Vereadores do governo e da oposição se unem em apoio a professores em Coelho Neto…

A sessão da Câmara Municipal da última segunda (12), foi mais uma vez palco da união de governistas e oposicionistas a favor da demanda de servidores contra o aumento da jornada escolar proposta pelo governo municipal.

A sessão foi presidida pelo vereador Reginaldo Janse (Cará), já que o presidente da Câmara Osmar Aguiar (PT) como sempre, manteve sua posição de serviçal do governo e não teve coragem de encarar a classe que um dia representou. Curiosamente estava viajando para está presente para defender os professores, mas amanheceu tinindo para bater palma para “o patrão” e prefeito Américo de Sousa (PT).

A Câmara abriu uma exceção e votou pela permissão de conceder a fala a um representante dos servidores, que foram representados pelo professor Francisco José, onde explanou as divergências sobre a nova determinação do governo na alteração da carga horária.

Pois bem, os vereadores da oposição foram os primeiros a discursarem e a hipotecarem apoio aos professores. O vereador João Paulo (MDB) parabenizou a classe dos professores pela mobilização, convidou os colegas para estarem ao lado dos servidores e se mostrou indignado com a medida. Rafael Cruz (MDB) falou da insatisfação dos professores e cobrou do governo uma resposta para a solicitação que havia sido feita sobre a proposta de descartar os contratados. O vereador Dr Ricardo Chaves (PPS), lamentou a omissão do sindicato e o tratamento do prefeito para com os professores, bem como da insatisfação de toda a comunidade com o governo.

Os vereadores da base do governo Dr. Marcos Tourinho (PDT), Moabe Branco (PSD), Sillas do Louro (MDB), Liza Pires (PCdoB), Júnior Santos (MDB), Wilson Vaz (Avante) Camilla Liz (PROS), Reginaldo Janse (Cará) fizeram discursos de apoios a categoria. Uns com críticas mais contundentes do que outros.

O único vereador a ter a ousadia de ficar a favor do governo foi o vereador Luiz Ramos (PSD), que foi por diversas vezes vaiado durante seu pronunciamento.

Além do posicionamento na sessão, a base governista continuou a reagir nesta terça (13).

Mas essa é uma outra história…

2 thoughts on “Vereadores do governo e da oposição se unem em apoio a professores em Coelho Neto…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *