Por onde anda Rafael Cruz?

Rafael Cruz: chá de sumiço

A Câmara de Coelho Neto realizou neste sábado (31), a última sessão dessa legislatura com a ampla participação dos vereadores nas discussões.

Estranhamente o vereador Rafael Cruz (PMDB), tomou chá de sumiço e foi o único ausente nos últimos debates.

Não se sabe ao certo os motivos que levaram o peemedebista a não comparecer nas últimas sessões, mas com certeza a ausência ofusca o fechamento do seu primeiro mandato num momento em que a sociedade cobrava o posicionamento dos vereadores.

Receber calado o título de “viriador”, da forma com a qual o ainda prefeito Soliney Silva (PMDB) se referiu aos governistas, apequena a atuação do jovem parlamentar.

Pelo comportamento dúbio diante do episódio da cassação dos colegas e pela falta de posicionamento num momento crucial para o parlamento, Rafael Cruz tende a iniciar o novo mandato de forma tímida.

E isolado por uma circunstância desnecessária criada por ele próprio…

Três vagas abertas no parlamento em Coelho Neto…

montagem

Das atuais 13 (treze) vagas que dispõe o parlamento em Coelho Neto pelo menos três estarão disponíveis para novos postulantes ao cargo de vereador.

Como não se sabe ainda o tamanho do nível de renovação das cadeiras do legislativo, as três vagas já estão asseguradas que pertencerão a novos ocupantes a partir de 1º de janeiro, graças a saída dos atuais titulares.

A primeira vaga é da vereadora Lú (PSD), que não disputará a reeleição por está na condição de vice na chapa de Luis Serra (PSDB). A segunda vaga seria da vereadora Cristiane Bacelar (Solidariedade), que não disputará reeleição. A terceira vaga seria do Presidente da Câmara vereador Raimundão (PMDB), que não disputará a reeleição por compor a vaga de vice na chapa do candidato a prefeito Jademil Gedeon (PMDB).

Pelo número de candidatos será grande a disputa pelo legislativo, principalmente por essas duas cadeiras que seguramente já estão sem donos.

A disputa promete…

Às 19h:21 – Por uma falha nossa e lembrete de um leitor sobe-se para 04 vagas que ficarão em aberto, tendo em vista que o vereador Antônio Pires (PCdoB), não disputará a reeleição pelo fato de compor a vaga de vice na chapa do petista Américo de Sousa.