O PESADELO DE MÁRCIA BACELAR

O PESADELO DE MÁRCIA BACELAR

Desde que decidiu retornar a Coelho Neto de olho nas eleições que se avizinham, a ex-prefeita Márcia Bacelar-PSB tem corrido estreito para tentar recuperar o tempo perdido, afinal já são quase oito anos fora do poder. Conhecida pelo seu temperamento odiento, ao deixar o mandato a ex-mandatária deixou várias portas fechadas pela forma com que tratava os aliados. Na última campanha Márcia se viu só e o que é pior, constatou que as pessoas que mais deu ouvidos foram os primeiros a deixá-la só no barco, prestes a afundar, com uma candidatura sem futuro. Não deu outra, o barco afundou.

Agora, mais simpática, a ex-prefeita novamente tem a experiência de calçar as sandálias da humildade e correr na busca de apoio. Embora empolgada com a idéia de unir a oposição, ou o que sobrou dela, a ex-prefeita se depara com seu maior pesadelo: suas contas rejeitadas. Os oposicionistas deverão se utilizar das pesquisas para definir o nome do grupo e embora tenha possibilidades de ser uma das bem avaliadas na atual conjuntura, Márcia sabe que isso só não basta, principalmente quando se considera a temida Lei da Ficha Limpa.

Mas como dizia minha avó um dia da caça outro do caçador. Assim como fez no ano passado, Márcia já andou dando umas voltinhas pela Câmara Municipal na intenção de falar com os edis. É que está na Câmara par ser apreciado o Processo nº. 7940/2010-TCE, referente ao recurso de revisão interposto pela Senhora Márcia de Jesus Buzar Bacelar Nunes, Prefeita do município de Coelho Neto do exercício financeiro de 2003, que recebeu na sessão plenária de 01/12/2010, Acordão PL-TCE-MA Publicado no D.O de Justiça de 13/04/2011, mantendo o Acórdão PL-TCE nº. 073/2008 pelo julgamento irregular e manutenção da multa ora lhe imposta.

Em outras palavras o Tribunal não aceitou a defesa apresentada na época pela ex-prefeita. Na decisão, o Conselheiro Yêdo Flamarion Lobão deixa claro que o parecer do TCE só deixará de prevalecer por deliberação de dois terços dos membros da Câmara. E quem é a relatora da matéria? Pasmem, a vereadora Lú (quando soube, a ex-prefeita deve ter ido parar na água de açúcar). Pois é, a Presidente da Comissão de Finanças e Orçamento dará o parecer para que a matéria seja levada ao Plenário. Quem deve está torcendo para que tudo dê errado para a ex-prefeita é o balaio Américo de Sousa-PT (aquele que só não chamava ela de gente, quando estava no exercício do cargo), assim é menos um aliado no seu caminho na ambição de se tornar candidato a prefeito da cidade.

Vamos aguardar o desenrolar dos fatos e vê como a Câmara de Vereadores vai se portar diante de uma decisão tão importante como essa, e o blog faz questão de acompanhar tudo de perto. Pois bem, Vereadora Lú a batata está em suas mãos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *