Presença de Luiz Henrique ofusca Rafael Leitoa durante agenda do governador em Coelho Neto

Henrique, Flávio Dino e Américo: sem espaço para Leitoa

A visita do governador Flávio Dino (PCdoB) em Coelho Neto na última sexta (08), expôs muitas coisas que estão muito além de um simples olhar e uma das situações que ficaram bem evidentes, foi o incômodo do deputado estadual Rafael Leitoa (PDT), com a presença do pré-candidato a deputado estadual Luiz Henrique (PT).

Para quem não sabe da história, Américo tem relações de amizade mais sólidas com Henrique, que por sua vez representa a presença do deputado federal-fantasma Zé Carlos (que quase nunca vem a Coelho Neto, mandando apenas o seu representante-mor).

Leitoa além de não ter essa relação sólida de amizade tem os mesmos defeitos que Américo: insosso, anti-social e impopular. Nas coxias do poder, é chamado de candidato “bola de arame”, de tão difícil e ruim que seja de carregar. Os aliados até tentaram vez por outra colocar os dois como amigos, mas o climinha era visível nas faces.

Em todos os momentos da agenda do governador, Leitoa teve que dividir as honras da casa com Henrique (que se manteve sempre muito bem posicionado em todos os momentos). O deputado até tentou não deixar transparecer, mas quem conhece um pouco o meandro da politica tupiniquim não deixou a questão passar despercebida.

Rafael Leitoa já não tem favoritismo algum e com a presença de Luiz Henrique suas chances de “espocar” urnas em Coelho Neto é quase nula…