Secretaria de Cidadania: mais um engodo do governo Américo…

Desde que foi sancionada pelo prefeito de Coelho Neto Américo de Sousa (PT), a reforma administrativa é uma prova cabal de que estamos diante de um governo burocrata, centralizador e principalmente incompetente.

Não custa lembrar que ao tramitar na Câmara de Vereadores em regime de urgência, a base aliada do prefeito rasgava os dentes pra dizer que dessa reforma dependiam-se os empregos e de lá para cá tudo se revelou mais uma fantasia do prefeito e sua claque.

A Secretaria de Cidadania vendida como novidade só existe no papel. Passado 07 (sete) meses a secretaria criada para ter órgãos como as coordenadorias de Juventude, Mulher, Diversidade Racial, Defesa do Consumidor, Emissão de Documentos, Geração de Trabalho e renda, Inclusão Digital e uma Assessoria Técnica atualmente serve apenas para pagar o salário do secretário.

Para se ter uma idéia da gravidade da coisa, o próprio site do governo ignora a existência da secretaria, confirmando a desorganização e a bagunça de um governo que não se acha.

Site do governo ignora existência da Secretaria de Cidadania que tem secretário mas não funciona

Francisco Duruteu que respondia pelo Serviço Autônomo de Abastecimento de Água – SAAE foi alçado ao cargo de secretário da Cidadania, após a nomeação de Jademil Gedeon para o cargo.  Pessoalmente é uma pessoa que tem boa vontade de trabalhar, mas esbarra num governo que patina na própria inércia.

A Secretaria de Cidadania foi criada, mas sua composição de fato sequer existe.

E figura como mais um engodo da gestão petista…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *