Prefeitura promove Fórum de Meio Ambiente em Afonso Cunha

A Prefeitura de Afonso Cunha através da Secretaria de Meio Ambiente realizou no último sábado o Fórum Municipal de Meio Ambiente. O evento realizado na Escola Gastão Vieira reuniu governo e sociedade civil para discutir as questões relacionadas ao meio ambiente do município.

A mesa de abertura foi composta por diversas autoridades dentre as quais o prefeito de Afonso Cunha Arquimedes Bacelar, o presidente da Câmara Pedro Medeiros, a secretária de Meio Ambiente Conceição Bacellar e os vereadores Manoel Gomes e Paizinho.

Em seu discurso a secretária de Meio Ambiente Conceição Bacellar destacou a importância do evento, agradeceu aos envolvidos e destacou que a temática é uma prioridade do governo municipal.

O prefeito Arquimedes Bacelar parabenizou a equipe pela organização do evento e elegeu o Fórum como um espaço democrático criado para dar oportunidade para a sociedade construir com as ações no setor.

Durante o evento, foi lançado em parceria com o Governo do Estado o Programa Como Plantar Melhor, além do encerramento do curso de alimentação alternativa desenvolvido durante toda a semana em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – SENAR.

Afonso Cunha realizará Fórum de Meio Ambiente neste sábado (07)

A Prefeitura de Afonso Cunha através da Secretaria de Meio Ambiente realizará neste sábado (07) o I Fórum Municipal de Meio Ambiente.

Com o tema “Renascimento Ambiental na Vida do Campo”, o evento terá como objetivo discutir a temática que envolve o meio ambiente local e traçar metas das ações do governo a ser realizadas no setor a curto, médio e longo prazo.

“Esperamos que a comunidade prestigie esse evento de tão grande importância para todos nós. É a hora que teremos a oportunidade de ouvir e assim planejarmos as ações que executaremos em nossa cidade”, destacou a secretária de Meio Ambiente, Conceição Bacellar.

O evento será a partir das 07h, na Escola gastão Vieira, oportunidade em que será lançado em parceria com o Governo do Estado o Programa Como Plantar Melhor e haverá o encerramento do curso de alimentação alternativa desenvolvido durante toda a semana em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – SENAR.

Ação da Secretaria de Meio Ambiente promove capacitação profissional em Afonso Cunha

 

 

Uma ação desenvolvida pela Secretaria de Meio Ambiente está promovendo um curso de alimentação alternativa durante toda a semana em Afonso Cunha.

O curso ministrado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – SENAR está sendo desenvolvido em duas turmas numa parceria estabelecida com as secretarias de Educação e Saúde.

Durante o curso dividido entre o momento de teoria e prática, as participantes estão tendo a oportunidade de entre outras coisas aprender a preparar alimentos artesanalmente aproveitando os subprodutos agrícolas locais para consumo familiar.

“Além dos integrantes da comunidade, convocamos as merendeiras das escolas e o pessoal que cuidam da alimentação do hospital para participar dessa capacitação e também se qualificarem”, destacou a secretária de Meio AMbiente, Conceição Bacellar.

O curso vai até o próximo sábado (07) e terá sua culminância durante a realização do Fórum de Meio Ambiente.

Governo Américo se incomoda com tudo… até com as “tias da batatinha”…

Muitos do leitores nos mandaram mensagens perguntando se não iriamos nos manifestar sobre mais uma desastrosa operação da Secretaria de Meio Ambiente de Coelho Neto que culminou com a remoção das “tias da batatinha” do local onde já trabalham durante muito tempo. Lógico que não iriamos deixar um assunto como esse passar despercebido.

Para quem não sabe, as “tias da batatinha” são duas senhoras arrimo de família que toda noite se instalam na Praça João Santos pra vender dentre outras coisas as famosas batatinhas fritas. Não mexem com ninguém, não atrapalham ninguém, ao contrário, muita gente para na praça para experimentar das famosas iguarias.

Pois bem, ontem (06), o secretário de Meio Ambiente Gabriel Delano comandou mais uma de suas desastrosas operação, dessa vez para removê-las de seu costumeiro e estratégico local de trabalho. Se queriam melhorar as condições porque não doaram duas barracas personalizadas para que o atendimento fosse qualificado?

O secretário age como se fosse um “capitão do mato”, chegando com todo um aparato, inclusive policial, para chamar atenção, tentar mostrar serviço e agradar o chefe. Uma lástima! Lamentavelmente ao invés de propor uma conversa em horário posterior, o secretário prefere destacar policiais de suas funções para tentar intimidar duas senhoras no exercício de suas atividades laborais e que em nada incomodam a sociedade.

Com tantos problemas no meio ambiente, o secretário insiste em se incomodar com quem ganha a vida dignamente. Infelizmente se incomoda com quem trabalha nas vias públicas, mas não oferece qualquer proposta alternativa que melhore o trabalho destes, que ralam muito para pagar as contas e manter suas famílias.

Os vereadores João Paulo e Rafael Cruz (ambos do PMDB), se manifestaram através das redes sociais para protestarem contra o que consideraram uma afronta a ação desnecessária do governo. O blog é a favor da Lei, mas sobretudo é a favor do bom senso e da racionalidade. Se não tem como ofertar melhores condições de trabalho às duas senhoras por que mexer com elas?

Ao tentar mostrar serviço a toda força, o secretário de Meio Ambiente só consegue ganhar repulsa de todos aqueles que consideram suas abordagens intimidatórias, truculentas e muitas das vezes desnecessárias.

Nosso repudio a forma desastrosa com que tem conduzido as ações de sua secretaria…

Prefeitura de Afonso Cunha implanta lixeiras no centro da cidade…

Como parte de uma ação da Secretaria de Meio Ambiente, a Prefeitura de Afonso Cunha implantou recentemnete diversas lixeiras no centro da cidade. De acordo com a secretária de Meio Ambiente Conceição Bacelar, o governo espera da comunidade a devida colaboração para que a ação surta o efeito esperado.

“Não vai adiantar termos adquirido as lixeiras se a comunidade, em especial aos empresários não colaborarem. Lamentamos que durante essa semana já consttamos que alguém queimou o lixo dentro de uma dessas lixeiras deixando-a bastante danificada e se esquecendo que isso compromete os recursos públicos gastos para que essa medida se tornasse efetiva. Esperamos a sensibilização e vigilância de todos para que possamos manter a cidade limpa e denunciar casos como esse”, disse a secretária.

A ação além de preservar o meio ambiente foi concebida para colaborar na melhoria e organização da limpeza urbana. Nessa primeira etapa apenas o centro da cidade foi atendida, mas novas lixeiras serão adquiridas para serem dispostas em locais estratégicos nos bairros.

Secretários representam Duque Bacelar em Seminário sobre Resíduos Sólidos

Os secretários Toinho do PT (Meio Ambiente) e Toinho da Gracinha (Agricultura) representaram o município de Duque Bacelar no Seminário sobre Gestão de Resíduos Sólidos realizado nos dias 26 e 27 de julho em Codó.

A ação está sendo realizada em quatro etapas nas regionais de Imperatriz, Codó, Pinheiro e São Luís. Cada etapa é constituída por duas fases, sendo estas, de capacitação e lançamento das metas; e a execução das metas por parte dos municípios, vinculados ao monitoramento e assessoramento contínuo por parte da SEMA.

O evento contou com a presença do secretário de Meio Ambiente e Recursos Naturais do Estado, Marcelo Coelho (foto).

Magno Bacelar participa da abertura da VIII Semana de Meio Ambiente de Chapadinha…

O prefeito de Chapadinha Magno Bacelar participou na manhã desta segunda (19), da abertura da Semana de Meio Ambiente realizada no auditório da Prefeitura.

O evento é uma ação da Secretaria de Meio Ambiente em parceria com a Universidade Federal do Maranhão (UFMA), o Corpo de Bombeiros Militar, a Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged/MA) e diversas outras secretarias municipais.

“A temática do meio ambiente é hoje uma das mais importantes do mundo e Chapadinha não pode ficar alheia desse debate. Parabenizo a Secretaria de Meio Ambiente e todos os seus parceiros pela realização dessa enriquecedora programação”, disse o prefeito Magno Bacelar.

Estiveram presentes na abertura o secretário de Meio Ambiente Eduardo Sá, a presidente da Câmara Vera Aguiar, o deputado estadual Levi Pontes, além de secretários, vereadores e demais parceiros.

“Preparamos uma semana de intenso debate e muitas discussões em torno do meio ambiente. Esse é o tipo de discussão que precisa envolver a toda a comunidade e após isso elencarmos ações que possam ser desenvolvidas a curto, médio e longo prazo com vistas sobretudo a preservação do lugar em que vivemos, pois o termo meio ambiente é muito abrangente”, explicou o secretário Eduardo Sá.

Nesta terça-feira (20) a programação seguirá com mini cursos pelos Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) com acadêmicos da UFMA.

Semana de Meio Ambiente em Chapadinha começa nesta segunda (19)

A Prefeitura de Chapadinha realizará de 19 a 23 de junho à VIII Semana Municipal do Meio Ambiente. Organizada pelo secretário Eduardo Sá e sua equipe, em parceria com a Universidade Federal do Maranhão (UFMA), o Corpo de Bombeiros Militar, a Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged/MA) e diversas outras Secretarias Municipais, a semana buscará conscientizar a população chapadinhense como tema “São pequenas atitudes que podem mudar o mundo. Responsabilidade de toda a sociedade”.

A abertura oficial ocorrerá nesta segunda-feira (19) no auditório da Prefeitura Municipal a partir das 8h e será seguida de várias palestras ministradas por especialistas a todos os interessados.

Na terça-feira (20) a programação seguirá com mini cursos pelos Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) com acadêmicos da UFMA. Na quarta-feira (21) e na quinta-feira (22) as ações serão focadas em palestras na zona rural e em escolas da rede pública municipal de ensino.

Sexta-feira (23) será realizado pela manhã um grande mutirão de limpeza no residencial José de Sousa Almeida e a tarde a cerimônia de encerramento na Praça Irineu Galvão.

“Eu quero convocar a população em geral para participar das atividades da semana do Meio Ambiente. Nós queremos informar, conscientizar e mobilizar todos para que cada um possa assumir sua responsabilidade na preservação ambiental”, disse o secretário Eduardo Sá.

Da Secom / PMC

Secretaria de Meio Ambiente promove diálogos em Duque Bacelar

O secretário de Meio Ambiente de Duque Bacelar, Toinho do PT, vem promovendo uma série de diálogos direcionados a preservação dos peixes, em especial os alevinos. As conversações tem sido promovido com várias entidades, dentre as quais Colônia de Pescadores, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Câmara de Vereadores e demais segmentos da sociedade civil.

Na última quinta (17), mais uma dessas reuniões foi realizada buscando alternativas que assegurem a preservação desses peixes em lagoas e riachos. Na oportunidade o secretário definiu uma equipe de voluntários e de entidades para identificar as tapagens que estão impedindo a saída de várias espécies de peixes para o rio Parnaíba.

“Precisamos preservar essas espécies para garantirmos que futuramente o peixe não falte nas nossas mesas. Estamos buscando sensibilizar as entidades e consequentemente a sociedade de nos ajudar nessa missão de preservação e cuidado que depende do apoio de cada um”, explicou o secretário.

Os secretários Jales Freitas (gabinete) e José Júnior (Infraestrutura) também participaram do evento.

Chapadinha integrará projeto-piloto do Ministério do Meio Ambiente…

O Governo Federal através do Ministério do Meio Ambiente está em fase de implantação do Projeto URAD (Unidades de Recuperação de Áreas Degradadas e Redução da Vulnerabilidade Climática na Região Semiárida Brasileira), criado para implementação de unidades de recuperação de áreas degradadas.

A cidade de Chapadinha que deve ser contemplada com o projeto-pioneiro recebeu nesta quarta (03), uma comissão do Ministério do Meio Ambiente – MMA, liderada por Valdemar Rodrigues, diretor de Desenvolvimento Rural Sustentável e Combate à Desertificação do Ministério do Meio Ambiente.

“No Maranhão, em especial Chapadinha, não existem projetos aplicados, porém a região já possui estudos técnicos e indicativos de processos de desertificação. Chapadinha será o projeto piloto no Estado com aplicação de recursos na ordem de até R$ 560 mil reais”, disse o representante do MMA.

Durante a estada dos técnicos no município, houve visitas em pontos estratégicos tanto na zona urbana, quanto na zona rural, que foi acompanhada pelo secretário de Meio Ambiente Eduardo Sá e pelo assessor especial Telmo José.

“Estamos aqui em nome do prefeito Magno Bacelar para apoiarmos essa ação e garantirmos todas as condições necessárias no que diz respeito a sua implantação em nosso município. Não tenho a menor dúvida que teremos êxito nessa experiência”, destacou Sá.

Da Secom / PMC