Rapidinhas da boca da noite

Rapidinhas da boca da noite

Dia longo

O dia pareceu longo pelo menos para alguns grupos políticos de uma cidade acolá. A divulgação de uma pesquisa de opinião pública acabou agitando os bastidores tupiniquins e deixando alguns aliados a beira de um ataque de nervos. Sem ter uma pesquisa para contrapor os números divulgados, o jeito foi apelar de todas as formas. O chororô foi grande nas redes sociais e o clima de desespero ficou visível… faltou lenço na cidade kkkkkkkkkk Uma turma para aguentar o rojão e segurar a pressão teve que escapar na maracujina kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Valente

Durante todo dia, para choques se revezavam para tentar minimizar o impacto que os números causaram nos QGs das campanhas adversárias e no ânimo dos aliados. A turma mais chateada e em grave crise de pelancas por incrível que pareça era exatamente aquela ligada a um país acolá, que acabaram escalando seus defensores mais ferrenhos para atacar o candidato líder nas pesquisas: parecia a novela Negócio da China kkkkkkkkkkkkkkkkkk

Completou

E para terminar de completar o dia carregado da turma “estrangeira”, um dos aliados decidiu desistir da candidatura e abandonar o barco kkkkkkkkkkk Dizem que quando a notícia foi dada ouviram uma pessoa gritar: abandonar o navio que o barco ta afundando kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Te ilude, Maria

Trancados

Numa prefeitura da região o clima era de velório. A cúpula passou o dia trancada e o assunto da pesquisa se tornou proibido nos corredores. O chefe de gabinete estava uma pilha de nervos e sem dar uma miligrama de confiança pra seu ninga. Te ilude Maria de Lurde kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Mais uma missão

Com o desespero batendo a porta, dizem que a turma trancada apostou uma última cartada: fazer um evento com o governador Dino e a ex-presidente Dilma kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Será que tão desesperado? Como não deu certo conseguir o Lula, o rasga mortalha foi escalado para tentar fazer essa operação dar certo e trazer a estocadora de vento kkkkkkkkkkkkkkk Eita lasqueira no caminho da feira kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *