O APOIO “GRANDES COISAS” DE JÚNIOR MARRECA

O APOIO “GRANDES COISAS” DE JÚNIOR MARRECA


A disputa pela eleição da FAMEM tem sido um dos temais mais badalados pós-eleições e não poderia ser diferente dado a importância que a entidade representa. No entanto, é visível o esforço do Prefeito de São José de Ribamar Gil Cutrim – PMDB de se mostrar favorito na disputa em detrimento à candidatura do Prefeito de Coelho Neto Soliney Silva – PSD confirmado candidatíssimo ao pleito. 
O esforço tem sido tão grande, que a estratégia é apenas uma: massificar o nome do “afilhado” de Luis Fernando no intuito de tentar torná-lo uma unanimidade, o que não quer dizer que é verdade. Para tentar mostrar sua força, Gil Cutrim anunciou com pompa na última segunda-feira (27), o apoio declarado do ainda Presidente da FAMEM e Prefeito de Itapecuru Júnior Marreca-PR. Grandes coisas! Dá pra ir mais longe e dizer que seria cômico, se não fosse trágico.
Para quem não sabe, Júnior Marreca que deveria ser um dos melhores prefeitos, senão o melhor prefeito do Maranhão, não anda lá com essas bolas todas e a população de Itapecuru que o diga.  Marreca tem colecionado no seu histórico de administrador, o fantasma do atraso no pagamento de funcionários, denúncias de não prestação de contas de convênios federais e por último está sendo acusado de aproveitar-se no apagar das luzes do seu governo, de criar mais de 300 vagas de servidores efetivos com intuito de inviabilizar a próxima gestão, haja visto que o Sindicato dos Servidores não foi chamado para discutir tal projeto de lei. 
O mais novo cabo eleitoral de Gil Cutrim não vota e nem tem o voto do Prefeito eleito de sua própria cidade. O motivo? Marreca foi tão mal avaliado, que não conseguiu eleger seu candidato, perdendo a eleição para o jovem professor e pastor Magno Amorim-PPS. Nas plenárias e nas reuniões da FAMEM Júnior Marreca utiliza a velha máxima do ditado popular: faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço, ou seja, pousa de bom gestor para os prefeitos, mas sua gestão nem de longe aparenta ser exemplo para os gestores maranhenses. 
Enfim, Gil Cutrim tem tentado a todo custo “estadualizar” a disputa da FAMEM envolvendo na sua candidatura, nomes como o da governadora Roseana Sarney-PMDB e do Secretário da Casa Civil Luis Fernando. O apoio de Júnior Marreca é um outro sinal claro de tentar mostrar força, mas se pensa que pode impor sua candidatura como consenso, Gil Cutrim pode se surpreender e dar com os burros n´água, talvez por esquecer que vivemos em um país democrático e que preza o direito do contraditório. Se quer pagar pra ver…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *