Flávio Dino: agora mais governador e menos candidato…

Acuado pela repercussão extremamente negativa de sua atuação no rumoroso caso da desapropriação da área do Cajueiro, governador comunista voltou-se para seus próprios problemas internos

FLÁVIO DINO PERDEU-SE NOS ARGUMENTOS PARA DEFENDER A EXPULSÃO DE MORADORES DO CAJUEIRO e viu sua imagem nacional desmoronar em poucos dias

Em 10 de agosto, o blog Marco Aurélio D’Eça publicou o post “Flávio Dino: muito mais candidato, muito menos governador…”

Tratava-se de uma análise sobre o momento político do comunista, que deixou o estado à própria sorte e decidiu levantar uma cruzada contra o presidente Jair Bolsonaro (PSL), antecipando a disputa presidencial de 2022.

Talvez até pelo abandono de sua gestão, Dino viu, apenas dois dias depois, sua imagem nacional desmoronar, com a desastrada ação da Polícia Militar no rumoroso caso de desapropriação dos moradores da área do Cajueiro, em São Luís. (Entenda aqui, aqui, aqui e também aqui)

Desde então, o comunista calou-se quanto à disputa presidencial.

Ficou tão mudo – ele e o seus – que nem mesmo a entrevista do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em que é apresentado como uma das opções da esquerda para 22, levou Dino a se manifestar em redes sociais.

O comunista maranhense vive um momento ruim em seu governo.

A crise financeira ameaça cortes em áreas essenciais, atrasos de salários e perda de investimentos, tudo o que o governador não esperava para este momento.

E para piorar veio a crise da expulsão dos moradores do Cajueiro.

A DESTRUIÇÃO DAS CASAS DOS MORADORES DO CAJUEIRO foi um golpe nas pretensões presidenciais do governador Flávio Dino

No post citado acima, o blog Marco Aurélio D’Eça recomenda a Flávio Dino a renúncia do mandato de governador para se dedicar integralmente à campanha presidencial.

Agora, talvez, o Palácio dos Leões seja o último refúgio do comunista…

Do Blog do Marco d´Eça

Afonso Cunha terá Centro Especializado para Crianças com Deficiência

A Prefeitura de Afonso Cunha através da Secretaria de Educação – Semed executa os trabalhos de execução do Centro Especializado para Crianças com Deficiência.

Como parte da proposta de educação inclusiva do governo municipal, essa será a primeira vez que o município terá um espaço exclusivo voltado para o atendimento de crianças e adolescentes com deficiência. Para abrigar o espaço, a Prefeitura está requalificando o espaço do antigo prédio do Telecentro, que foi herdado abandonado e em total desuso.

O antigo prédio está sendo reformado e ampliado com vistas a obedecer as normas de acessibilidade, além de para garantir comodidade e conforto para os futuros usuários.

“É uma obra de extrema importância e de longo alcance social. Essa é uma temática que integra a agenda do nosso governo e que por isso mesmo precisa ser encarada como prioridade. Estamos acompanhando a execução dos trabalhos e em pouco tempo a obra será inaugurada para entrar em pleno funcionamento”, disse o prefeito.

Assecom/PMAC

Prefeito Jorge Oliveira atende reivindicação e entrega pista de corrida para vaqueiros de Duque Bacelar

 

O prefeito Jorge Oliveira entregou aos vaqueiros e população de Duque Bacelar, uma pista de vaqueiro. A entrega foi feita ao presidente da Associação dos Vaqueiros, Miguel Caetano, durante as comemorações do Festejo de São José. “Os vaqueiros de Duque Bacelar e de outros municípios sempre esperavam uma pista do município porque a cultura da vaquejada era feita em outros municípios ou precisávamos sempre alugar. Agora, com a ajuda do governo e dos nossos deputados, conseguimos realizar o sonho dos vaqueiros”, afirmou o prefeito.

Miguel Caetano disse que a pista foi uma grande conquista para os vaqueiros e toda a população. “Sempre solicitamos ao prefeito que fosse construída uma pista mais perto das barracas e da Igreja de São José para que muito mais gente possa participar e apreciar a cavalgada. Esta pista vai gerar mais renda para os comerciantes”, afirmou.

O deputado estadual Adelmo Soares também participou das comemorações do Festejo de São José. Ele sempre participou como amigo do prefeito e agora chega como deputado estadual. “O prefeito Jorge Oliveira é um grande parceiro e vem investindo para melhorar a qualidade de vida da população de Duque Bacelar. Conseguimos, junto ao governo do Estado, duas escolas e recursos para a saúde e muito mais vamos ajudar na administração”, afirmou.

José Reis, prefeito do município vizinho Aldeias Altas, também participou da festa. “O nosso município tem tradição de fazer vaquejada e Duque Bacelar faz cavalgadas e corrida de cavalos. São duas culturas que geram renda para os comerciantes e alegra a população”, comentou o prefeito de Aldeias Altas. O vereador e presidente da Câmara, Valter Marques, lembrou que o festejo de São José é uma tradição e que este ano ganhou um grande presente por parte do prefeito Jorge Oliveira e do governador Flávio Dino. “Além de ter sido um dos maiores festejos, também recebemos uma nova pista para corrida de cavalos”, afirmou.

A coordenadora da Associação dos Vaqueiros de Duque Bacelar, Viviane Silva Parente, que participou da organização do evento, disse que a primeira corrida de vaqueiros tem cinco premiações.  O 1° colocado levou R$: 800,00, o 2° R$: 400; o 3° R$: 300,00; o 4° R$ 200,00 e o 5° colocado será um prêmio surpresa. “Temos que parabenizar o prefeito Jorge Oliveira, o presidente Miguel Caetano e aos vereadores que buscaram apoio para fazer esta pista para os vaqueiros”, disse Viviane.

Do Portal O Municipalista

Em artigo, Sarney comenta fim das coligações partidárias

Na minha longa vida política testemunhei muitas mudanças. Mudanças de todo tipo: comecei com a votação em cédulas impressas com o nome do candidato e distribuídas entre os eleitores, que as levavam à mesa eleitoral, onde recebiam um envelope para colocar o voto. Era uma guerra entre cabos eleitorais para formar chapas, substituí-las por outras, o que motivava brigas e pancadarias entre candidatos e entre seus seguidores.

João Francisco Lisboa recuou um pouco mais e escreveu largamente sobre eleições na Antiguidade, desde o “palmômetro” até o “brigômetro“, as eleições a cacete.

Vi mudanças de legislação eleitoral às carradas, costumes parlamentares, maneira de escolha de candidatos; vi baixar o nível das candidaturas e corromper a vontade popular, usando como linha de frente o poder e o dinheiro.

Mas nada como agora, quando surgiu para mim uma novidade extraordinária: os partidos não escolhem os candidatos que têm votos, sob a argumentação de que tiram as possibilidades de eleição dos novatos. Tivemos até, na última eleição, um partido que não aceitava candidatos de eleição certa.

Isso sem dúvida é uma coisa que jamais pensei surgir na disputa eleitoral: os candidatos, para conseguirem entrar na chapa, não podem ser aqueles que tiveram sempre a preferência do povo e se elegeram, mas os que não têm votos e, somando os poucos votos dos novos, criam a possibilidade de o partido ter um ou dois eleitos, geralmente os detentores das direções partidárias.

Assim, a primeira qualidade para ser candidato é não ter votos nem possibilidade de se eleger. Fiquei sem saber qual era a lógica dessa conduta. Assim, a política não é mais a escolha por ideias, por trabalho, por tradição ou pela capacidade de liderar e por já ter sido testado pelas urnas. A experiência não é levada em consideração, nem o trabalho partidário, mas o que conta é não ter voto nem capacidade de angariá-lo. Hoje ganhou status de circulação geral a chamada barriga de aluguel, em que afinal uma barriga, o partido, serve para fazer crescer um filho que não é seu.

Soube, contudo, que a experiência de chapas dos sem-votos, na última eleição, também tornou os partidos que assim procederam em partidos sem representantes: não elegeram ninguém.

Os partidos transformaram-se em cartórios de registro de candidato e estão quase todos morrendo, como morrendo está a democracia representativa.

Como a próxima eleição é municipal, essa técnica está sendo costurada para ela, e ninguém está querendo coligação com partido que tenha vereador eleito. Na eleição passada, as chapas de deputado feitas assim resultaram num grande fracasso.

Essa regra de eleição sem voto nunca pensei que pudesse existir. Pois no Maranhão existe. Só se João Lisboa nascer de novo e escrever, em vez de “eleição na antiguidade”, “eleição na atualidade”…

Da Coluna do Sarney

Mais um caso de feminicídio: marido mata esposa a facadas no Maranhão

Após esculhambar deputado, Márcio Jerry é confrontado e arrega

O deputado federal Márcio Jerry (PCdoB-MA) não mostrou a mesma valentia da tribuna, na última quinta (15), ao ser confrontado pelo deputado Boca Aberta (PSL-PR) no plenário da Câmara.

Em discurso, o maranhense disse que o colega parlamentar não era digno de ocupar a cadeira de presidente da Casa (reveja).

Abordado pelo paranaense em plenário – mas sob proteção de seguranças -, Márcio Jerry riu, sem graça, e depois saiu de fininho.

“Seja homem”, bradava Boca Aberta, cobrando que o comunista lhe escutasse após ter desferido seus impropérios.

Do Blog do Gilberto Leda

Prefeitura de Afonso Cunha garante implantação do serviço de água no povoado Capoeiras

Depois de muitas promessas vãs e longo tempo de espera, a água no povoado Capoeiras já é uma realidade. A implantação do sistema simplificado de abastecimento de água está muito próximo da conclusão.

O poço com alta vazão e a caixa d´agua já estão em funcionamento e a execução da obra segue na implantação das ligações domiciliares.

A ação é fruto de uma parceria da Prefeitura de Afonso Cunha através do Governo do Estado e Secretaria de Desenvolvimento Social – Sedes.

Acompanhado do engenheiro Dr. Thiago Lima, o prefeito de Afonso Cunha Arquimedes Bacelar visitou a obra e falou de sua importância. “É uma obra há tempos aguardada por essa comunidade. Esse tema não será mais promessa de campanha eleitoral, pois assim como já acontece com várias famílias, entregaremos o sistema funcionando e levando água para todos”, disse o prefeito.

Assecom/PMAC

STF arquiva pedido do PT contra Moro no caso dos hackers

Agência Estado

A ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Cármen Lúcia decidiu acolher o pedido da procuradora-geral da República, Raquel Dodge, e determinou o arquivamento do pedido de abertura de uma investigação criminal contra o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, por conta de sua atuação na Operação Spoofing, que apura a invasão de celulares e obtenção de dados de autoridades por meio do aplicativo Telegram.

O pedido de abertura de investigação foi apresentado ao STF pela presidente nacional do PT, deputada federal Gleisi Hoffmann (PR), pelo deputado Paulo Pimenta (PT-RS) e pelo senador Humberto Costa (PT-PE), que acusam Moro da prática dos crimes de abuso de autoridade, violação de sigilo funcional e supressão de documento.Os petistas alegam que Moro usou dados obtidos de uma investigação sigilosa para “benefício próprio e até mesmo sugerir a destruição de provas”, o que demonstraria ingerência do ministro nas investigações da Polícia Federal. Também contestam a conduta de Moro de telefonar para diversas autoridades para informá-las de que elas foram alvos de interceptações ilegais e sinalizar que o material obtido seria destruído.

“Consolidada é a jurisprudência deste Supremo Tribunal no sentido de ser irrecusável o pedido de arquivamento do Procurador-Geral da República, como decorrência da prerrogativa constitucional da exclusiva titularidade da ação penal”, escreveu Cármen Lúcia em sua decisão.

“Anote-se que, nos termos do art. 18 do Código de Processo Penal, o arquivamento deferido com fundamento na ausência de provas suficientes não impede novo pedido de investigação, se futuramente surgirem novos indícios”, observou Cármen.

Assalto a Van no Maranhão resulta em morte de mulher com tiro na cabeça

Informações ao blog dão conta de que uma mulher acabou morrendo em um assalto a uma Van na manhã de hoje, sexta-feira, dia 16, na estrada de Barreirinhas. A vítima estava vindo para São Luís com alguns familiares quando houve o assalto e os bandidos acertaram um tiro na cabeça da mulher, que já chegou sem vida na Socorrão I, centro de São Luís.

O tiro teria sido dado de uma escopeta e deixou o rosto da vítima bastante desfigurado. Ela estava acompanhado do marido e de uma filha de seis anos. Aguarde novas informações!

Do Blog do Luis Cardoso

Câmara de Coelho Neto retomará discussão da proposta de atualização da Lei Orgânica

O presidente da Câmara de Coelho Neto Marcos Tourinho (PDT), anunciou na Sessão Ordinária desta quinta (15), a retomada da discussão da proposta de atualização da Lei Orgânica.

Na sua fala, o presidente destacou a importância de avançar nas discussões para que a matéria possa entrar na pauta da votação.

Na oportunidade ficou definido com os vereadores um calendário semanal de reuniões da Comissão de atualização da Lei Orgânica.

Ainda segundo o presidente, há uma expectativa positiva no avanço dos debates da proposta e na conclusão dos trabalhos ainda na primeira metade desse semestre, afirmando que ao final a cidade terá um dispositivo legal atualizado e moderno.

Asscom/CMCN