Em entrevista, Oberdan Lopes fala sobre irregularidades na construção da piscina do Sintasp

Em entrevista, Oberdan Lopes fala sobre irregularidades na construção da piscina do Sintasp

O Presidente do Sintasp, Oberdan Lopes, concedeu uma entrevista na manhã da terça (14), para falar sobre a reconstrução da piscina da entidade, aparelho que na gestão de aliados petista custou aos cofres da entidade a bagatela de mais de R$ 300mil reais. Mesmo assim a obra precisou passar por uma reforma emergencial por ter sido feita aparentemente sem planejamento e com material de péssima qualidade. Ele relatou indicios de superfaturamento, já que pelo valor a obra não deveria aprender problemas tão graves como os que foram identificados. .

Sempre pensando nos direitos dos associados, o presidente da entidade procurou um engenheiro para ver o que poderia ser feito pela piscina, que teve seu funcionamento suspenso. Em visita in loco”, o engenheiro condenou a construção por que a obra foi feita de péssima qualidade colocando em risco os associados que usavam aquela estrutura.

Segundo avaliação preliminar destes, a obra pode ter sido superfaturada,  em razão da quantia vultuosa do valor pago e da péssima qualidade do serviço. “Não podemos deixar o nossos sócios sem uma área de lazer, logo iniciamos um projeto para que a piscina volte a funcionar o mais rápido possível e o engenheiro elaborou um projeto que pudesse reformar do zero e garantir a segurança para os servidores”, explicou o presidente Oberdan Lopes.

A reconstrução da piscina está a todo vapor e o projeto novo será entregue aos associados até o Dia do Servidor.

Do Blog do George da Silva

Morre o ex-prefeito de Coelho Neto Dr. Magno Bacelar

Morre o ex-prefeito de Coelho Neto Dr. Magno Bacelar

Faleceu, nesta terça-feira (14), o ex-senador Carlos Magno Duque Bacelar, 83 anos. Ele estava internado desde o dia 4 de setembro, em um hospital de São Luís, após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC).

O velório será realizado na Paz União, no centro da capital, e depois o corpo será levado para a cidade de Coelho Neto, sua terra-natal, para ser sepultado.

Advogado por formação, industriário, Magno Bacelar foi deputado estadual, deputado federal, senador da República, secretário de Estado da Educação, vice-prefeito de São Luís, prefeito de Coelho Neto.

Ao lado de seu irmão, Raimundo Bacelar, Magno implantou a primeira televisão no Maranhão, a TV Difusora e ajudou a implantar diversas indústrias em sua terra natal.

O ADEUS A UM AMIGO

Acordei com uma notícia triste, que como bem disse o conterrâneo Milson Coutinho, se não me colheu totalmente de surpresa, mas me marca profundamente: perdemos Dr. Magno Bacelar. Tínhamos muitas fotos, mas escolhi essa pq ele gostou tanto e chegou a me dizer isso, que passou a usá-la em seu perfil do Whats.

Não posso dizer que Dr. Magno morreu, pois homens como ele não morrem. Um homem e um político completo, cuja folha de serviço prestado é maior que ele próprio. Nenhum coelhonetense conseguiu até aqui ir tão alto e tão longe como ele.

O espírito corajoso do pai Duque e o estilo bonachão da mãe Maria, talvez tenha sido a senha para que conseguisse chegar onde quis chegar. Era um conciliador por natureza, um pacificador sempre pronto para ser acionado em qualquer crise. Um orador nato, escrevia como ninguém, um gentleman de primeira hora, de uma fineza como poucos, coisa de berço, sabe!

Agradeço a Deus pela oportunidade de tê-lo conhecido, de ter recebido dele minha primeira experiência no serviço público, de ter desfrutado de sua amizade e de deixar registrado em livro um pouco da sua história.

Desde que o convidei para escrever a coluna em meu Blog, passou a dizer para as pessoas que eu tinha virado chefe dele. Que audácia a minha, oferecer uma coluna ao homem da TV e ao pioneiro das comunicações no Maranhão.

Descanse em paz Dr. Magno! O senhor se despede da vida para entrar na história. O Itapirema aguarda sua chegada para o reencontro final com Duque, Maria, Wanda, Dalva, Raimundo, Bernardo e Antonio. Poderia ser um dia de tristeza, mas prefiro que seja um dia de celebração pelos seus feitos.

Gratidão eterna! O homem é esse, nesse homem eu boto fé!

Prorrogado prazo de inscrição em editais da segunda fase da Lei Aldir Blanc no Maranhão

Prorrogado prazo de inscrição em editais da segunda fase da Lei Aldir Blanc no Maranhão

A Secretaria de Estado da Cultura (Secma) informa que foi prorrogado o prazo de inscrições de dois editais da segunda fase da Lei Aldir Blanc no Maranhão. Os artistas interessados em participar dos editais Música e Dança, que se encerrariam nesta terça-feira (31), ganharam novo prazo para cadastro de propostas, e agora podem efetivar inscrições até às 23h59 do dia 2 de setembro, quinta-feira.

Esses editais estão entre os 11 novos certames lançados pela Secma, na segunda fase de aplicação de recursos da Lei Aldir Blanc de Emergência Cultural (Lei n° 14.017/20) no estado.

Os editais estão disponíveis para acesso público no site da Secma (cultura.ma.gov.br), onde constam todas as regras para participação. As premiações vão de R$ 3.500,00 a R$ 8.000,00. As inscrições e cadastros podem ser feitos na plataforma leialdirblanc.secma.ma.gov.br

Os editais que tiveram inscrições prorrogadas:

Conexão Música
Seleção de proposta de produção musical em vídeo
1500 vagas
Valor da premiação: R$ 3.500,00

Conexão Dança
Seleção de propostas de apresentação
100 vagas
Valor da premiação: R$ 8.000,00

A arte do despreparo e o discurso que mistura nada com coisa nenhuma…

A arte do despreparo e o discurso que mistura nada com coisa nenhuma…

Desconheço na história política recente de Coelho Neto, um vereador mais atabalhoado do que Cláudio Furtado (PROS). Qualquer cidadão consegue chegar a essa conclusão, se analisar os mais variados aspectos de sua performance parlamentar, a começar pela oratória. O homem não fala coisa com coisa e consegue sozinho misturar alhos com bugalhos!

Além dessa retórica péssima, o vereador é lider absoluto nas contradições – basta dizer que ele questiona todos os projetos que chegam naquela Casa e ao final ainda vota a favor. É mole? Pois bem, durante a sessão realizada ontem (26), quando mordido pelo despeito pessoal que sente do prefeito Bruno Silva (PP), resolveu externar suas frustrações com as medidas anunciadas pela Segurança Pública. Logo ele, que não tem qualquer serviço prestado pela cidade para chamar de seu.

Para tentar vender para a opinião pública que se preocupa com a cidade, o vereador – que após a sessão se manda para Teresina onde de fato reside, resolveu sugerir a criação da Guarda Municipal para conter a violência na cidade. Se fosse realmente um vereador informado, saberia que o projeto já consta previsto na mesma lei de aprovação da Municipalização do Trânsito, tanto que a função do Chefe da Guarda integra a reforma administrativa vigente que ele mesmo ajudou a aprovar. Também saberia que a Lei do teto dos Gastos proibe a criação de novas despesas até o final do ano, já que talvez ele nem saiba a complexidade de todo o processo que envolva essa matéria.

No afã de aparecer politicamente, Cláudio Furtado se esforça, mas se esbarra na própria inexpressividade. Sem se dar conta do quão rídiculo é sua performance, o vereador chegou a criticar o resultado da missão do prefeito e dos colegas vereadores para São Luís para ao mesmo tempo reclamar por não ter ido também. Ora pílulas! É ou não é um cidadão contraditório?

Mas ficou a cargo do presidente Rafael Cruz (MDB) a missão de emparedá-lo: perguntou se conhecia um endereço, que sem saber do que se tratava, deu o não como resposta. Para quem não sabe, o endereço perguntado é o que consta no comprovante de residência dado por ele próprio, para justificar que mora na cidade mesmo todo mundo sabendo que isso não é verdade.

Um pergunta com resposta lógica fica no ar: que respaldo tem um vereador que não sabe sequer o endereço que ele mesmo diz que mora? É patético!

Quem perdeu tempo para assistir o discurso do vereador se deparou com uma encenação de fazer inveja a qualquer circo…

“Isso é tudo especulação”, diz Fufuca, presidente nacional do PP sobre fusão de partidos do Centro

“Isso é tudo especulação”, diz Fufuca, presidente nacional do PP sobre fusão de partidos do Centro

O deputado federal André Fufuca, presidente nacional em exercício do PP, classificou como especulação notícia divulgada hoje, pelo jornalista Gerson Camarotti, do G1 e Globo News, dando como certa a fusão do PSL, Republicanos e PP – este último presidido nacionalmente pelo parlamentar maranhense.

“Isso é tudo especulação. Até o presente momento os partidos continuam como estão”, disse Fufuca ao editor do Blog.

Ele também enviou print de uma postagem feita pelo deputado federal e presidente nacional do Republicanos, Marcos Pereira, negando a procedência da notícia.

“Diferente do que foi publicado por G1 e GloboNews, o Republicanos não irá se fundir com PP e PSL ou com qualquer outro partido. Isso não procede e é informação já negada diversas vezes. O Republicanos completou 16 anos ontem segue firme para ser um dos maiores partidos do Brasil”, comentou Pereira.

O editor do Blog também alcançou o também deputado federal maranhense Pedro Lucas Fernandes e o questionou sobre a possibilidade.

“São muitas hipóteses. Ainda nada concreto para eu poder me posicionar. Vi que Marcos Pereira negou a informação”, pontou o parlamentar, que já está de malas prontas para desembarcar no PSL.

De acordo com o jornalista, PP, PSL e Republicanos avançaram nas tratativas para fundirem os três partidos em uma única sigla.

A nova legenda, que arregimentaria 126 deputados, tornando-se a maior bancada na Câmara, teria como missão ampliar a governabilidade de Jair Bolsonaro junto ao Congresso, em um movimento considerado essencial para o presidente neste momento. do blog do Gláucio Ericeira

‘Não definimos nada’, diz Lula sobre alianças do PT no Maranhão

‘Não definimos nada’, diz Lula sobre alianças do PT no Maranhão

O ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), frustrou os desejos de aliados vice-governador do Maranhão, Carlos Brandão (PSDB), e do senador Weverton Rocha (PDT), e deixou o estado, após uma estada de dois dias e meio, sem definir quem o Partido dos Trabalhadores apoiará na disputa pelo governo estadual em 2022.

Tucano e pedetistas seguem tentando viabilizar o apoio petista, enquanto, em nível local, ainda lutam, também, por uma declaração formal de apoio do governador Flávio Dino (PSB).

Em entrevista coletiva na tarde de ontem, na sede da Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras do Estado do Maranhão (Fetaema) – onde participou de encontro com movimentos sociais -, o ex-presidente afirmou à imprensa que uma decisão sobre o assunto deverá ocorrer somente em março de 2022 . Ele fez uma apelo por unidade de todas as correntes políticas de oposição ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

“Lógico que, numa viagem dessa, você não vem aqui para definir aliança política, porque, primeiro nós temos que respeitar os partidos. A minha presidenta tem forte relação com a direção nacional do PDT, o PT daqui tem forte relação política com o PDT do Maranhão, o Flávio Dino tem relação conosco e com todos os outros. Então, nós não definimos nada”, explicou Lula.

O petista acrescentou, contudo, que a série de conversas que manteve em solo maranhense, com lideranças de mais de uma dezena de partidos, será a tônica da sua campanha até o ano que vem.

“Uma coisa eu posso garantir: todos nós estamos mais maduros, todos nós sabemos a necessidade de manter os setores progressistas unidos, todos nós temos a certeza de que é preciso construir uma frente ampla para governar esse país. Porque não é só ganhar, você vai vendo pelas pesquisas que ganhar não é o mais difícil. O mais difícil é fazer o Brasil voltar a crescer, a gente voltar a distribuir renda, voltar a gerar emprego e voltar a fazer esse povo acreditar nessa nação”, completou, ao reforçar que não fechou nenhum acordo no Maranhão.

“Então, eu não saio daqui com nenhum acordo. Eu saio daqui com o mesmo desejo, que eu tenho certeza que é o desejo de todo mundo: em algum momento nós vamos nos juntar, e tá chegando perto o dia de a gente tomar uma definição. A gente pode ir enrolando vocês [jornalistas] até quem sabe o final do ano, mas lá para o mês de março a gente já vai estar com bastante clareza do que a gente quer”, disse.

Vice

Lula também respondeu a questionamento sobre a possibilidade de o governador Flávio Dino – atual pré-candidatos a senador – compor a sua chapa na condição de candidato a vice-presidente da República no pleito do próximo ano.

Ele brincou que o socialista deve “entrar na fila”, uma vez que já foram cogitados 11 nomes de lideranças políticas e ex-ministros de Governo, para o posto. Mas ressaltou que prefere o gestor estadual no Senado.

“A imprensa já me indicou 11 vices. Você vai entrar na fila”, declarou, dirigindo-se ao governador maranhense. Lula falou, na sequência, sobre os motivos que o levam a preferir Dino no Senado.

“Quem me conhece sabe que às vezes eu digo o seguinte: eu trocaria um senador por um governador. Sabe o que acontece? Um governador, quando ele toma posse, ele fica preocupado com a administração, ele às vezes, precisa de relação com o governo federal, porque ele precisa de recursos, ele é mais humilde. Mas um senador vira um deus. E, por isso, eu quero muitos senadores no Congresso Nacional. É preciso ter muitos senadores no Congresso Nacional, e muitos deputados federais”, destacou Lula, dando a entender, em seguida, que, se eleito presidente, pode ter Dino na sua equipe de ministros.

“Eu, sinceramente, não sei por quanto tempo o Flávio Dino ficará no Senado”, concluiu.

De O Estado

Evento de Imperatriz consolida alianças em torno de Weverton

Evento de Imperatriz consolida alianças em torno de Weverton
Evento que mexeu com a rotina de Imperatriz e de outras cidades da região tocantina, o lançamento oficial da pré-candidatura do senador  Weverton Rocha ao Governo do Estado foi a reafirmação dos compromissos de apoio de diversas lideranças políticas maranhenses com o pedetista.

– Estamos juntos e ninguém aparta – resumiu o presidente da Assembleia| Legislativa, Othelino Neto (PCdoB).

Com Othelino estavam também outros seis deputados estaduais: Rildo Amaral, Marco Aurélio, Wendel Lages, Glalbert Cutrim, Antonio Pereira, Marcos  Caldas e Neto Evangelista, além do secretário Márcio Honaiser, que é parlamentar.

Aliado e partidário de Weverton, Osmar Filho liderou grupo de vereadores de São luís a Imperatriz

Outro que mostrou sua liderança no evento de Weverton Rocha foi o presidente da  Câmara Municipal de São Luís, Osmar Filho. O vereador liderou comitiva com vários colegas.

Do partido do prefeito Eduardo Braide (Podemos) estiveram com Osmar os vereadores Octávio Soeiro e Francisco Chaguinhas; também foram a Imperatriz Nato Júnior, Raimundo Penha, Álvaro Pires e Silvana Noely.

Além da senadora Eliziane Gama, a bancada federal estava representada pelos deputados Juscelino Filho, Pedro Lucas Fernandes, Gil Cutrim, Cléber Verde e André Fufuca.

Presidente da Famem, Erlânio Xavier liderou prefeitos da região tocantina ao evento, mesmo diante da pressão do Palácio dos Leões

Prefeitos aliados ao projeto, tanto da região tocantina quanto de outros municípios maranhenses levaram caravanas para Imperatriz, todos liderados pelo presidente da Federação dos Municípios (Famem), Erlânio Xavier, outro com forte discurso em favor do senador.

Para todos, o lançamento da candidatura de Weverton Rocha é também o primeiro passo para a campanha, que tem por tema “O Maranhão Mais Feliz”.

Um novo encontro está marcado para o próximo fim de semana, em São Bernardo do Maranhão, com os prefeitos da região do Baixo Parnaíba.

Do Blog do Marco D´Eça

PM desarticula dupla de assaltantes na zona rural de Coelho Neto

PM desarticula dupla de assaltantes na zona rural de Coelho Neto

A equipe da PM foi informada, via copom, a cerca de um roubo que aconteceu no povoado Ermo entre as cidades de Coelho Neto e Duque Bacelar, onde individuos armados subtrairam os pertences pessoais e uma motocicleta de populares.

A guarnição deslocou-se ate o local e realizando rondas ostensivas verificou a presença de 2 individuos com caracteristicas suspeitas e analogas ao fato ocorrido, no momento da abordagem os individuos adentraram ao mato (local inabitado), sentindo ignorado, e abandonando os objetos supracitados. Materiais entregues para as providencias cabíveis:

01 (Uma arma caseira- garruncha)

03 celulares

Objetos pessoais( bolsas, roupas….)

1 motocicleta fan preta.

Sem votos e grupo em frangalhos, ex-prefeito de Coelho Neto dá abraço dos afogados em Rafael ex-Leitoa

Sem votos e grupo em frangalhos, ex-prefeito de Coelho Neto dá abraço dos afogados em Rafael ex-Leitoa

O ex-prefeito de Coelho Neto Américo de Sousa (PT), resolveu jogar uma pá de cal na expectativa dos poucos aliados mais afoitos que lhe restaram após a derrota de 2020.

Confiado numa meia dúzia de apaniguados mais próximos que lhe vendiam a ilusão de que era uma referência de prefeito e que teria reeleição garantida, o petista viu seu mundo desmoronar ao perder a eleição de forma humilhante para o “menino” Bruno Silva (PP).

Como não poderia ser diferente, após a derrota histórica  Américo viu seu grupo definhar. Derrotado, mas sem querer perder a pose, ventilava para aliados a possibilidade de ser candidato a deputado em 2022. Sem votos para se eleger nem para inspetor de quarteirão, o ex-prefeito foi obrigado a rever seus conceitos para não passar um vexame maior do que a derrota da reeleição.

Além da falta de votos, outro problema que Américo viu bater na sua porta foi a rejeição de quem até então era aliado de primeira hora. Com o grupo dividido, o ex-prefeito sabia que o resultado da eleição poderia ser ainda pior, por isso decidiu recuar da candidatura para dar um “abraço dos afogados” no deputado estadual Rafael ex-Leitoa (PDT).

Mas Américo nunca foi bom de voto. Sentado na cadeira de prefeito e gozando de todo prestígio do Governo do Estado que seus aliados na época gostavam de arrotar, o prefeito não conseguiu dar 5 mil votos para Leitoa, imagine agora, fora da cadeira e lider absoluto de rejeição. Será que contaram essa parte ao vice-governador Carlos Brandão?

Já imaginou Américo e Rafael de mãos dadas em Coelho Neto pedindo voto? Coitados!

Só não vai ser trágico, porque será cômico!

Só taca! Turma ligada ao ex-prefeito Américo perde mais uma na justiça e Oberdan segue no SINTASP

Só taca! Turma ligada ao ex-prefeito Américo perde mais uma na justiça e Oberdan segue no SINTASP

A turma de aliados do ex-prefeito de Coelho Neto Américo de Sousa (PT), que desejava a todo custo retomar o controle do SINTASP perderam mais uma na justiça.

Trata-se da Ação Ordinária impetrada por Raimundo Nonato de Araújo Brito, João de Sousa da Silva, Mauro Júnior da Costa e outros que na condição de diretores da entidade na época alegavam irregularidade da Assembleia Ordinária realizada no dia 23 de novembro.

No decorrer do processo, pelo menos 06 desistiram, restando apenas João de Sousa da Silva e Maria dos Remédios Rodrigues Ferreira que chegaram a ser ouvidos.

Em sua decisão, o juiz do trabalho Dr. Higino Diomedes Galvão, decidiu ratificar a decisão denegatória da tutela de urgência, julgando improcedente a ação anulatória.

Essa é mais uma decisão judicial que sepulta a tentativa “dos vermelhos” de ganhar na justiça e retomar o controle da entidade que um aliado chegou a dizer que seria “válvula de escape”, após a derrota do prefeito no ano passado.

O atual presidente da entidade Oberdan Lopes segue sorrindo á toa da da coleção de derrotas judiciais daqueles que não aceitaram a vontade das urnas e tentaram de todas as formas retomar o controle do sindicato. Se quiserem já podem pedir música no Fantástico.

Já deu, já era!