FURACÃO SOLINEY

FURACÃO SOLINEY
Fotos: Vereador Val

O último dia 31 de outubro foi marcado pelas comemorações de aniversário dos 118 anos de Coelho Neto. A cidade que no passado já despontou como potência econômica no Estado hoje se ver afligida pelas incertezas do Grupo João Santos e pelas demandas cada vez mais urgentes voltadas, sobretudo a geração de emprego e renda. Com tudo isso e ainda que numa velocidade mais moderada, a cidade continua crescendo e absorvendo ao mesmo tempo vários problemas comuns aos grandes centros urbanos desse país.

Em 2008, mais de treze mil eleitores decidiram conferir os destinos da cidade nas mãos do então Deputado Estadual Soliney Silva-PSD, que na ocasião se transformou num fenômeno em ganhar votos e no ano passado em transferir votos, ao eleger com folga seus dois deputados Max Barros (Deputado Estadual) e Gastão Vieira (Deputado Federal e atual Ministro do Turismo), além do apoio dado as candidaturas da Governadora Roseana e dos senadores João Alberto e Lobão.

Muito próximo de completar três anos de mandato, a cidade consegue sem muita dificuldade contabilizar os ganhos reais conquistados pela atual administração e voltados sobretudo, para a melhoria da qualidade de vida da população, nas mais diversas áreas.

Da forma como planeja e executa as obras que tem marcado sua gestão e seu modo de governar, Soliney repassa um modus operandis muito particular e que o torna diferente de tantos prefeitos (as) que por aqui passaram.

Com maioria na Câmara, e gozando de dados bastante animadores de aprovação popular, quando parte dos prefeitos agonizam com índices alarmantes de rejeição e descrédito, Soliney vai tocando o governo com olhos direcionados ao projeto de sua reeleição. Não existe quem duvide de suas habilidades em girar no bambolê do jogo político e até seus adversários, inclusive os mais ferrenhos, reconhecem sua perspicácia, tanto que já se movimentam temendo sofrer mais uma derrota no pleito que se avizinha.

Recentemente Soliney começou a botar ordem nas suas hostes no intuito de montar seu projeto eleitoral para 2012. Quem observou, mesmo que de longe, percebeu que o Prefeito permanece no comando do jogo e no controle das pedras: se as pedras não querem colaborar com a partida, são imediatamente substituídas para não prejudicar as outras pedras e o bom andamento do jogo, afinal como aceitar que pedras posicionadas em locais errados atrapalhem um time todo de continuar ganhando? Por outro lado a oposição segue tentando antecipar a eleição e causando cenas no mínimo constrangedoras quando adversários de outrora são vistos a toda hora trocando afagos e declarando cumplicidade de amor “até que a morte os separe”.

A presença do Secretário Chefe da Casa Civil Luis Fernando na entrega das obras na última segunda (31) reforça a parceria êxitosa da Prefeitura com o Governo do Estado. As realizações nas áreas da saúde, educação, abastecimento de água, calçamento e asfaltamento de ruas são entregues após um longo período de espera por parte da população.

Não se pode dizer que Soliney não é um homem ousado, ao contrário, fica fácil perceber que todo esse zelo está voltado para o bom nome que o mesmo preserva dentro e fora da seara política. Mais do que fazer jogo de cena e graça para oposição, Soliney prefere agir e através do trabalho responder as críticas.

A cidade de Coelho Neto acaba de completar 118 anos na certeza de que está nos trilhos no desenvolvimento e ansiosa por novas conquistas em prol do seu povo. Pela forma com que trata a política Soliney segue como se fosse um furacão arrastando os maus pensamentos e deixando o caminho livre para que possam fluir as boas práticas, confiante de que a união e o esforço conjunto serão os grandes responsáveis pela transformação da cidade que temos na cidade que queremos.

Medite em Cristo: E as autoridades que há foram constituídas por Deus. Rm. 13, 1b

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *