Definidos os blocos parlamentares da Assembleia Legislativa

Depois de muita negociação e intensas articulações, os blocos parlamentares da Assembleia Legislativa foram definidos e devem ser publicados no Diário da Casa nesta terça-feira (07).

Conforme o Blog antecipou, serão cinco blocos parlamentares. O maior bloco continua sendo o Blocão do Governo, que não terá o mesmo tamanho que tinha e será composto por 23 deputados. Terá a sua disposição 32 minutos para utilizar a Tribuna durante as sessões ordinárias da Casa.

Os outros quatro blocos parlamentares, são dois considerados independentes e dois de Oposição. O Bloco União Parlamentar, dito independente, mas com uma ligação mais próxima com os governistas, terão cinco deputados – Carlinhos Florêncio (PHS), Josimar de Maranhãozinho (PR), Léo Cunha (PSC), Sérgio Frota (PSDB) e Vinícius Louro (PR) – e direito a oito minutos na Tribuna.

Já o Bloco Unidos Pelo Maranhão, também dito independente, mas com uma ligação mais próxima com os oposicionistas, terão cinco deputados – Alexandre Almeida (PSD), Eduardo Braide (PMN), Graça Paz (PSL), Max Barros (PRP) e Wellington do Curso (PP) – e direito a oito minutos na Tribuna.

Os dois blocos oposicionistas terão, cada um, seis minutos diários na Tribuna e cada bloco com quatro deputados. O Bloco de Oposição será composto por Andréa Murad (PMDB), Nina Melo (PMDB), Roberto Costa (PMDB) e Sousa Neto (PROS). Já o “Bloco” do PV será composto por Adriano Sarney, Edilázio Júnior, Hemetério Weba e Rigo Teles.

O deputado estadual César Pires (PEN), como não conseguiu avançar com as negociações com o Bloco Unidos Pelo Maranhão, preferiu não ingressar em nenhum bloco parlamentar na atual legislatura.

Nos próximos dias serão confirmados os membros das comissões técnicas e os líderes dos blocos parlamentares.

É aguardar e conferir.

Do Blog do Jorge Aragão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *