“Estou preocupado com a situação financeira do município”, diz Prefeito eleito de Afonso Cunha

entrevista
Esse blogueiro durante entrevista com o prefeito eleito Arquimedes Bacelar

Fomos recebidos ontem (08), pelo Prefeito eleito de Afonso Cunha Arquimedes Bacelar (PTB), para uma conversa sobre alguns temas de interesse da sociedade nesse período pós-eleição.

Arquimedes saiu das urnas no último domingo (02), com 2.181 votos pondo fim ao mando do atual prefeito José Leane (PMDB), que tentou eleger a sobrinha como sucessora mas que ficou em terceiro lugar na disputa.

O petebista aglutinou diversas forças em torno do seu projeto político, dentre eles a ex-primeira dama Cláudia Bacelar como sua vice, o ex-prefeito Dr Mario Bacelar e a maior coligação de candidatos a vereadores.

A seguir os questionamentos feitos a ele pelo blog:

Qual o sentimento de prefeito eleito de sua terra natal?

O sentimento é de total gratidão a Deus, por ele me conceder realizar esse sonho pessoal. E é a ele que tenho pedido força e sabedoria para corresponder à confiança que me foi depositada pelos irmãos afonsocunhenses.

E a festa da vitória?

Bom a festa da vitória faremos em duas partes: a primeira será no próximo dia 14, com um churrasco na minha casa no Povoado Barrinha. A segunda será show no dia da posse, com atrações que serão confirmadas posteriomente.

Em que passo anda a transição de governo?

A princípio já requeremos do atual governo as primeiras informações e estamos aguardando o Prefeito dar as respostas dentro do prazo que lhe é assegurado por Lei.

Como acha que está a situação financeira do município?

Esse é o tema que tem tirado meu sono. Tenho sido procurado quase que diariamente por colaboradores e servidores da prefeitura reclamando de um, dois, três, quatro e até mais meses de salário atrasado. Só teremos noção de como está isso realmente após o início do trabalho da transição. Mas deixo claro que vamos fazer com que a Lei de Responsabilidade Fiscal seja respeitada e possamos receber a Prefeitura com os débitos sanados por quem os executou.

O senhor fez 4 dos 9 nove vereadores. Como será a relação com a Câmara?

A Lei diz que os poderes são independentes mas precisam ser harmônicos entre si e vamos fazer valer essa máxima. Vamos respeitar a autonomia do Poder Legislativo mas estabelecendo um diálogo constante com os vereadores. Terão da nossa parte toda atenção para que as demandas da comunidade apresentadas por eles possam ser atendidas dentro das condições do município.

A grande curiosidade das pessoas dizem respeito ao secretariado. Quando começará o anúncio? Qual critério será utilizado?

O secretariado serão observados critérios técnicos e políticos, dentro da força de coalizão que nos deram sustentação durante a campanha eleitoral. Posso garantir que os secretários passarão por avaliação de desempenho. Vamos precisar dar respostas imediatas a sociedade e vou iniciar os anúncios logo após o início dos trabalhos da equipe de transição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *