CEMAR: ASSIM VOCÊ ME MATA!

CEMAR: ASSIM VOCÊ ME MATA!
Do Blog do Décio
A Oi, a Cemar e o banco Itaú Cartões lideram o ranking de empresas que mais geram reclamação de consumidores no Maranhão. Os dados são do Procon.
Em 2011, foram realizados em todo o Brasil 1.696.833 de atendimentos, com uma média de atendimento mensal de 141.402 consumidores atendidos. Somente no Maranhão, foram atendidos 18.103 (dezoito mil, cento e três consumidores, com uma média mensal de 1.509 atendimentos mensal.
Nacionalmente, de acordo com boletim do Sindec (publicação do Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor–DPDC), a maioria das reclamações são formuladas por mulheres (54,69%) ficando os homens (45,31%). Em relação a faixa etária, as pessoas entre 31 e 40 anos (24,42%) são as que mais reclamam, sendo seguida pela faixa de consumidores entre 41 a 50 anos.
Os dados do boletim Sindec revelam que, do total de 1,6 milhão de atendimentos registrados, o grupo Itaú lidera o ranking com 81.946 reclamaçõess, em seguida estão a Oi (80.894), Claro-Embratel (70.150), Bradesco (45.852) e Tim-Intelig (27.102).
A publicação também consolida informações sobre as principais áreas da economia que levaram os consumidores a procurarem os Procon’s em 212 cidades brasileiras e os problemas mais recorrentes enfrentados por eles: cartão de crédito (9,21%), telefonia celular (7,99%), banco comercial (7,26%), telefonia fixa (5,56%) e aparelho celular (5,44%).
Veja o ranking maranhense:
Oi – 1.683 – 12,05%
Cemar – 1.158 – 8,30%
Itaú Cartões – 618 – 4,43%
LG Eletronics de São Paulo – 507 – 3,63%
Claro S/A – 298 – 2,13%
Caema – 269 – 1,93%
Hipercard – 223 – 1,60%
TIM – 211 – 1,51%
Citibank – 181 – 1,30%
Samsung  – 181 – 1,30%
IBI Cartão – 179 – 1,28%
Nokia – 165 – 1,18%
Cemaz Indústria Eletrônica da Amazônia – 159 – 1,14%
B2W – Companhia Global do Varejo – 156 – 1,12%
Banco do Brasil – 151 – 1,08%
IBI-Banco Multiplo – 137 – 0,98%
Semp Toshiba – 134 – 0,96%
Lojas Insinuante – 126 – 0,90%
Claro – 122 – 0,87%
Embratel – 116 – 0,83%
MS Gomes da Cunha – 116 – 0,83%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *