JOÃO ABREU É “CONSTRANGIDO” POR ROSÂNGELA CURADO

JOÃO ABREU É “CONSTRANGIDO” POR ROSÂNGELA CURADO


Uma carta em meio a encrenca que gerou polêmica na Assembléia Legislativa com a medida provisória 147, de autoria do Executivo, disciplinando o Conselho de Gestão Estratégica do Governo onde políticos foram agraciados, deve provocar mal-estar e constrangimento ao secretário chefe da Casa Civil do governo Roseana Sarney, João Abreu.

Ocorre que a ex-candidata a prefeita de Imperatriz, Rosângela Curado (DEM) – amiga pessoal do deputado Antônio Pereira -, protocolou na Casa Civil afirmando ter ‘recusado’ o convite para compor a lista dos 206 conselheiros, que recebem mensalmente um jeton de nada mais nada menos que R$ 5.850.

Além de recusar o convite, Curado aponta que sequer compareceu a posse de solenidade como também não chegou a fornecer documento pessoal.

“Tanto recusei a função que nem compareci a solenidade de posse e não forneci nenhum documento pessoal para que a nomeação fosse feita, prova disso é que no ato de nomeação consta meu nome de solteira e não de casada que é o que uso atualmente”, diz a carta.

Na carta, a democrata constrange João Abreu ao dizer que sua nomeação no cargo não passa de um erro que deve ser reparado em caráter de urgência.

Que vergonha…

Do Blog Neto Ferreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *