Após resultado das urnas, prefeito de Coelho Neto estuda mudanças no governo

Américo: mudança para tentar reoxigenar o governo

 

 

Ainda tonto com o resultado das urnas confirmando seu fracasso político-eleitoral, o prefeito de Coelho Neto Américo de Sousa (PT), estuda fazer mudanças no governo. Ele é o primeiro na história recente do município que mesmo tendo trazido o segundo lugar da eleição para o governo, conseguiu diminuir a votação e conseguir a façanha incluive de perder para o ex-prefeito Soliney Silva tão criticado por ele.

Segundo informações a que o blog teve acesso, o petista atribui o insucesso nas urnas a vários fatores, dentre os quais a comunicação que não consegue vender o governo como deveria.

Outro ponto crucial seria a inoperância de alguns membros do primeiro escalão, que por não terem conseguido deslanchar não conseguem somar com o governo.

Segundo apurou o blog, Américo já queria fazer alterações antes mesmo da eleição, mas temia que o dança das cadeiras pudessem ocasionar algum prejuizo inesperado. A idéia com as mudanças seria passar a idéia de reoxigenação e com isso tirar o rótulo que sua equipe é incompetente.

A perda nos recursos da saúde na ordem de quase R$ 1 milhão de reais e a não explicação sobre a não informação da RAIS que prejudicou inúmeros servidores que ficaram sem receber seus PASEP´s  que o diga…

Prefeito de Coelho Neto encarna a versão bem me quer e mal me quer

Com medo da taca nas urnas, o prefeito de Coelho Neto Américo de Sousa (PT), resolveu encarnar o personagem “bonzinho” durante a semana da eleição.

Desesperado para garantir votos para os seus candidatos, o prefeito esqueceu da crise que tanto fala e anunciou o cantor Mano Walter para a festa do aniversário da cidade. Exatamente, não tem dinheiro para pagar o terço de férias por exemplo mas tem para garantir um cantor “global” como ele mesmo fez questão de fobar durante entrevista.

Depois de tanto apelo dos servidores, ele decidiu anunciar justamente nesta quarta (03), a liberação dos consignados para quem sabe assim tentar minimizar sua rejeição entre a classe.

Enquanto tenta ser bonzinho de um lado, o arrocho nos contratados continua confirmando a outra faceta. De acordo com denuncia recebida pelo blog agora pouco, os contratados teriam sido convocados a repassar o número da seção para saber se realmente os votos dos candidatos do prefeito haviam sido computados. O blog já havia noticiado a reunião convocada por diretores de escola na residência da secretária de Governo Cristiane Bacelar.

Américo parece desesperado e tenta a todo custo encarnar o “perfil bonzinho”, coisa que há um ano e dez meses ele nunca foi.

E hoje teme que as urnas sejam um reflexo disso….

Qualidade Tabajara: Após 05 meses de inaugurada, muro da Escola José Silva já apresenta rachaduras

 

Todas as vezes que precisa justificar os mihões que recebeu do Fundo de Desenvolvimento da Educação Básica – FUNDEB, o prefeito de Coelho Neto Américo de Sousa (PT), enche a boca para falar de reforma de escola.

Segundo ele, foram “reconstruções”, como se ele houvesse demolido as escolas e feito outras novas. Tudo balela! Mas é só o tempo passar para o engodo se confirmar e ver a qualidade “tabajara” das obras entregues por ele.

O blog já havia denunciado o muro da Escola José Barreto de Araújo, que antes mesmo de ser inaugurada já apresnetava rachaduras.

Agora foi a vez de um pai de aluno denunciar as condições do muro da Escola José Silva, que após cinco meses de inaugurada também já apresenta rachaduras.

Leia mais em:

É esse o modelo de “escola padrão de qualidade” que os senhores tem para apresentar para a comunidade prefeito Américo e secretária de Educação Williane Caldas?

Pelo visto, falta óleo de peroba!!

Acuado, prefeito de Coelho Neto pede trégua para a oposição…

Prefeito Américo: show de dissimulação

A dissimulação do prefeito de Coelho Neto Américo de Sousa (PT) atingiu nível máximo ontem (24), quando ele voltou ao rádio para conceder uma entrevista que deve perdurar etapas durante toda a semana.

Durante mais de uma hora, o prefeito repetiu a velha lenga-lenga que encontrou a prefeitura sem dinheiro, mas não prestou contas de onde tem colocado os milhões que já recebeu desde que sentou na cadeira. Dentre as besteiras ditas, voltou a tecer críticas contra o vice Antônio Pires (PCdoB), agora que ele decidiu romper com ele, porque quando ele foi escolhido seu companheiro de chapa a conversa nos palanques era outra bem diferente.

Não falou por exemplo do que houve com o PIS/PASEP dos servidores e tentou justificar a incompetência de não ter pago o 1/ de férias de 2016, quando ele mesmo disse na época que bastava encaminhar a documentação para que o município procedesse com o pagamento na sequencia. Se não pagou o de 2018, que dirá o de 2016. Fobou sobre a obra do Mais Asfalto do Governo do Estado, mas não disse quando vai iniciar a parte de meio fio e sarjeta que é a contrapartida da Prefeitura na famosa parceria.

Expeliu inveja pelos poros ao se referir ao prefeito de Caxias Fábio Gentil (PRB) que é uma referência de aprovação no Estado pelas grandes obras que tem feito todas com recursos próprios, já ele passa o dia falando de falta de dinheiro para justificar sua incompetência de governar a cidade.

Mostrando um verdadeiro desespero, o petista acusou o golpe. Reclamou dos ataques da oposição e teve a cara de pau de pedir uma trégua. Isso mesmo cara de pau. Um prefeito que passou 20 anos fazendo oposição sistemática aos ex-prefeitos hoje pede teve a coragem de pedir trégua? Se quer trégua é só fazer esse governo desastroso funcionar, ora essa.

Mas o show de horrores não parou por ai. Américo ainda cobrou que ninguém da oposição elogia o governo quando acerta e que ninguém foi visitar o Centro de Reabilitação. Será que é doido ou se faz? Américo foi vereador durante 04 (quatro) anos e não há um registro de que ele algum dia tem feito alguma visita a qualquer órgão público ou tenha feito um elogio a qualquer iniciativa dos últimos governos que passaram. Hoje ele quer louros? É muito merecido!

Quem te viu, quem te vê! Américo pedindo arrego.

Comprem todos os óleos de peroba do mundo para tanta cara de pau…

Eu avisei: Américo divide o grupo e sacrifica votos de Rafael Leitoa

O prefeito de Coelho Neto Américo de Sousa (PT), é sem dúvida alguma o gestor mais perdido em época eleitoral que se tem notícia por essas bandas.

Sem rumo e com vergonha de colocar a cara na rua para pedir votos para seus candidatos, o prefeito opera nos bastidores e já fez aquilo que esse blog já havia dito: dividiu o seu tímido grupo.

O mais sacrificado da história é na verdade o deputado estadual Rafael Leitoa (PDT), que sonhava em ser o candidato único, conforme ventilado por diversas vezes por seus capatazes na internet. O pedetista que contava com os votos de Coelho Neto deveria por as barbas de molho, pois não há no grupo do prefeito ninguém com estrutura de campanha na rua para ir atrás de voto para ninguém, muito menos para ele. Ao contrário o que se ouve pelos cantos é choro e muita reclamação da pindaíba.

Não há na história política um prefeito que tenha se anulado do processo político posterior a sua eleição como Américo. Com a fama de traidor Maranhão afora após o episódio envolvendo o deputado federal Zé Carlos (PT), o petista confirma que é um político do acaso.

Que se esconde atrás de um governo apático e medíocre…

Candidato a deputado estadual do PT amigo do prefeito ganhava mais do que um secretário em Coelho Neto…

Luiz Henrique e Américo: muy amigos

Não é de hoje que esse blog destaca a relação “muy amiga” do prefeito de Coelho Neto Américo de Sousa (PT), com o também petista Luiz Henrique, assessor direto do deputado federal Zé Carlos (PT). Anunciado candidato a deputado estadual, Henrique tem a preferência de Américo a tal ponto que o mandatário tem usado suas redes sociais para fazer propaganda do amigo, mesmo jurando de pé junto que seu apoio será para Rafael Leitoa (PDT).

Pois bem, a relação de amizade perpassa também pela troca de favores. Mesmo morando em São Luís, Luiz Henrique foi agraciado no ano passado com uma “boquinha” no governo em Coelho Neto. Oxente, mas não era Américo que no governo anterior era contra está em São Luís e trabalhar recebendo dinheiro por Coelho Neto? Pois não é.

Luiz Henrique foi nomeado para o cargo de Assessor Especial de Acompanhamento de Projetos da Secretaria Municipal de Governo e Articulação Política e se manteve no cargo até o dia 30 de maio de 2018, conforme portaria de exoneração de nº 458/2018.

O que chama atenção no entanto, é a generosidade de Américo com o amigo ao ponto de lhe pagar um salário maior do que o dos próprios secretários. Qual seria o argumento? Isso mesmo, Luiz Henrique além do salário de R$ 4.000,00 (quatro mil reais), ganhava como prêmio uma gratificação por tem integral no valor de R$ 2.000,00 (dois mil reais), perfazendo um total de R$ 6.000,00 (seis mil reais). Quer uma demonstração de amizade maior do que essa?

É o estilo PT de governar. Mudou ou não mudou?

Prefeito de Coelho Neto abandona bairros da periferia da cidade

 

A população do bairro Olho d´aguinha vem sentindo na pele o descaso do prefeito de Coelho Neto com a periferia da cidade.

Indiferente a realidade dos bairros que um dia ele mesmo tanto criticou, hoje no poder o petista massacra a população que não consegue ver as ações do poder público chegar com a mesma facilidade que era dita no microfone de uma rádio durante quase 20 anos.

A Secretaria de Infraestrutura dé incompetente em todos os níveis que se possa imaginar e incapaz de realizar um serviço sequer digno de reconhecimento.

A população denuncia o lixo, o descaso com as vias públicas e o abandono inclusive de rua que teve a intervnção de melhoria iniciada, mas que ficou por isso mesmo.

Américo comanda um governo de faz de contas.

Cercado de incompetentes por todos os lados…

PT nacional oficializa apoio a Flávio Dino no Maranhão…

Resolução da Executiva Nacional estabelece que a candidatura Lula é prioridade absoluta e fecha alianças estaduais com PSB e PCdoB pelos governos

Dino e Gleisi Hoffmann: aliança dos iguais

Agora é oficial.

A Executiva Nacional do PT baixou nesta quarta-feira, 1º Resolução em que determina o apoio da legenda ao PSB nos estados de Pernambuco, Amazonas, Amapá e Paraíba, assim como dar apoio ao PCdoB no Maranhão.

– Nessa perspectiva, o PT decide incorporar-se às campanhas em que esses aliados históricos disputam governos estaduais, criando as condições para ampliar nacionalmente o apoio à candidatura Lula – diz trecho da resolução.

Com a decisão, encerra-se o debate sobre o apoio  a Flávio Dino, independentemente da posição que o PT tem na chapa do comunista.

A Executiva chegou a determinar a retirada da candidatura de Marília Arraes (PT) ao Governo de Pernambuco, para viabilziar a aliança com os socialistas, em busca do apoio nacional a Lula.

A legenda vai oficializar o nome do ex-presidente no próximo sábado, 4, durante encontro nacional na capital paulista.

Lula está preso em Curitiba, desde abril…

Do Blog do Marco d´Eça

Márcio Jardim pressiona e Flávio Dino adia apresentação de chapa

O petista Márcio Jardim tornou-se uma verdadeira pedra no sapato do governador Flávio Dino (PCdoB).

Ex-secretário de Esportes do comunista, ele segue tentando viabilizar-se pré-candidato a senador na chapa governista.

Nessa condição, “denunciou” à direção nacional do PT que o governador do Maranhão já havia marcado a data de apresentação da sua chapa majoritária, com Carlos Brandão (PRB) de vice, e Eliziane Gama (PPS) e Weverton Rocha (PDT), senadores.

Os petistas apoiam a reeleição de Dino, mas seguem exigindo vaga na majoritária.

O recado, então, foi certeiro. O PCdoB decidiu adiar o encontro e já fez circular um comunicado informando do cancelamento do ato inicial.

E mais: mudou o nome do evento de “Ato de apresentação dos pré-candidatos”, para “Plenária de pré-campanha da Grande São Luís”.

Do Blog do Gilberto Leda

Acuado com as denúncias, estratégia do governo agora é atacar o blogueiro…

Acuado com as denúncias que colocam o governo em maus lençois, o governo do PT parece não ter aprendido a lição e deve colocar a máquina de moer adversários para funcionar.

O governo já tentou de tudo para calar o blogueiro. Propostas vinda por intermediários, ataques a vida pessoal via fakes disfarçados, ataques  a prefeitos da cidade vizinha e a nova estratégia é o ataque pessoal direcionado a esse blogueiro pela imprensa alugada para essse fim.

É assim que age o governo liderado pelo prefeito Américo de Sousa (PT). Ao invés de vir a público e pedir desculpas pela sangria das denúncias que corrompem o governo, o petista prefere atacar a vida de quem teve a coragem de mostrar para sociedade dos abusos cometidos pelo seu governo.

Não tememos ameaças, não tememos ataques e muito menos vamos temer agressões. Estamos muito ocupados tentando exterminar a praga de fantasma que se instalou na seio Secretaria de Saúde, nas barbas do próprio prefeito.

Não nos calarão!