Soliney reaparece, causa alvoroço e movimenta bastidores políticos…

Benedito Fernandes, Rafael Cruz e Waltenir Lopes entregaram documentação a Walkmar Neto

O ex-prefeito de Coelho Neto Soliney Silva (PMDB), resolveu dar as caras após mais 15 dias afastado do cenário político. Essa é a primeira vez que o peemedebista se manifesta desde que deixou o mandato e essa simples aparição foi o bastante para causar alvoroço e movimentar os bastidores políticos da cidade.

Ocorre que o ex-prefeito reapareceu noticiando que havia entregue tanto na Prefeitura, quanto no Ministério Público, a relação de pagamentos que deveriam ter sido feitos pelo Banco do Brasil na primeira segunda-feira do ano (02).

Segundo ele, uma pressão do atual prefeito Américo de Sousa (PT), na gerência local do banco, impossibilitou que os processos já empenhados fossem pagos. De acordo com a documentação apresentada, estavam assegurados os pagamentos de contratados, concursados, 1/3 de férias, 13º e salário e 14 salário para profissionais do magistério.

A notícia divulgada no início da madrugada de hoje (17), causou reboliço e logo se tornou o principal assunto das redes sociais. Diante da polêmica na ausência dos pagamentos, Soliney retornou as aparições nos grupos de whatsapp e contrapôs as informações de nomes ligados ao  governo.

O reboliço foi tanto, que Américo foi a rádio para fazer um balanço dos primeiros 15 dias de governo e “sem querer, querendo” aproveitou para falar sobre a movimentação do ex-prefeito.

Mas essa é uma outra história…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *