O CASAMENTO DE CONTO DE FADAS CATIVA A IMAGINAÇÃO DO MUNDO

O CASAMENTO DE CONTO DE FADAS CATIVA A IMAGINAÇÃO DO MUNDO

LONDRES — William da Inglaterra e Kate Middleton, a plebeia que agora é princesa, se converteram em marido e mulher numa cerimônia que encheu de entusiasmo e fervor as ruas de Londres e cativou a imaginação do mundo todo.

Tudo começou com Kate Middleton circulando de carro pelas ruas de Londres até chegar a seu destino, a Abadia de Westminster. No percurso, enquanto a imprensa tentava decifrar os detalhes de seu esperado vestido de noiva, ela foi ovacionada pelas pessoas aglomeradas nas calçadas e sorridente acenou durante todo o trajeto.

“Você está linda”, disse o príncipe William ao ver sua noiva usando um elegante vestido branco marfim, com uma longa cauda e discreta tiara.

Cerca de dois bilhões de pessoas em 180 países acompanharam a cerimônia pela televisão, pelo Youtube e redes sociais, ao mesmo tempo em que milhares de pessoas de todo mundo invadiram as ruas de Londres para o acontecimento mais midiático na Grã-Bretanha desde o casamento de Diana e Charles, os pais de William.

A cerimônia, cheia de música, pompa e cores, transcorreu diante de 1.900 convidados, entre eles membros das monarquias europeias, celebridades, líderes políticos e amigos do casal, que lotaram desde cedo a Abadia, decorada com um arvoredo e flores silvestres.

A rainha Elizabeth II vestiu um tailleur e chapéu amarelo primaveril.

A noiva, agora princesa Catherine, seguiu seu estilo clássico e refinado optando usar um vestido simples e elegante, criado por Sarah Burton, da marca Alexander McQueen.

Em tecido fosco, o vestido de noiva do século é um tomara-que-caia com decote coração de cintura muito marcada, com blusa de renda e mangas compridas, e bordados muito delicados na cauda.

Com os cabelos levemente presos nas têmporas e protegidos por um véu sem muitos detalhes ou bordados, Kate usou uma tiara pequena e delicada, que, segundo especialistas, pertenceu à Rainha Mãe, combinada com brincos discretos e uma maquiagem com poucos brilhos ou cores, digna de um membro da família real.

“Sim, aceito”, disse William com voz firme, enquanto que Kate, com uma voz um tanto trêmula, pronunciou seu “Sim”, prometendo ao príncipe “amá-lo, confortá-lo, honrá-lo e cuidar dele”.

Como mulher moderna que é, Middleton não se comprometeu em seus votos matrimoniais a “obedecer” ao marido.

Depois de falar o “Sim”, William, meio nervoso, colocou no dedo da esposa a aliança confeccionada por joalheiros galeses, que usaram uma pedra presenteada pela rainha Elizabeth em novembro.

O príncipe Harry, irmão mais novo de William e seu padrinho, encarregado de levar a aliança à abadia, cumpriu com seu país, enquanto o noivo, de comum acordo com sua prometida, não usou aliança.

Depois dos votos nupciais, William e Kate foram declarado marido e mulher pelo arcebispo de Canterbury, Rowan Williams.

Na saída da abadia, os recém-casados foram recebidos por uma chuva de confetes e uma ovação estrondosa por parte da multidão.

O casal entrou na carruagem real saudando e exibindo sorrisos ao longo de todo o percurso do cortejo nupcial, da histórica Abadia até o Palácio de Buckingham, sede da Coroa britânica.

Milhares de pessoas, que acamparam durante longas horas e, inclusive dias, à espera do casamento ovacionaram e aplaudiram o casal, agitando bandeiras britânicas.

O casal fez o percurso numa carruagem fabricada em 1902, uma joia da frota da Coroa britânica, que foi cedida pela Rainha e que foi a mesma a qual Diana e Charles usaram há 30 anos.

O tempo foi generoso e, apesar de nublado, não choveu, como previam os meteorologistas, permitindo que o passo a passo da cerimônia transcorresse sem maiores inconvenientes.

No Palácio de Buckingham, outra multidão apaixonada recebeu os recém-casados que ainda precisavam protagonizar mais um momento muito esperado do espetáculo.

A nova princesa, ao assomar ao balcão do palácio, não pôde deixar de exclamar um “uau!” ao ver o mar de pessoas aglomeradas diante do palácio.

Ao lado da rainha Elizabeth II, seus pais e irmãos, os príncipes então trocaram um beijo rápido e discreto, que fez a multidão ovacionar com muita empolgação a cena protagonizada no balcão enfeitado nas cores vermelhas e dourada para a ocasião.

O casal trocou um segundo beijo momentos depois.

Antes de deixar o balcão, William e Kate admiraram ou um breve desfile aéreo, encerrando assim a parte pública do casamento.

Os recém-casados em seguida se uniram aos 650 convidados da rainha para uma festa mais íntima, antes de descansarem um pouco para o jantar com cerca de 300 familiares e amigos mais próximos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *