PEDRO NOVAIS É ELOGIADO POR MINISTROS E GOVERNADORES

PEDRO NOVAIS É ELOGIADO POR MINISTROS E GOVERNADORES

Brasília – O ministro do Turismo, Pedro Novais, recebeu nesta quarta-feira uma clara demonstração de apoio de seus colegas do PMDB. Durante a abertura do 6.º Salão do Turismo, em São Paulo, primeira feira sob sua direção, Novais foi prestigiado por ministros peemedebistas, como Garibaldi Alves (Previdência), Edison Lobão (Minas e Energia) e Wagner Rossi (Agricultura), por governadores do partido, entre eles André Puccinelli (MS) e Confúcio Moura (RO), além do líder do PMDB na Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (RN).


Até o governador petista da Bahia, Jacques Wagner, elogiou a atuação de Pedro Novais no Turismo

Até o governador petista Jaques Wagner (BA), presente na cerimônia de abertura, rasgou elogios. “Em apenas seis meses, já ficou claro, apesar do tamanho físico miúdo, que ele veio com a cabeça e o coração de gente grande”, disse o governador, que destacou a forma como o ministro trata todos governadores, “sem a mesquinhez” da política.

Novais não arriscou um discurso de improviso, preferiu ler, calmamente, seu pronunciamento. Nos 30 minutos de discurso, o ministro do Turismo fez um balanço de sua gestão e dos projetos em curso, entre eles o termo de cooperação assinado hoje com o Ministério da Pesca para ações de incentivo à pesca amadora, a criação do Cadastro Nacional de Turismo para prestadores de serviço, o sistema eletrônico de registro de hóspedes e os projetos de qualificação dos trabalhadores para a Copa de 2014. “Apesar de ser uma pessoa pessimista, eu creio no governo Dilma e no trabalho que estamos fazendo. Não posso deixar de ser otimista com os fatos”, declarou.

Até o ex-deputado federal Flávio Dino (PCdoB-MA), adversário da família Sarney (patrocinadora da nomeação de Novais), ganhou elogios do ministro. “Agora a Embratur está competentemente dirigida pelo Flávio Dino”, disse. O ministro também fez questão de ressaltar que conta com o apoio da presidente da República. “Tenho a honra de ser funcionário e servidor da presidente Dilma, que me tem distinguido com todas as orientações necessárias para que no Ministério do Turismo eu exerça um bom trabalho.”

No final de seu longo discurso, ele mencionou a presença de seus colegas do PMDB e se desculpou pela emoção. “Estou orgulhoso de estar sendo prestigiado por tantos governadores, ministros, autoridades e pelo meu grande amigo e líder Henrique Eduardo Alves”, afirmou. Para ele, a presença dos peemedebistas foi apenas um singelo sinal de apreço. “Eu sou peemedebista há quase 30 anos e então é claro que eu tenho amizades dentro do partido”, justificou.

Aos jornalistas, Novais defendeu a melhora da infraestrutura turística do País e, entre um elogio e outro para as questões levantadas pela imprensa, disse que seu grande desafio é ter sua gestão reconhecida. “O meu maior desafio é fazer uma boa administração. É ser reconhecido como uma pessoa que tem o interesse de trabalhar pelo seu País.”

(Com informações da Agência Estado).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *