Juíza proíbe propaganda mentirosa da campanha de Jorge Oliveira contra Maísa…

decisao

A juíza eleitoral Dra Raquel Araújo decidiu pôr fim ontem (30) a pouca vergonha que se tornou a campanha ofensiva protagonizada pelo Prefeito de Duque Bacelar Flávio Furtado (PDT), contra a candidata Maísa Burlamaqui (PMDB).

Em ato de grande desespero e na tentativa de beneficiar seu candidato, aliados e o próprio pedetista decidiram deste ontem propagar na rede social e em carro de som volante, a notícia de que Maísa não poderia ser candidata por ser ficha suja.

Por se tratar de uma mentira já que Maísa está apta para a disputa, a magistrada mandou que as divulgações fossem suspensas IMEDIATAMENTE, sob pena de multa diária de R$ 10.000,00 (dez mil reais).

Em outros tempos até que a divulgação dessa mentira poderia vingar, mas os tempos são outros e a Justiça Eleitoral está ai justamente para coibir os abusos e os excessos daqueles que não conseguem participar da disputa sem jogar limpo.

Simplesmente porque o desespero da reta final não deixa…

Simples assim!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *