Reunião discute avanços e desafios do Programa Mais Médicos na região de saúde de Caxias

Representantes da saúde municipal, estadual, do Ministério da Saúde e da Organização Pan-Americana de Saúde reuniram-se no auditório do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) para uma oficina que abordou os trabalhos do Programa Mais Médicos na Região dos Cocais.

“Nós estamos aqui com a Secretaria de Estado de Saúde junto com a base descentralizada do Ministério da Saúde e com a Organização Pan-Americana de Saúde. Eles pediram para que estivéssemos aqui para uma reunião que fosse discutir os avanços e os desafios do Programa Mais Médicos dentro da região de saúde de Caxias e de Codó, e, aqui, eles pediram que estivessem presentes profissionais médicos e também os representantes e gestores de todas as regiões. Estamos discutindo sobre a carga horária, a implementação do Programa, os avanços que o mesmo já teve e os desafios vivenciados pelos médicos dentro dos postos de saúde”, ressaltou Rubenilson Luna, coordenador da Atenção Primária em Saúde de Caxias.

Atualmente, são 32 médicos do Programa Mais Médicos atuando nas Unidades Básicas de Saúde do Município, sendo 04 cubanos e 28 brasileiros.

“Graças a Deus nós conseguimos fazer uma implementação, aumentamos o número de profissionais para prestarem serviços dentro do município e, pretendemos aumentar ainda mais. O Programa é muito bom, ele faz com que o profissional permaneça 40h na UBS’s, melhorando a assistência à população, sendo esta uma grande vantagem, além do bom atendimento”, destacou a Dra. Socorro Melo, secretária Municipal de Saúde.

Na oportunidade, foram discutidas as atribuições dos médicos e da gestão, a produtividade, os processos de trabalho e o direito dos profissionais.

“Estou no meu segundo ciclo no Programa Mais Médicos, cheguei ao Brasil em 2014. Na reunião, foi discutido a respeito das informações que temos que repassar ao Ministério da Saúde, o jeito certo de enviar as informações e os nossos direitos como médicos do Programa”, destacou Javier Rúbio, médico cubano do Programa Mais Médicos.

“O evento é uma oficina loco regional de todos os médicos pertencentes ao Programa Mais Médicos da região, que envolvem os sete municípios que compõe a região de Caxias. Já realizamos visitas em loco dentro das unidades para conhecer o trabalho dos médicos, e, hoje, é o momento de tirarmos dúvidas, de estarmos informando sobre as atribuições dos médicos e da gestão, onde estamos tirando dúvidas em relação ao processo de trabalho e a produtividade deles”, enfatizou Jainara Gomes, coordenadora do Programa Mais Médicos de Caxias.

Da Assessoria

Deixe uma resposta