Rosângela Curado no corpo a corpo…

 

A pré-candidata a deputada estadual Rosângela Curado (Patriota), iniciou o corpo a corpo na busca por uma vaga na Assembleia Legislativa.

Como bem sabe fazer, Curado não tem feito apenas visitas, como também conversado sobre problemas e demandas da cidade.

Por onde tem passado, a pré-candidata tem falado sobre os desafios de uma nova disputa eleitoral e recebido a declaração de apoio de lideranças e de populares.

Em sua recente agenda, além de Imperatriz ela esteve em visita a Davinópolis e Senador La Roque, onde nessa última fez visita a pequenos produtores rurais.

 

“Temos falado dos desafios dessa pré-candidatura, mas reafirmado nosso compromisso de continuar trabalhando por Imperatriz e região. Graças a Deus a população tem nos recebido muito bem e apoio para continuar a caminhada não tem nos faltado”, destacou ela.

“A política me deu amigos verdadeiros e adversários ferrenhos”, diz Curado durante filiação ao PEN

 

Em noite concorrida realizada no último sábado (21), a ex-deputada Rosângela Curado confirmou sua filiação no Partido Ecológico Nacional – PEN. O evento realizado na Câmara Municipal de Imperatriz impressionou pela casa cheia e marcou o início de sua pré-candidatura para uma vaga de deputada estadual.

Em sua palavra, o superitendente de Articulação Política do Estado, professor Adonilson, destacou a chegada de Rosângela em sua nova agremiação partidária. “Quero dizer que o PEN/Patriota ganha hoje um símbolo muito forte na região do sul do Maranhão. Foi dito aqui que a sua caminhada é ladeada por muitos amigos e é exatamente assim que a boa política é feita, como amigos que possam congregar e agregar as boas idéias”, disse ele.

“O PEN hoje está engrandecido na pessoa da Dra Rosângela. Ela que é uma grande liderança, uma grande mulher e apesar de todas as perseguições, apesar de tudo o que ela já passou até hoje, mas ela continua de pé. Geralmente na política é muito difícil tanto para o homem, quanto para a mulher e pra mulher é mais difícil ainda, principalmente quando ela se destaca no cenário político e Dra Rosângela se destacou quer queira, quer não”, destacou o vereador Zé Carlos, presidente da Câmara de Imperatriz.

O deputado federal Júnior Marreca fez questão de destacar a confiança na nova correligionária. “O PEN/Patriota tem muito orgulho hoje de está recebendo em seus quadros a Rosângela Curado. Uma mulher de luta, luta na vida, enfrentando os desafios. Ela é uma essência da mulher brasileira, da mulher maranhense. Eu confio muito no trabalho dela, o partido acredita muito e ela hoje passa a ser uma das nossas estrelas. A estrela dela é uma estrela protegida por Deus”, disse Marreca.

Saudada de pé pelos presentes, Rosângela Curado fez um discurso forte, vibrante e cheio de simbolismo. “A política me deu pontos muito distantes: amigos verdadeiros e me deu adversários ferrenhos e cruéis”, pontuou. Em seguida ela agradeceu ao deputado Weverton Rocha (PDT), pela oportunidade que lhe foi dada para exercer o mandato como deputada federal, destacou que o PEN foi o primeiro partido a apoiar sua pré-candidatura a prefeita em 2016 e frisou que a política é para quem gosta das pessoas.

Durante a fala fez questão de destacar os desafios de retornar ao cenário político, mesmo depois de todas as adversidades que passou. “Não é fácil você se levantar, não é fácil pra você ter coragem de voltar as ruas de Imperatriz, de ter coragem de procurar um partido, mesmo depois de tudo o que foi corrido, de tudo o que foi massificado, pisado, sacrificado e imputado na mente das pessoas do Estado do Maranhão e ter um partido para dizer: vem Rosângela nós acreditamos em você.  Algumas pessoas disseram, mas você vai ter coragem? E eu disse: coragem é o meu nome, porque eu tenho um povo que nunca me deixou, amigos fiéis e amigos que continuam comigo nessa caminhada”, destacou, sob aplausos dos presentes.

Participaram da mesa diversas autoridades dentre as quais o presidente estadual do PEN Jota Pinto, o presidente do Diretório Municipal Dr Lourival, o vice-presidente Municipal do PEN Dr Merceno, o prefeito de governador Edison Lobão, professor Geraldo Braga, superintendente de Articulação Política do Estado na região Tocantina, professor Adonilson e os vereadores de Imperatriz Zé Carlos (Presidente da Câmara), Fábio Ernandes, Ditola e Bebe Taxista.

Ato Político marcará filiação de Rosângela Curado no PEN

Está marcado para a noite deste sábado (21), o Ato Político de apresentação da ex-deputada Rosângela Curado ao Partido Ecológico Nacional – PEN.

Durante o ato está confirmado a presença do Presidente Estadual do PEN, deputado Jota Pinto e do deputado federal Júnior Marreca.

O evento acontecerá a apartir das 19h, no prédio da Câmara de Imperatriz.

Rosângela Curado se filia ao Patriotas/PEN…

A ex-candidata a prefeita de Imperatriz, Rosângela Curado, confirmou na última quinta (05), sua filiação ao Partido Patriota (PEN).

Curado aproveitou a janela partidária para mudar de agremiação e disputar a eleição esse ano buscando uma vaga na Assembleia Legislativa.

Ela que deixou o Partido Democrático Trabalhista – PDT, realizará um ato público em sua residência em Imperatriz no próximo dia 21, para anunciar oficialmente a mudança de partido.

A ficha de filiação foi aboanda pelo Presidente do Patriota/PEN e deputado estadual Jota Pinto. O deputado Toca Serra também participou do ato.

Rosângela Curado: mais uma vítima de Flávio Dino

Do Blog da Kelly

Convencido de que já está eleito e que não precisa de mais ninguém, o governador Flávio Dino (PCdoB) parece que vai ampliar a lista de desafetos, transformando aliados em adversários.

Após a recente saída do ex-governador José Reinaldo Tavares e da família Macêdo da base de apoio ao governo, agora é a vez da ex-candidata a prefeita Rosângela Curado (PDT) ser cotada como a próxima a deixar o barco comunista.

Quem não conhece a história até pensa que Curado tem do governador tratamento de aliada. Mesmo vestindo a camisa do PCdoB, a ainda pedetista nunca teve de Flávio Dino, a mesma guarida da Simone Limeira e Phil Camarão por exemplo, que, ao terem seus nomes envolvidos em escândalos, tiveram total abrigo por parte do governador.

Durante o episódio da saúde, quando todo mundo pensava que Rosângela Curado faria uma delação premiada, a pedetista saiu do episódio sem dizer absolutamente nada que comprometesse o governo. Quando, na verdade, a especulação era grande de que ela sabia muito e poderia estourar uma bomba caso decidisse abrir a boca.

Na última visita que fez a Imperatriz na semana passada, o governador foi visto com porco, papagaio e periquito na casa de Ildon Marques. A ausência de Curado no evento chamou atenção de todos: da classe política, de populares e até de aliados sem entender a ausência da aliada de até então.

Parece que o governador Flávio Dino faz política com o fígado e é conhecido por dar tratamento de choque a aliados e fazer afagos para cortejar adversários.

Rosângela Curado é só mais uma a ser descartada pelo comunista, que, no alto de sua arrogância, é incapaz de enxergar que nessa altura do campeonato o correto seria unir e não dividir.

Esse excesso de confiança pode lhe custar muito caro quando as urnas se abrirem. A possível saída de Curado poderá gerar muito desgaste na região e fazer com que outros vereadores e lideranças possam abandonar o barco.

Quando eles acordarem já vai ser tarde demais…

Rosângela Curado anuncia saída do PDT

A ex- deputada federal e odontóloga Rosângela Curado, anunciou agora pouco no programa Ponto & Vírgula da Rádio Difusora FM, que está de saída do PDT e buscar outro destino partidário de olho na disputa eleitoral deste ano. Curado é pré-candidata a deputada estadual,e segundo ela, tem recebido inúmeros convites para se filiar noutros partidos.

Curado confirmou que faz parte da base do governo e continua com o apoio ao presidente do PDT e pré-candidato ao Senado, Weverton Rocha.

Do Blog do Kiel

Ao mandar soltar Rosângela Curado, desembargador critica “desnecessário espetáculo das prisões”

O desembargador federal Ney Bello – autor da decisão que garantiu a liberdade de Rosângela Curado (PDT), apontada como envolvida em desvios de R$ 18 milhões da Saúde estadual – criticou em seu despacho o que considerou “desnecessário espetáculo das prisões”.

Para ele, a pedetista não poderia ter sido presa em 2017 – e depois mantida presa por mais cinco dias – em virtude de crimes supostamente cometidos em 2015.

“Os fatos descritos na decisão judicial apontam para comportamentos tomados por ilícitos que foram praticados em 2015, razão pela qual se revela no todo incabível e abusiva a decretação de prisão cautelar no ano de 2017 em virtude de fatos pretéritos e albergada sob o etéreo manto da possibilidade de reiteração das práticas descritas”, argumentou o magistrado.

Abaixo, alguns trechos da sentença. A íntegra pode ser lida em O Informante.

“Vislumbro para a ausência de contemporaneidade destas medidas, tendo em vista que, ao menos no que diz respeito a esta paciente, TODOS os fatos praticados por ela, na qualidade de servidora pública, ocorreram em 2015.

Conforme relatório do MPF às fls., 341 do feito original, a prática de pagamento de salários através de folha extra se deu em derredor do ano de 2015, quando a investigada ROSÂNGELA CURADO era Subsecretária de Saúde do Estado do Maranhão.

Observo, entretanto, que os fatos descritos na decisão judicial apontam para comportamentos tomados por ilícitos que foram praticados em 2015, razão pela qual se revela no todo incabível e abusiva a decretação de prisão cautelar no ano de 2017 em virtude de fatos pretéritos e albergada sob o etéreo manto da possibilidade de reiteração das práticas descritas.

Não é minimamente razoável requerer encarceramento de investigados por fatos ocorridos preteritamente, mencionando-se “desvio de verbas federais que estariam ocorrendo por meio de fraudes na contratação e pagamento de pessoal no curso dos ‘Contratos de Gestão e Termos de Parceria’ firmados com entidades de denominado terceiro setor” (Relatório Policial citado na decisão às fls., 2), quando o relatado, em sua quase totalidade – ao menos em relação a esta paciente – euida do ano de 2015, não do ano corrente de 2017.

Demais disso, já tendo esta Corte Federal tratado deste universo fátieo por duas vezes e havendo ação penal instaurada para tratar dos desvios mencionados na IFase da Operação Sermão aos Peixes não se há de deeretar novas prisões eautelares a menos que haja eonçreta e específica descrição de novos fatos atribuídos aos investigados ou réus. Do contrário, não estaríamos distantes de estabelecer nada mais que descontentamento injustificado dos órgãos de investigação e do juízo proçessante para com as decisões do Tribunal Regional Federal da Ia Região.

O correto e o esperado é que fatos novos possivelmente criminosos, quando descobertos na instrução criminal ou em novo inquérito conexo, ou ainda mediante o artifício da prova emprestada sejam investigados com agilidade e com rigor, sem o desnecessário espetáculo das prisões a não ser que haja concreta e demonstrada necessidade de encarceramento”.

Do Blog do Gilberto Leda

Pesquisa mostra Rosângela Curado entre as mulheres que representam a política no MA…

Rosãngela Curado mesmo em mandato é referendada pelo eleitor na capital e no interior

A suplente de deputada federal Rosângela Curado surpreendeu ao está entre as mulheres que representam a política no Maranhão.

Mesmo sem mandato, Curado apareceu em pesquisa realizada pelo Instituto Guimarães entre nomes como a deputada federal Eliziane Gama, a deputada estadual Andrea Murad e a pré-candidata ao governo do Estado, ex-deputada e ex-prefeita de Lago da Pedra Maura Jorge.

Na capital do Estado e região metropolitana Rosangela alcançou índices de 2,7% quando o eleitor é perguntado sobre a mulher que melhor representa a política do Maranhão. No interior do Estado o percentual se amplia para 7,4% dos entrevistados.

A pesquisa ouviu 808 entrevistados em várias cidades maranhenses. A margem de erro foi de 3,4 pontos percentuais, para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95%.