Estado busca compartilhamento de experiências para otimizar serviços

Foto2_FranciscoCampos-Reunião-Congep

Na manhã desta terça-feira (24), secretários de estado, diretores de órgãos, gestores e representantes técnicos se reuniram no Palácio dos Leões com o governador Flávio Dino e o vice-governador Carlos Brandão no encontro periódico do Conselho de Gestão Estratégica de Políticas Públicas do Governo (Congep). A reunião tem o foco no pensamento estratégico da atual gestão, com o compartilhamento de experiências e unificação de ações.

Nesta edição, a equipe debateu questões sobre as ações do ‘Mais IDH’, a serem realizadas nos 30 municípios com piores indicadores de desenvolvimento humano do Maranhão, a reformulação dos investimentos do Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES), composição das câmaras setoriais do CONGEP e o orçamento participativo, que está em fase de definição da metodologia.

O governador Flávio Dino explicou que as reuniões periódicas do Conselho de Gestão Estratégica de Políticas Públicas acontecem para otimizar a dinâmica do trabalho e garantir melhores resultados na prestação de serviços aos maranhenses. “Estamos a cada reunião avançando com o secretariado no estabelecimento de prazos para que os resultados, que já estão ocorrendo, possam acontecer com ainda mais velocidade”, afirmou.

Sobre o Plano de Ação ‘Mais IDH’, uma apresentação foi realizada pelo secretário de Direitos Humanos e Participação Popular, Francisco Gonçalves. “Temos o desafio do tramalho da história que fez a atual gestão ser eleita. Além das ações mais imediatas que já estão sendo realizadas, estamos planejando outras com o envolvimento de mais secretarias”, destacou o secretário.

Durante o compartilhamento do plano e seus resultados, outras secretarias apresentaram proposta para incrementar o ‘Mais IDH’. O foco das ações será sempre a promoção da melhoria da qualidade de vida dos maranhenses, principalmente naquelas localidades do estado que estavam esquecidas nas gestões anteriores.

A secretária de Cultura, Ester Marques, lembrou o projeto de itinerância cultural que será realizado nos 20 maiores municípios do estado que será integrado para alcançar os municípios inseridos no ‘Mais IDH’. “A nossa proposta não é levar festas, mas sim políticas de cultura. Vamos envolver todo o entorno dos municípios”, explicou.

Representação em Brasília

O secretário de Representação Institucional do Maranhão em Brasília, Ricardo Cappeli, aproveitou a oportunidade para enfatizar a sua atuação junto ao governo federal para conseguir atrair mais benefícios para o estado. “Da sinalização positiva de algum recurso até a real chegada do dinheiro, existe um longo percurso. O nosso corpo técnico está a disposição de todas as secretarias justamente para dar apoio a essas articulações”, explicou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *