Governador Flávio Dino lança ‘Projeto Xadrez nas Escolas’ ao lado do bicampeão Rafael Leitão

Governador Flávio Dino lança mais um projeto para melhorar índices educacionais do Maranhão. Foto: Karlos Geromy/Secap

Para fortalecer o esporte educacional na rede pública estadual, o governador Flávio Dino lançou, na manhã desta segunda-feira (20), o ‘Projeto Xadrez nas Escolas’, no Centro Educacional (CE) Colégio Militar 2 de Julho. Ao lado do bicampeão mundial e mestre enxadrista, Rafael Leitão, que será o grande parceiro do projeto, o governador reiterou a importância do esporte para os estudantes e para o fortalecimento da educação no Maranhão.

“Esse projeto é importante para melhorar a educação do nosso estado. A prática esportiva é um direito, xadrez é praticado mundialmente como instrumento importante para qualificação da população e nós temos o privilégio de ter um campeão mundial de xadrez aqui do Maranhão e o projeto vai ser um grande sucesso”, destacou o governador Flávio Dino que, com Rafael Leitão, jogou uma partida de xadrez com os alunos.

Desenvolvido pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc), em parceria com Rafael Leitão, o ‘Xadrez nas Escolas’ começará, primeiramente, em oito escolas da rede estadual, como um projeto piloto, atendendo cerca de 800 alunos, na faixa etária de 7 a 14 anos. Para o secretário de Estado de Educação, Felipe Camarão, esta será uma oportunidade de mudar a vida de muitos alunos, que terão, através do xadrez, um novo olhar sobre o mundo.

“É um dia de muita alegria, poder fazer o reconhecimento a um bicampeão mundial, maranhense, aqui na Escola Militar, dando início a esse projeto grandioso, no esporte educacional na área de xadrez, que vai servir, acima de tudo, para fazer com que o esporte educacional venha a ter o destaque que merece, que os nossos alunos venham a melhorar a concentração, gastar a energia em coisas positivas. Enxadrista como é, o governador está muito feliz”, defendeu o secretário Felipe Camarão.

Presente à solenidade de lançamento do projeto, o prefeito Edivaldo Holanda Júnior falou sobre mais esta iniciativa positiva coordenada pelo Governo do Estado. “Cumprimento o governador Flávio Dino por mais esta experiência positiva que contribui para o desenvolvimento da educação em nosso estado. Por meio desse esporte os alunos estão desenvolvendo novas habilidades, buscando novos caminhos para o convívio social e também fortalecendo a sua formação como cidadãos”, destacou o prefeito Edivaldo.

O projeto será acompanhado diretamente pelo mestre enxadrista, que será o coordenador do projeto. No início deste ano, foi realizada a capacitação dos professores e gestores que contribuirão com o desenvolvimento do projeto em suas escolas. Durante a capacitação, os educadores receberam informações básicas sobre o xadrez desde a história, a filosofia do esporte, o sentido do jogo, as contribuições para o desenvolvimento do raciocínio, e, principalmente, sobre as regras e os detalhes de uma partida de xadrez.

“Sentimento de um sonho realizado. Já fizemos a capacitação dos professores e agora finalmente o xadrez está nas escolas. É uma felicidade muito grande ver que o projeto está funcionando, com todos os professores e alunos entusiasmados. É muito emocionante desenvolver esse projeto em meu estado”, relatou o mestre enxadrista, que ainda continuou: “Quando eu olho o pátio cheio de crianças, me lembro da época em que comecei a jogar, pois eu também jogava muito na escola. Realizei alguns sonhos dentro do tabuleiro e esse é um sonho que estou realizando fora do tabuleiro, que só foi possível porque o governador Flávio Dino é um amante do jogo, joga e joga muito bem, e por conhecer os benefícios que o jogo pode trazer para as crianças, ele abraçou a ideia e pudemos fazer esse projeto. Um projeto como esses é único e acredito que o Maranhão será grande referencial nisso”.

Durante o lançamento do projeto, Flávio Dino e Rafael Leitão deram uma pequena amostra da atuação no xadrez, em uma partida com os alunos. Maria Eduarda, de 16 anos, estudante do 2º ano Ensino Médio, fez dupla com o governador: “Esse projeto é muito bom, é algo que vai nos ajudar muito. Quando entrei na escola, no ano passado, eu já jogava e foi algo que senti muita falta, porque ajuda muito na concentração, ajuda em matemática que é uma matéria muito difícil e exige muito raciocínio. É muito emocionante esse projeto, porque ser acompanhada pelo Rafael Leitão é algo muito incrível, porque ele é muito, muito bom. Jogar com o governador foi muito legal porque ele joga muito bem e é muito gente boa”, opinou a estudante.

Início dos projetos

As aulas inaugurais, que estão sendo ministradas pelo próprio Rafael, iniciaram desde o último dia 14, na U.I. Maria Firmina dos Reis. Nos dias 16 e 17, ocorreu nos Centros de Ensino Sagarana II e Estado do Mato Grosso, respectivamente. Nesta segunda-feira (20) foi no C.E. Colégio Militar 2 de Julho; dia 24 de março no C.E. Barbosa de Godois; 27 de março no U.I. Jackson Lago; dia 28 será no C.E. Estado do Rio Grande do Norte e dia 30 de março será lançado no Cintra.

Governador recebe presidente da Codevasf e reafirma parceria com a empresa

O governador Flávio Dino recebeu, nesta segunda-feira (13), a presidente Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), Kênia Macelino. Durante a visita de cortesia, a presidente da empresa reafirmou o interesse de manter a parceria com o Governo do Estado, trazendo pleitos e sugestões, prontamente acatadas pelo governador.

Durante o encontro, Flávio Dino destacou a importância da empresa pública no país no processo de revitalização da bacia dos rios e atendeu ao pleito da presidente em disponibilizar terreno para instalar uma sede da Codevasf no Maranhão.

“Aproveitamos a oportunidade da vinda ao Maranhão para fazer uma visita ao governador, que é um parceiro da Codevasf e também discutimos algumas pautas, sobretudo a necessidade de articular junto à Caema a conclusão de alguns sistemas de esgotamento sanitário aqui no estado, que fazem parte do programa de revitalização da bacia do Rio Parnaíba. Ainda tivemos a possibilidade de doação de uma área para a construção de uma Superintendência Regional aqui no Maranhão. A intenção é melhorar articulação institucional, sobretudo com os governos estaduais”, relatou a presidente Codevasf, Kênia Macelino, que ainda lembrou que o governador Flávio Dino, quando deputado federal, foi relator do projeto de implantação de uma sede da Codevasf no estado.

O vice-governador do Maranhão, Carlos Brandão, esteve na reunião e ressaltou a importância da visita da gestora da empresa ao chefe do Executivo Estadual. “Recebemos a visita da presidente da Codevasf. Ela já esteve na Assembleia Legislativa, onde explicou aos prefeitos e deputados a lógica da liberação dos recursos. Agora ela fez uma visita de cortesia ao governador. Foi um encontro bastante proveitoso”, explicou o vice-governador.

Ainda participaram do encontro o deputado federal Weverton Rocha e o deputado estadual Fabio Braga.

Codevasf

Vinculada ao Ministério da Integração Nacional (MI), a Codevasf é uma empresa pública que promove o desenvolvimento e a revitalização das bacias hidrográficas dos Rios São Francisco, Parnaíba, Itapecuru e Mearim, com a utilização sustentável dos recursos naturais e a estruturação de atividades produtivas para a inclusão econômica e social.

Assim como no Maranhão, a presidente tem passado pelos diferentes estados da federação para reunir com prefeitos e deputados. “Estamos aqui no Maranhão e viemos realizar uma agenda com os prefeitos onde apresentamos as ações da Codevasf. Orientamos as prefeituras em como conseguir as emendas parlamentares e como alocar as emendas. São várias apresentações técnicas voltadas para os prefeitos e parlamentares”, finalizou a presidente Kenia.

Governo prepara privatização de presídios no MA

O governador Flávio Dino (PCdoB) autorizou o início do processo de construção de pelo menos quatro presídios privados no Maranhão, com capacidade para 500 detentos cada.

Para isso, a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (SEAP) divulgou Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI) para o cadastro de empresas interessadas (acesse aqui o documento).

A inciativa privada tem até o fim deste mês para habilitar-se à obtenção de estudos, levantamentos e dados técnicos para a estruturação de projeto de Parceria Público-Privada (PPP) por meio de concessão administrativa para a construção, operação, manutenção e equipagem das quatro unidades.

Do Blog do Gilberto Leda

Flávio Dino cumpre a palavra e manda reformar escola em Afonso Cunha

Escola Paulo Freire recebendo equipe responsável pela reforma

Um dos motivos altos do discurso do prefeito Arquimedes Bacelar (PTB), por ocasião da visita do governador em Afonso Cunha no último dia 21 de fevereiro, foi o relato dramático da situação da Escola Paulo Freire, a única da rede estadual no município.

A reivindicação é uma demanda antiga da comunidade, sobretudo do segmento estudantil, que há anos espera pela benfeitoria.

Ao fazer uso da palavra o governador foi categórico e se comprometeu que a obra sairia do campo da promessa. “Lhe dou 15 dias prefeito para a equipe da reforma está aqui, se não tiver pode me acionar pelo meu whatsapp”, disse ele sob efusivos aplausos.

Arquimedes comemorando a conquista da reforma da escola

Em tempo recorde e bem antes do planejado, a equipe já esteve na escola para iniciar os trabalhos e realizar o sonho acalentado por diversos anos.

É o trabalho do Governo do Estado e Prefeitura funcionando de verdade.

E a comunidade sendo a grande beneficiária dessa harmoniosa parceria…

Foto: Blog do Carlos Machado

Américo: um estranho no ninho…

Parece que a tão propagada força e prestígio político do prefeito de Coelho Neto Américo de Sousa (PT), junto ao governador Flávio Dino (PCdoB), anda longe de representar a verdade. Durante a estada do mandatário estadual em Afonso Cunha, ficou visível que a relação é a mais distante possível.

Américo em Afonso Cunha: constrangimento visível e ignorado

Para quem não lembra, os dois nunca foram correligionários, mas a coisa azedou de vez ainda na campanha eleitoral para governador. Naquela época, quando decidiu apoiar o comunista, o petista protagonizou a mais comentada falta de educação do meio político naquele período ao hostilizar o então candidato a senador Roberto Rocha (PSB), durante visita a Coelho Neto. Foi um vexame!

Durante a inauguração da MA-123, mesmo presente, Flávio Dino ignorou a presença de Américo e descerrou a placa apenas com o prefeito Arquimedes Bacelar (PTB), deixando o prefeito de Coelho Neto com a “cara mexendo”.

Apesar do nome na placa, Américo sequer teve o prazer de descerrar a placa

Na hora do almoço, numa mesa com apenas 04 cadeiras, Américo quis dar piti porque queria por força sentar perto do governador e de quebra levar a secretária de Saúde Cristiane Bacelar para a mesa. Resultado: foi barrado pelo Cerimonial do Governo e saiu de lá “soltando fogo pelas ventas”. Ninguém deu pela falta do petista.

A reforma da MA-034 que Américo chegou a anunciar no final de janeiro para os próximos dias nunca ocorreu e até a ambulância que disse por meio de blogs alinhados ao governo que receberia em fevereiro, também não se confirmou, mostrando que o petista está em baixa com o Palácio dos Leões.

Seria cômico se não fosse trágico!

Renegociação de dívida com a União pode trazer “prejuízos”

Depois do feriado de Carnaval, os deputados federais deverão voltar a analisar a proposta do Governo Federal que promove reduções escalonadas das parcelas mensais das dívidas dos estados com a União, mediante contrapartidas das unidades da federação. Entre os Estados que manifestaram interesse em renegociar a dívida com a União está o Maranhão.

Caso os deputados federais aprovem a proposta do Governo Federal, o Maranhão (assim como outros estados) terá que se adequar a uma série de exigências que deverão atingir várias categorias de servidores públicos e também no grau de investimento do governo.

Pela proposta que tramita na Câmara e que foi aprovada pelos senadores em dezembro do ano passado, os estados que renegociarem dívidas deverão congelar os salários dos servidores públicos, despesas com publicidade e propaganda e autorizar privatização de empresas dos setores financeiros, de energia e de saneamento.

Além disso, o projeto prevê ainda rever o regime jurídico dos servidores estaduais para suprimir benefícios ou vantagens não previstos no regime jurídico único dos servidores da União e elevar a alíquota de contribuição previdenciária dos servidores para, no mínimo, 14%.

Existem outras exigências que poderão deixar o governo não poderá fazer concurso público e alterar a estrutura de carreira que gere aumento de gastos.

O Maranhão aderindo, o mais provável é que a Caema entre no hall de empresas públicas privatizadas até mesmo porque o governador Flávio Dino, durante entrevista a um grupo de jornalistas no Palácio dos Leões, chegou a admitir a possibilidade de privatização da Caema.

“Pro cidadão não interessa de onde está vindo a água. Se a empresa é estadual, municipal ou concessão, o que interessa é que abra a torneira e saia água com um preço justo. Essa é nossa meta e por isso nós estamos com esses novos caminhos”, disse ele.

Após pressão dos servidores, Dino recuou e disse que jamais vai privatizar a companhia. Outro problema que Dino poderá enfrentar se passar a proposta de recuperação fiscal do Governo Federal, é não poder mais contrair empréstimos ou parceria de financiamento como gosta de classificar o governo. Em cerca de dois anos, o governo contraiu cinco empréstimos, se a proposta da União passar, isso não poderá mais ocorrer.

A proposta chegou de novo a Câmara na quinta­-feira, 23. E logo deverá entrar em votação. A proposta já havia passado pelos deputados estaduais que modificaram o texto ao retirar as exigências da contra­partida dos estados. O projeto foi pra o Senado e por lá, foi aprovado conforme veio do Poder Executivo. Por conta disso, a proposta retornou para a Câmara Federal.

Sobre permanecer na lista dos estados que deverão aderir ao programa de recuperação fiscal do Governo Federal, O Estado entrou em contato com o governo para saber se o Maranhão vai pedir a renegociação da dívida com União diante da possibilidade de aprovação do projeto do governo de Michel Temer. Até o fechamento desta edição, o governo do Maranhão não se manifestou.

De O Estado

Flávio Dino prestigia inauguração de templo católico em Afonso Cunha…

O governador Flávio Dino (PCdoB), abriu espaço após o término da agenda oficial que cumpria em Afonso Cunha ontem (21), para prestigiar a inauguração da Igreja Nossa Senhora da Conceição, no povoado Barrinha, zona rural do município.

Foto CN Bambu

O templo teve sua construção iniciada com recursos próprios pelo prefeito Arquimedes Bacelar (PTB), na localidade onde mora, ainda no final do ano passado.

Padre dirigiu uma palavra as autoridades presentes

A obra com modernos traços arquitetônicos é uma homenagem em vida a ex-vereadora Conceição Bacelar, que descerrou a fita inaugural ladeada pelo governador e pelo filho prefeito.

Corte da fita marcou o ato inaugural do templo

No interior do templo, um coral se apresentou, o padre leu uma palavra e abençoou o local e o presentes.

Governador Flávio Dino durante a celebração

Bastante contrito durante toda celebração Flávio Dino ao final cumprimentou a homenageada que estava muito emocionada. “Hoje descubro que temos uma afinidade que nos une porque em tempos diferentes eu e a senhora já passamos pela mesma agonia: a senhora já perdeu uma filha e eu perdi um filho. Só entende essa dor quem já passou por ela”, disse ele visivelmente emocionado.

Governador Flávio Dino abraçando dona Conceição Bacelar que ficou bastante emocionada durante a celebração

A entrega do templo foi marcada pela presença de populares, do deputado federal Rubens Júnior (PCdoB) e de nomes importantes da classe política da região.

Sonho antigo: Flávio Dino garante projeto técnico da estrada Afonso Cunha – Chapadinha

Além da entrega oficial da MA-123 o que já seria por si só motivo de festa, a passagem do governador Flávio Dino (PCdoB), foi marcada por anuncio de importantes conquistas por intermédio da parceria estabelecida com o prefeito Arquimedes Bacelar (PTB).

Governador Flávio Dino durante a entrega da MA-123 em Coelho Neto. Foto: Karlos Geromy/Secap

Nunca antes na história do município, um prefeito garantiu em tão curto espaço de tempo um volume de obras tão significativas junto ao Governo do Estado. “Durante a campanha eleitoral nossos adversários aqui diziam que eu não entregaria a estrada e que eu ainda fecharia o hospital. Hoje volto para dizer que nem uma coisa e nem a outra aconteceu, ao contrário, a estrada estamos entregando e o prefeito Arquimedes acabou de solicitar nossa ajuda para manter o hospital aberto”, disse o governador.

Discurso do governador Flávio Dino

Atendendo a um pedido do prefeito Arquimedes Bacelar feito anteriormente e reforçado na solenidade, o governador anunciou que estaria autorizando a liberação de recursos na ordem de R$ 1.000.000,00 (hum milhão de reais) para o secretário de Infraestrutura do Estado Clayton Noleto proceder os trâmites da elaboração do projeto técnico da estrada Afonso Cunha-Chapadinha.

Prefeito Arquimedes Bacelar celebrando as conquistas para o município

Na área da educação e diante do cenário repassado pelo prefeito da única escola do estado existente no município, o governador anunciou a imediata autorização da reforma da Escola Paulo Freire, cujas obras devem iniciar no prazo de mais ou menos 15 (quinze) dias. Além disso 03 povoados foram contemplados com a construção de unidades do projeto Escola Digna, destas uma já iniciou a construção.

Flávio Dino oportunizou ao técnico do Mais IDH falar sobre as ações voltadas a agricultura familiar que estão sendo desenvolvidas no município

Na área social foi autorizado que o município receba uma unidade do Programa Restaurante Popular, como parte das ações do Mais IDH com vistas a corrigir o déficit de insegurança alimentar e nutricional da população.

Na área da segurança, o governador anunciou sob aplausos efusivos dos presentes que o município será contemplado com uma viatura policial, cuja compra está sendo feita e que deve ser entregue no prazo máximo de 60 (sessenta) dias.

Na área de abastecimento de água, três povoados da zona rural estão recebendo a implantação de sistema simplificado com rede de distribuição.

Governador Flávio Dino concedendo entrevista coletiva

Antes de retornar para São Luís, o governador ainda garantiu a inclusão do município no Programa Mais Asfalto e a habilitação para receber a construção de uma praça.

Em 52 dias de governo, Afonso Cunha já sente a diferença da atuação de um prefeito humilde, parceiro, articulado e com força para transformar o município em um grande canteiro de obras.

Aceitem ou não seus adversários.

Simples assim!

Arquimedes discursa, sensibiliza governador e tem pleitos atendidos para Afonso Cunha…

O prefeito de Afonso Cunha Arquimedes Bacelar (PTB), deu um show na fala que promoveu ontem (21), durante inauguração da MA-123 ligando o município à Coelho Neto. Ao invés dos discursos cansativos e enfadonhos, Arquimedes optou por aproveitar a presença do governador Flávio Dino (PCdoB), para apresentar diversos pleitos de grande importância para a cidade e região, alguns de natureza histórica.

Prefeito de Afonso Cunha Arquimedes Bacelar: discurso elogiado pelo governador e pleitos atendidos

Com apenas 52 dias no comando do município, o prefeito agradeceu a visita do comunista e as ações que já estão sendo realizadas em parceria com o Governo do Estado, mas aproveitou também para reivindicar novas parcerias. Na questão urbana, Arquimedes apresentou o problema de algumas das vias urbanas ligada aos morros, que durante o período chuvoso serve de escoamento e trazem toda a lama para o centro das vias urbanas.

No quesito segurança pública, o pedido foi direcionado a reforma da delegacia de polícia, que segundo o prefeito encontra-se num prédio totalmente desfavorável e inapropriado para o trabalho da corporação.

Arquimedes quebrou o protocolo e surpreendeu o governador ao anunciar que decidiu assinar a adesão do município ao Programa Empresa Fácil, apenas com a  sua presença. A ação integra a Rede Nacional para Simplificação do Registro e Legalização de Empresas e Negócios (RedeSim), desenvolvido pela Junta Comercial do Maranhão – JUCEMA com o SEBRAE e facilita a abertura de pequenas empresas.

Flávio Dino se mostrou surpreso com a atitude do prefeito de optar pela adesão ao Empresa Simples apenas na sua presença: visibilidade a mais uma ação do Governo do Estado em Afonso Cunha

Na área da educação veio o pedido mais tocante, quando o prefeito fez um breve relato sobre a situação degradante da Escola Paulo Freire, a única do estado no município com estrutura totalmente deteriorada e que há anos aguarda uma reforma.

Na parte da infraestrutura, o petebista apresentou o pleito da estrada Afonso Cunha-Chapadinha para que mais essa via de acesso ao município fosse construída e o acesso a cidade vizinha e a capital fosse facilitado, pedido que atenderia uma reivindicação antiga de toda comunidade.

Ovacionado pelos presentes por diversas vezes durante a sua fala, o tom utilizado pelo prefeito foi motivo de elogios do próprio governador.

Arquimedes demonstrou total sintonia com o governador

“Por isso é bom saber pedir e saber ouvir e numa visita como essa é que temos a oportunidade de conhecer de perto a realidade dos municípios e suas demandas mais urgentes”, disse ele.

Flávio Dino ficou visivelmente tão empolgado com a visita, que aproveitou para fazer o anúncio de obras e liberação de inúmeros pleitos importantes para o município.

Mas esse capítulo contamos posteriormente…

Flávio Dino entrega MA-123 ligando Afonso Cunha à Coelho Neto…

Em solenidade bastante concorrida realizada no final da manhã desta terça (21), o governador Flávio Dino (PCdoB), esteve em Afonso Cunha para fazer a entrega oficial da MA-123, ligando o município à Coelho Neto.

MA-123 ligando Afonso Cunha à Coelho Neto

Recebido pelo prefeito Arquimedes Bacelar (PTB), o governador chegou ao local do evento acompanhado do deputado federal Rubens Júnior e do Secretário de Infraestrutura Clayton Noleto e foi saudado pelas autoridades e populares que se faziam presentes.

Governador Flávio Dino ao chegar ao local do evento

Estiveram presentes diversas autoridades dentre as quais os prefeitos Américo de Sousa (Coelho Neto), Jorge Oliveira (Duque Bacelar), Zé Reis (Aldeias Altas), os vice-prefeitos Claudia Bacelar (Afonso Cunha), Carreta (Duque Bacelar), Antonio Flora (Buriti), Antônio Pires (Coelho Neto), os ex-prefeitos Dr Mário Bacelar (Afonso Cunha) e Flávio Furtado (Duque Bacelar), os presidentes de Câmara Pedro Medeiros (Afonso Cunha), Osmar Aguiar (Coelho Neto), José Ocean (Duque Bacelar), além de vereadores de Afonso Cunha, Coelho Neto, Duque Bacelar e Vargem Grande.

Prefeito de Coelho Neto Américo de Sousa, deputado federal Rubens Júnior, vice-prefeito de Buriti Antonio Flora, governador Flávio Dino, prefeito de Afonso Cunha Arquimedes Bacelar e prefeito de Duque Bacelar Jorge Oliveira

O primeiro a fazer uso da palavra foi o Secretário Estadual de Infraestrutura Clayton Noleto, que expôs dados da obra que custou aos cofres públicos investimentos na ordem de R$ 25 milhões de reais.

Secretário Clayton Noleto falando da importância da obra

Ao fazer uso da palavra o deputado federal Rubens Júnior (PCdoB), falou da importância da obra que tirou Afonso Cunha do isolamento. Destacou as ações do Governo do Estado, enalteceu o trabalho do secretário Clayton Noleto e parabenizou o governador Flávio Dino pelas ações que vem sendo realizadas em todo o Estado.

Deputado Federal Rubens Júnior fazendo uso da palavra

Presente no evento, o prefeito de Coelho Neto Américo de Sousa (PT), destacou a importância das parcerias com o Estado e o clima de mudança vivida pela região com os novos governos. Enalteceu a importância dos municípios trabalharem em parceria e desenvolveram ações em conjunto com vistas ao benefício da região.

Prefeito Américo de Sousa fazendo uso da palavra

O prefeito de Afonso Cunha Arquimedes Bacelar fez uso da palavra fazendo solicitações e o governador Flávio Dino anunciou diversos investimentos para a cidade.

Público atento aos discursos

Mas essa é uma outra história…