Polícia Militar desarticula dupla de menores infratores em Coelho Neto

Polícia Militar desarticula dupla de menores infratores em Coelho Neto

Mesmo com o boicote que passou a sofrer por parte do prefeito Américo de Sousa (PT), desde que reassumiu o comando da Polícia Militar em Coelho Neto, o comandante Capitão Paulo Jamerson vem respondendo com trabalho atuando com eficiência para minimizar os efeitos do clima de insegurança da cidade.

Durante uma ação realizada no final de semana, a PM desarticulou uma dupla de menores que andava numa moto tocando o terror e fazendo assaltos na cidade. Ele antecipou que além destes, mais uns três que agem da mesma forma já estão na mira da Polícia Militar.

Por serem menores de idade, o Comandante fez um apelo para que as autoridades pudessem atuar em conjunto com vistas a encaminhar a dupla para tratamento, para retirá-los da criminalidade e evitar assim a volta a rua para a prática dos mesmos atos.

Desde que o Capitão Paulo Jamerson retornou ao comando em Coelho Neto tem se virado para garantir que o trabalho da PM não seja prejudicado pelo boicote coordenado pelo governo municipal, retirando colaboradores que atuavam a disposição do Comando da PM, bem como do corte do fornecimento de alimentação e combustível.

Prefeitura de Chapadinha distribui kits de medicamentos em UBS´s e divulga protocolo de atendimento

Prefeitura de Chapadinha distribui kits de medicamentos em UBS´s e divulga protocolo de atendimento

Após renovar o estoque de medicamentos, a Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, divulgou os protocolos e estratégias de uso de medicamentos para o enfrentamento ao covid-19 em Chapadinha.

O ponto de partida é a definição dos sintomas de quadro gripal que pode indicar covid-19 de forma leve ou com tendência a agravamento. Sensação febril ou febre, acompanhada de tosse ou dor de garganta ou coriza, mas sem dificuldade respiratória sinaliza sintomas moderados e tratamento em casa. Já o quadro de dificuldade respiratória indica que o paciente deve procurar a rede hospitalar.

Sobre os medicamentos disponibilizados para doentes acometidos da forma leve a prefeitura de Chapadinha está disponibilizando medicamentos como: azitromicina, zinco, ivermectina, hidroxicloroquina e paracetamol ou dipirona.

A composição do kit garantido a cada paciente depende de avaliação individualizada do caso, avaliação e prescrição médica.

De acordo com a Secretaria de Saúde, as Unidades Básicas de Saúde já estão capacitadas a prestar toda assistência, acompanhamento dos pacientes e distribuição dos kits de medicamentos de acordo com a indicação médica.

O serviço de teleatendimento também já se encontra em pleno funcionamento.

Da Secom/PMC

Covid-19: interior do MA registra mais de 1 mil casos pelo 4º dia seguido

Covid-19: interior do MA registra mais de 1 mil casos pelo 4º dia seguido

O boletim epidemiológico emitido pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgado neste domingo (24) apontou que, enquanto segue em alta o número de novos casos da Covid-19 na Região Metropolitana de São Luís – foram mais 449 (veja aqui) – no interior a velocidade de alastramento do vírus é assustadora.

Nos municípios fora da Ilha foram registrados hoje nada menos que 1.146 novos casos da doença, 50 dos quais apenas em Imperatriz.

Este é o quarto dia consecutivo em que a SES registra mais de 1 mil casos de infecção pelo novo coronavírus no continente. A última vez em que a contagem ficou abaixo de milhar foi no dia 20 de maio.

À medida que avança o vírus, sobre também a taxa de ocupação de leitos exclusivos para Covid19. Em Imperatriz não há mais vagas de UTI na rede estadual, e 93,83% os leitos clínicos já estão ocupados. Nas demais regiões, ocupação de mais de 60%.

Para tentar driblar a falta de leitos, o governo colocou em ação no fim de semana três UTIs aéreas, que fazem o transporte de pacientes entre municípios sem hospitais disponíveis e aqueles que abrigam unidades regionais.

Do Blog do Gilberto Leda

Prefeitura de Coelho Neto deveria entregar Academia de Saúde em junho; Obra sequer começou

Prefeitura de Coelho Neto deveria entregar Academia de Saúde em junho; Obra sequer começou

Os moradores do Bairro Quiabos deveriam está nos preparativos para receber uma Academia de Saúde, mas essa vontade vai ter que esperar mais um pouco. Para não fugir da praxe da bagunça e desorganização do atual governo, a obra que deveria está prestes a ser entregue a comunidade sequer foi iniciada.

O blog conversou com moradores e chegou a visitar a Unidade de Saúde na última sexta (22), já que a obra deverá ser construida nas proximidades e nenhuma movimentação de máquinas, placa da obra e homens trabalhando foi vista no local.

É que a Prefeitura através da Secretaria de Saúde firmou contrato com a empresa Albatroz Construções para a referida obra no valor de R$ 122.416,20 (cento e vinte e dois mil, quatrocentos e dezesseis reais e vinte centavos), para a execução da obra no prazo de três meses.

O contrato foi assinado no dia 05 de março e mesmo finalizando o mês de maio, a obra segue sem sair do papel.

Talvez seja vontade de empurrar a obra para mais perto da eleição. Ou talvez seja a velha incompetência e incapacidade de cumprir prazos que é uma marca do atual governo.

Que o diga  a reforma do Hospital Municipal, cuja empresa executora por coincidência é a mesma Albatroz…

Obra de Praça em Duque Bacelar encontra-se em fase adiantada

Obra de Praça em Duque Bacelar encontra-se em fase adiantada

Encontram-se bastante adiantadas as obras da praça executada pela Prefeitura de Duque Bacelar com vistas a revitalizar o espaço da Gruta de Nossa Senhora de Lurdes.

A proposta nasceu a partir de um desejo do prefeito Jorge Oliveira em aproveitar as características próprias do local e com isso fomentar o turismo religioso.

Os operários trabalham na obra a todo vapor e a alteração paisagística do local já visível e a obra deverá ser entregue a população brevemente.

Fotos: João de Deus

Descaso: Filho de paciente relata “via crucis” ao solicitar ambulância do Samu em Coelho Neto

Descaso: Filho de paciente relata “via crucis” ao solicitar ambulância do Samu em Coelho Neto

Passou a circular em grupos de whatsapp de Coelho Neto, um vídeo com depoimento dramático de um filho necessitando de uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – Samu, de Coelho Neto para socorrer sua mãe.

No seu relato feito durante a madrugada, ele diz que chegaram a ligarar para o Samu e que a equipe assegurou que buscariam a mãe dele em casa. A senhora estava com falta de ar, febre e gripada.

Ele foram até ao prédio do Samu e para surpresa dele a atendendente teria dito que a unidade estava sem motorista. Pasmem!

Visivelmente cansado e ofegante, ele lamentou ter que transferir a mãe de lá até a Unidade de Pronto Atendimento – UPA, a pé, em decorrência do descaso no Samu. Negligente com as denúncias de descaso, nem a Prefeitura de Coelho Neto e nem a Secretaria de Saúde se manifestaram até agora sobre o episódio lamentável.

Confira o vídeo:

Reinício das aulas no MA deve ser adiado mais uma vez

Reinício das aulas no MA deve ser adiado mais uma vez

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), admitiu nesta quinta-feira, 21, durante coletiva à imprensa, que deve adiar mais uma vez o reinício das aulas na rede estadual de ensino.

A retomada havia sido inicialmente marcada para o dia 1º de junho, segundo declarou o comunista no início do mês de maio. Mas, “muito provavelmente”, segundo o chefe do Executivo, será adiada novamente.

“Muito provavelmente haverá adiamento dessa data. Vamos, quase que certamente, editar um novo decreto, adianto isto por mais duas ou três semanas”, declarou, citando exemplos de países que tentaram retomar as atividades escolares, mas recuaram.

As aulas na rede pública estão suspensas desde março.

Do Blog do Gilberto Leda

Bruno Silva relembra discurso antigo de Américo e cobra dele pagamento de insalubridade aos profissionais da saúde

Bruno Silva relembra discurso antigo de Américo e cobra dele pagamento de insalubridade aos profissionais da saúde

O empresário Bruno Silva fez uso de sua rede social na manhã desta quinta (21), para fazer uma cobrança pública ao prefeito de Coelho Neto Américo de Sousa (PT), relacionada a área da saúde.

Líder de inúmeras promessas não cumpridas, Bruno Silva resolveu lembrar o histórico do petista que antes de ser prefeito defendia o pagamento da insalubridade aos profissionais de saúde e nem com o problema da pandemia, ainda não houve sensibilidade do governo municipal com a causa da categoria.

Ao final Bruno Silva apelou ao prefeito para que fizesse valer sua palavra e cumprisse aquilo que a categoria tem direito e que ele tanto cobrava: Veja a integra:

Gostaria de tratar de um assunto que tem me incomodado e de fundamental importância nesse momento. Quando presidia o sindicato e depois quando apresentava o seu programa de rádio, o hoje prefeito Américo de Sousa defendia o pagamento dos 40% de insalubridade aos profissionais da saúde e a criação dos Plano de Cargos e Carreiras dos demais servidores públicos, já que o existente atinge apenas os profissionais de Educação. 

Pois bem, passado quase quatro anos de governo, o prefeito abandonou as pautas que ele antes defendia e nada foi feito por estas categorias. Gostaria de apelar ao prefeito que o momento é delicado e os profissionais da saúde merecem receber a insalubridade em seus salários, já que como o próprio prefeito falava no passado, é um direito constitucional.

Vários prefeitos do Maranhão já concederam esse direito aos servidores da saúde e Coelho Neto que ao longo desses quase cinco meses já recebeu mais de R$ 11 milhões de reais não pode ficar de fora.

Defendo a legitimidade do Plano de Cargos, Carreiras e Salários dos demais profissionais da Prefeitura de Coelho Neto, incluindo os da saúde. Seria uma forma de garantir direitos para aqueles que tanto fazem pelo município e no momento certo tratarei do que penso a respeito desse assunto e a forma de como essa proposta pode se tornar real.

Não se pode enaltecer o trabalho dos profissionais de saúde apenas de boca, nesse momento é preciso garantir algo de concreto e que sirva de motivação a todos eles, que não tem hora, dia, feriado e estão arriscando suas vidas enfrentando essa pandemia. Exatamente por isso reforço ao prefeito o pedido para que possa rever sua posição e garantir que os direitos que o senhor tanto defendeu no passado, possam ser cumpridos no presente.

Decreto com reabertura de setores do comércio no Maranhão deve sair hoje

Decreto com reabertura de setores do comércio no Maranhão deve sair hoje

O governador Flávio Dino (PCdoB) deve editar nesta quarta-feira (20) decreto com novas regras para o funcionamento de atividades comerciais e industriais no Maranhão, após o fim do lockdown, no fim de semana.

Segundo o que anunciou o comunista em entrevista à TV Mirante no início da semana, será autorizada apenas uma “abertura progressiva”, em virtude da luta contra o novo coronavírus (Covid-19). O ato, contudo, só terá validade a partir do dia 25 de maio.

“Vou editar o decreto no dia 20 (quarta-feira), com diretrizes para uma abertura progressiva, mediante protocolos que estão sendo negociados setorialmente. Vamos manter medidas de caráter geral, ou seja, haverá regras sanitárias em todo o estado. Haverá possibilidade de flexibilização por segmento econômico e por região. É o início de um processo de abertura do setor de comércio e serviços. Provavelmente no dia 25 já teremos alguns segmentos que voltarão a funcionar e a cada semana outro segmento. Poderemos ter medidas mais rígidas em algumas regiões, se notarmos uma sobrecarga no sistema hospitalar. No Brasil inteiro, no Maranhão também, temos que observar semana a semana”, disse.

É provável que, mais uma vez, haja diferenciação entre a Região Metropolitana de São Luís, na Ilha, e o continente, com regras mais brandas na primeira, em virtude da explosão de novos casos da doença no interior do Estado.