CLIMA NA CÂMARA ESQUENTA DE NOVO: RAIMUNDÃO “SE ESTRANHA” COM OSMAR

CLIMA NA CÂMARA ESQUENTA DE NOVO: RAIMUNDÃO “SE ESTRANHA” COM OSMAR


Raimundão e Osmar: ânimos aflorados

Parece que está virando rotina o “clima quente” nos bastidores da Câmara de Coelho Neto. Pois bem na sessão de hoje (04) o debate se acirrou entre os vereadores Raimundão-PSD e Osmar Aguiar-PT.
Ocorre que ao fazer uso do grande expediente o vereador Osmar Aguiar relatou que ao término da sessão passada soube que seria agredido por dois senhores que estavam do lado de fora da Câmara e quis atribuir isso a pessoas ligadas ao governo. Disse que teria procurado a delegacia para registrar um B.O. e que sabia que havia pessoas presentes na sessão que estavam patrocinando os possíveis agressores, tudo isso segundo ele graças a sua postura de oposição e pelas críticas a administração municipal. Reafirmou que não mudaria nada de sua postura e que continuaria usando a tribuna para fazer denúncias e criticar quando fosse necessário o atual governo.
O debate rendeu e ganhou apartes dentre os quais o do vereador Cará-DEM que pediu que o caso fosse investigado, pois havia sido informado que o fato estava sendo atribuído a ele sem quaisquer provas.    
Após a discussão o vereador Raimundão pediu a palavra e criticou o uso da tribuna para o debate de assuntos particulares e relacionados segundo ele a querelas político-partidárias. Fez menção a legislatura anterior onde parlamentares quase chegam as vias de fato envergonhando o parlamento e manchando o trabalho de todos os vereadores. Pediu que o vereador Osmar fosse direto nas suas denúncias e que citasse nomes sob pena de seu discurso se tornar irresponsável e sem provas. Foi o bastante para que Osmar tomasse a palavra e pedisse respeito ao colega vereador. 
Em meio ao discurso duro entre os dois, o Presidente da Câmara Antonio Pires-PSD fez as vias do “deixa disso” enquanto tudo se acalmasse. Pelo jeito os vereadores andam de ânimos a flor da pele, nada que um bom chá de erva cidreira não resolva. Simples assim!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *