio visivelmente deteriorado.

Ninguém do governo foi encontrado para explicar o descaso. A seguir a integra da reportagem:

Grupo João Santos coloca Coelho Neto no topo do ranking de geração de emprego no Estado

As contratações temporárias do Grupo João Santos para a moagem da safra 2019 contribuíram para que Coelho Neto superasse a capital São Luís na geração de empregos no mês de junho.

A cidade ficou no topo do ranking entre os 51 municípios maranhenses com mais de 30 mil habitantes, segundo o levantamento do Cadastro Geral de Emprego e Desemprego – Caged, do Ministério do Trabalho.

Os dados estatísticos que foram divulgados na última quinta (25), apontam um percentual de variação foi de 0,43% em relação ao mês anterior. Foram 323 vagas abertas, com variação mensal de  18,74%, enquanto que em São Luís  foram 163 vagas de saldo positivo, com crescimento de apenas 0,07%.

No Maranhão, os setores da Agropecuária, Construção Civil e da Indústria de Transformação responderam pelo saldo positivo de 2001 vagas de  carteira assinada.  Os dados apontam ainda retração em dois setores da economia que vinham sustentando o nível de emprego; comércio e serviços tiveram saldo negativo. A queda mais acentuada ocorreu no comércio varejista, com elevada taxa de desligamento. Foram 301 vagas encerradas.

Em relação ao serviço, no subsetor do transporte e comunicação houve a maior retração, com saldo negativo de 45 vagas. Neste subsetor estão os cobradores, trabalhadores das concessionárias do transporte público que vem sendo eliminados dos quadros destas operadoras.

Com contribuição do Blog do Garrone/ Foto: João Osório

Prefeitura de Coelho Neto quebra ciclo histórico e investimentos na cultura vai ficando no passado…

Grandes eventos realizados pelo município vai se tornando coisa do passado…

Corte nos investimentos atinge em cheio a economia da cidade, a geração de empregos temporários e a renda dos que lucravam com eventos de promoção cultural para o grande público

 

Editorial

A Prefeitura de Coelho Neto optou por esse ano quebrar um ciclo histórico da cidade nos investimentos das atividades culturais. Os cortes ocorrem justamente no período em que o governo recebeu recursos extras do Fundo de Participação dos Municípios – FPM.

Nos últimos anos, o Festejo Junino da cidade era uma referência. Esse ano transformaram a festividade num arremedo “de quadra” que não trouxe convidados e nem garantiu estrutura alguma para que alguém pudesse lucrar com a festa sem pompa alguma. Para se desculpar, o prefeito Américo de Sousa (PT), foi ao rádio e justificou a “pobreza” do evento alegando que os recurso seriam investidos na reforma no Hospital alugado pelo município.

Mas o pior estava por vir. A Prefeitura optou por sepultar a programação festiva que arrastava cetenas de pessoas para o Corredor da Alegria. O evento que fora inaugurado na gestão do ex-prefeito Soliney Silva com 10 dias de programação já havia sido reduzida pela gestão petista para três dias e esse ano não teve dia algum.

Diferentemente do São João, a Prefeitura desta vez não se manifestou. Não houve qualquer comunicado oficial sobre a não realização da programação festiva e restou para “os festeiros” aproveitar a programação festiva da vizinha cidade de Buriti.

Coelho Neto sempre teve no Carnaval, São João e Festejo de Sant´Ana os pontos altos das atividades culturais nos últimos anos. Se o governo deixa de investir que investimentos no setor essa cidade vai priorizar? O atual governo fechou a biblioteca mais antiga da cidade e agora corta os investimentos que beneficiariam a cidade sem nenhuma cerimônia. Para salvar a a lavoura, o 8º Motofest do MotoClube Os Tarja Preta – MC Coelho Neto movimentou a cidade no último final de semana.

Tradicional evento do Motofest que esse ano realizou sua oitava edição movimentou a cidade e atraiu visitantes

De junho até a presente data, a cidade recebeu de transferências constitucionais (sem Saúde e Assistência Social) a bagatela de quase R$ 10 milhões de reais.

Demonstrativo do Banco do Brasil confirma milhões depositados nas contas da Prefeitura: falta de dinheiro não é

E há quem se preste ao papel de defender os cortes.

Mesmo sem provar absolutamente nada de que algum vintém fora transferido para outros investimentos.

É uma balela que só engana os para-choques. Ou os candidatos a estes…

Imagem do Dia: A primeira obra…

 

Depois de 3 anos, saiu a primeira obra pensada, elaborada, executada e concluída pelo governo Américo em Coelho Neto. Se esforçar mais um pouco consegue entregar mais umas duas até a eleição. É só querer…

Post alterado às 21h: 25 – A foto foi alterada a pedido em decorrência da anterior possuir assinatura.

Problemas persistem no setor de iluminação pública em Coelho Neto

A questão da iluminação pública segue sendo problema no dia a dia dos moradores de Coelho Neto.

É cada vez mais frequente a reclamação sobre as taxas de iluminação pública que não correspondem com o abandono do setor em vários pontos da cidade.

Na Rua 14 de abril por exemplo, os moradores denunciam a escuridão. No início da noite os postes até acendem, mas depois apagam e as vias seguem no escuro.

Não custa lembrar que a noite na cidade tem estado cada vez mais perigosa com o crescente número de assaltos e que a escuridão só tende a colaborar com esse cenário de violência.

Só resta para a população reclamar da deficiência do setor que se arrasta sem soluções…

Câmara de Coelho Neto é a primeira do Maranhão a assinar adesão ao sistema de Ouvidoria da CGU

O presidente Marcos Tourinho (PDT), protagonizou mais um importante marco de sua gestão: a Câmara de Coelho Neto é a primeira do Maranhão a aderir ao sistema de Ouvidoria da Controladoria Geral da União – CGU.

O pioneirismo do Poder Legislativo foi confirmado pela Superintendente da CGU, Dra Leylane Maria da Silva, durante ato de adesão realizado na manhã desta quinta (18), na sede do órgão em São Luís. Participaram do ato o vereador Wilson Vaz (Avante), o assessor de Comunicação Samuel Bastos e o auditor Wellinton Resende – parceiro no apoio a adesão dessa proposta.

O sistema e-Ouv é um serviço gratuito que oferece uma plataforma web para recebimento, análise, resposta de denúncias, reclamações, sugestões, elogios e solicitações dos cidadãos, contribuindo para o cumprimento da Lei nº 13.460/17, que dispõe sobre a a participação, proteção e defesa dos direitos do usuário de serviços públicos em todas as esferas e poderes públicos.

“Orgulhosamente ficamos felizes em saber que somos a primeira Câmara do Estado a aderir a esse sistema inovador de escuta da população. Nossa missão é referenda nossa missão de Casa do Povo, ouvir os reclames e buscar as soluções dos problemas apontados pela população”, disse o presidente Marcos Tourinho.

 A ação integra o esforço da Câmara de implantar sua Ouvidoria de forma funcional e atuante, cujo sistema ficará sob a responsabilidade da Assessoria de Comunicação da Casa, que aguardará a liberação do sistema para que o uso do mesmo seja liberado.

Ascom/CMCN