População de Coelho Neto reage após “onda” de violência…

images (1)

Depois que a morte do fotógrafo José Francisco dos Santos conhecido por Zeca do Foto de 42 anos foi divulgado na noite de ontem (26) pela imprensa local, a população de Coelho Neto iniciou uma onda de protestos via rede social.

O quarto assassinato em 05 (cinco) dias gerou comoção e a população decidiu reagir em meio ao silêncio sepulcral das autoridades policiais que só se manifestaram neste sábado (27) após o estopim da crise.

Tanto o responsável da Polícia Civil quanto o Comando da Polícia Militar foram alvos de duros ataques por parte sobretudo de jovens que questionaram a falta de ação dos policiais diante da violência.

Apesar das críticas, o delegado Sidney Tenório foi o único a se manifestar dizendo que “a Polícia Civil está investigando todos os homicídios e que deverá iniciar operações para tentar apreender armas e drogas na cidade”.

Foi só a crise da segurança explodir para os aproveitadores políticos de plantão que até então estavam calados se utilizar do fato para tentar mostrar serviço, na velha máxima de que “brasileiro só fecha a porta depois de roubado”…

A população deixou um recado claro: não aceita que Coelho Neto que sempre foi uma cidade pacata vire terra sem Lei. As autoridades responsáveis pela segurança que tratem de contornar a crise, pois o recado foi muito duro e a rejeição é visível.

Que as respostas venham…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *