Américo sinaliza governo de coalizão…

394-400

O prefeito eleito de Coelho Neto Américo de Sousa (PT), tem tido tranquilidade ao montar o primeiro escalão do seu governo por vários motivos, dentre os quais o número reduzido de partidos políticos de sua coligação e da “pouca quantidade” de lideranças com “maior expressão” que o apoiaram.

Para que não paire dúvida sobre essa colocação, além do PT, a coligação majoritária era composta apenas por Solidariedade, PCdoB, Psol e o PPS correndo por fora por conta da briga judicial.

A “pouca quantidade” de lideranças refere-se aos ex-prefeitos, vereadores e ex-vereadores que tendem normalmente a exigir uma participação bem maior na composição do governo.

Por conta disso, Américo já sinaliza que a montagem do seu governo está sendo de coalização com as forças que lhe ajudaram a se eleger.

Diferentemente de prefeitos que escolhem técnicos para compor as principais secretarias, o petista deve confiar as pastas, aos nomes dos partidos e as lideranças que tenham aptidão para assumir as funções.

Desde que começou a discussão da composição do governo, os partidos PPS, Solidariedade e PCdoB já foram comunicados do seu naco de poder, ficando o PT e Psol para as últimas conversações.

Confirmadas as indicações e acalmado os ânimos de alguns aliados mais afoitos, o prefeito eleito deve continuar anunciando a composição do seu secretariado.

Nos resta aguardar para conferir…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *