Para cumprir determinação judicial, Prefeitura de Coelho Neto faz contrato com dispensa de licitação para aluguel de ônibus

 

Correndo contra o tempo para cumprir o prazo de 05 (cinco) dias dado pelo justiça para corrigir o déficit no transporte que já prejudicou centenas de alunos, a Prefeitura de Coelho Neto resolveu o assunto de forma não muito aconselhável do ponto de vista legal.

Acontece que durante o processo licitatório, a empresa JBF ganhadora da licitação fora excluida por não possuir a apólice de seguro da frota e dos passageiros. Após a desclassificação da JBF, foi chamado as remanescentes e segundo informações que chegaram ao blog, a Sousa Campelo (BR Locadora) teria ficado em 4º lugar e na continuação do segundo certame fora desclassificada em alguns itens dentre os quais frota insuficiente e acima de 20 anos.

Leia mais:

Não vou de táxi: Américo vai gastar mais de R$ 1,5 milhões com aluguéis de carros

De graça? Os fatos estranhos envolvendo os aluguéis de carros da Prefeitura de Coelho Neto

 

Diante disso e do caos instalado em meio ao ano letivo, a Prefeitura decidiu fazer um contrato emergencial com dispensa de licitação para os próximos três meses. Para nossa surpresa quem leva a história: Exatamente, a empresa Sousa Campelo (Br Locadora).

O contrato assinado na última quarta (25), e válido até o próximo dia 26 de julho renderá a  bagatela de R$ 319.664,40 (trezentos e dezenove mil reais, seiscentos e sessenta e quatro reais e quarenta centavos).

HISTÓRICO

A empresa Sousa Campelo já tem trânsito na Prefeitura de Coelho Neto. No ano passado assinou 04 (quatro) contratatos para locação de veículos no valor  de R$ 1.263.180,00 (Um mihão, duzentos e sessenta e três mil e cento e oitenta reais).

A empresa é velha conhecida da imprensa, principlamente do Piauí. Em postagem feita pelo blog no ano passado, descobrimos que a Sousa Campelo e sócios segundo informações do Diário do Povo de Teresina-PI, possui fortes ligações com o PT do Estado, conforme reportagem que apurou os milhões em contrato no transporte para aliados do governo.

Para dar início aos trabalhos, os ônibus chegaram na cidade no início da tarde desta sexta (27) . Bom nem todos, já que um foi encontrado por alguém sozinho nas margens da MA-034.

Agora falta resolver a questão do combustível. Mas essa é uma outra história…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *