Alexandre Almeida em busca da quarta ponte Timon/Teresina…

O deputado estadual Alexandre Almeida (PSD) esteve pessoalmente em Brasília para solicitar ao senador Roberto Rocha (PSB) apoio para a construção de nova ponte que interligue as cidades de Timon (MA) e Teresina (PI).

Caso o pedido seja viabilizado pelo Governo Federal, esta seria a quarta ponte sobre o Rio Parnaíba entre as duas cidades.

O encontro entre o deputado e o senador ocorreu na quinta-feira, 9.

– De positivo temos que o Ministério dos Transportes está providenciando o Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental, que deve ser concluído em maio, e logo após será autorizada a licitação para a contratação do projeto básico e executivo – disse Alexandre Almeida.

Segundo Almeida, a ligação entre o Maranhão e o Piauí é feita por três pontes, mas devido ao fluxo intenso de veículos entre os dois estados, hoje o trânsito nessas pontes é complicado.

– Dependendo do dia e do horário, podemos levar de 30 a 40 minutos para fazer esse trajeto – explicou.

O parlamentar reforçou ainda o ganho econômico e logístico, para as duas cidades, com a obra.

One thought on “Alexandre Almeida em busca da quarta ponte Timon/Teresina…

  1. Sou contra a construção de mais uma pinte sobre um Rio importante que esta morrendo devido aos cuidados que não acontecem por parte dos dois estados e prefeituras e suas populações.O Rio parnaiba pede socorro pra ser um Rio novamente sem poluição mas uma ponte que somando seria 4 pontes não parece algo bom fora os impactos ambientais que possivelmente irão causar.O deputados e candidato derrotado a prefeitura de Timom deveria pedir era a construção de uma rodoviària pra Timom um melhoria na BR 316 que não esta boa principalmente na zona urbana de Timom.São Luis que é maior que Timom so tem uma entrada pra sair e chegar e o fluxo de carro é maior do que o transito entre Timom Teresina e não tem 3 pontes querendo mais uma igual pede o deputado estadual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *