Vereadores de Coelho Neto mostram independência e impõe nova derrota ao governo

Posicionamento firme da maioria dos vereadores vai afastando subserviência ao Executivo

O governo municipal passou vergonha mais uma vez na sessão de ontem (28), em que os vereadores estiveram reunidos para votar a proposta orçamentária de 2018, conforme cenário antecipado por esse blog.

Apesar “do recado” de que queria o projeto aprovado como estava, o prefeito de Coelho Neto Américo de Sousa (PT) teve seu desejo frustrado e a base do governo optou por lhe contrariar novamente.

O projeto aprovado obteve várias emendas dos parlamentares, dentre as mais polêmicas estava a que tratava  sobre a suplementação orçamentária, que o governo queria de 80% e os vereadores reduziram para 40%. A antecipação de receita foi outro ponto que o governo sofreu derrota, já que queria 25% e os vereadores reduziram esse percentual para apenas 8%.

Apesar dos vereadores tentarem diminuir o impacto negativo para o governo, nos bastidores sabemos bem que as emendas representaram uma verdadeira queda de braço com o chefe do Executivo. Como não tinha como reverter e evitando ampliar o desgaste, até os vereadores mais fiéis ao prefeito optaram por seguir as emendas.

Com essas demonstrações de independência e altivez, os vereadores vão mostrando para o prefeito que a Câmara não é uma extensão da Prefeitura. A coragem dos vereadores em “peitar” novamente o governo, muda de uma vez por todas a relação entre os dois poderes.

E Américo vai caindo a ficha que o medo do seu grito não atinge mais a todos… Felizmente!

One thought on “Vereadores de Coelho Neto mostram independência e impõe nova derrota ao governo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *