“A Casa precisava impor respeito ao Executivo”, explica vereador Rafael Cruz sobre vitória contra o governo

Um dos principais partícipes da derrota imposta ao prefeito Américo de Sousa (PT), na eleição da Mesa Diretora, o vereador Rafael Cruz (MDB), explicou os motivos da retirada de sua candidatura.

Para ele o importante é garantir uma Câmara independente para impor respeito ao Executivo e responder os reclames de renovação cobrados pela sociedade.

O parlamentar que agora é vice-presidente eleito concedeu uma entrevista ao blogueiro Richard Cabrera em que falou sobre a vitória. Confira:

“Nossa missão é responder a sociedade”, diz presidente eleito da Câmara de Coelho Neto

Marcos Tourinho: presidente eleito da Câmara de Coelho Neto

O vereador Marcos Tourinho (PDT), conversou ainda ontem (11), com o blogueiro Richard Cabrera após a sessão de eleição da nova Mesa Diretora em que foi eleito novo presidente da Câmara de Coelho Neto.

Ele falou em independência e disse que a nova Mesa Diretora tem compromisso de responder as cobranças da sociedade.

Confira o vídeo:

Reviravolta: Governista e Oposicionistas se únem em chapa alternativa para comandar a Câmara de Coelho Neto

Tourinho uniu oposição em torno do seu nome como opção alternativa

Às 13h:09

Uma união de última hora entre um vereador governista com membros da oposição é a grande surpresa para a eleição da Câmara de Coelho Neto.

A chapa é encabeçada pelo vereador Marcos Tourinho, seguido de Rafael Cruz vice-presidente, Liza Pires segundo vice-presidente, Ricardo Chaves primeiro secretário e Mohabe Branco segundo secretário.

A chapa já teve a inscrição protocolada na Câmara e deve sacudir os bastidores do Poder Legislativo. A eleição acontece nesta terça (11), a partir das 17h.

Moabe Branco também anuncia candidatura a presidência da Câmara de Coelho Neto

Moabe Branco: também estou no páreo

A cobertura do blog sobre os bastidores da eleição da Câmara de Coelho Neto ao que parece começa a mexer os tabuleiros da disputa, que até então pareia bastante tranquila.

Como desdobramento disso, começam a aparecer os primeiros postulantes com olho na principal cadeira do Poder Legislativo. Agora foi a vez do vereador Moabe Branco (PSD), anunciar seu nome para a disputa.

Branco entrou em contato com o blog e colocou seu nome como opção a suceder o atual presidente Osmar Aguiar (PT) e foi duro no recado:

“O principal motivo de me apresentar como candidato é lutar por uma Câmara independente, valorizar os vereadores que estão querendo desmoralizar. vejo que o Executivo não quer que essa Casa se destaque e entendo que um presidente da Câmara não pode ser submisso ao prefeito e nem fazer o que ele bem quiser”, disse ele.

Com a disputa natural da reeleição do atual presidente, sobrem para quatro os interessados em disputar a chefia do Poder Legislativo.

Oposição de Afonso Cunha pira após a derrota…

 

A oposição de Afonso Cunha está uma pilha de nervos após a derrota. Antes da eleição prometiam uma taca nos candidatos do prefeito, diziam que o prefeito estava desgastado, que a maior carreata da história trazia o povo de Coelho Neto e outros tantos de imprópérios. Após as urnas se abrirem, seus porta vozes sem ter o que dizer agora tentam somar os votos para tentar minimizar a frustração por não terem conseguido o que queriam.

Coordenador da campanha de Floriano há quatro dias da eleição era um dos mais afobados: após o resultado das urnas sobra mimimi para justificar a derrota e nenhum deputado eleito

Tentando enganar a si próprios eles somam os votos dos nomes da oposição e se recusam a somar os votos do grupo do prefeito. Mais fica fácil desmontar a farsa, senão vejamos:

Para estadual Arquimedes com apenas dois deputados somou 2.048 votos se juntarmos os votos de Neto Evangelista (1494) mais os votos de Zé Gentil (540) dado pelos vereadores da base do governo Farid Crispim, Zé do Gás e Evangelista Braga.

Arquimedes: triunfo e duas vitórias sobre uma oposição combalida

Na oposição se juntarmos oito candidatos dos nomes da oposição a deputado estadual Marcos Caldas (997 votos), Belezinha (264 votos) Fábio Braga (255 votos) Ana do Gás (203 votos), Zito (79), Levi Pontes (71), Soliney (124) e Socorro Waquim (33) só conseguem 2.026 votos, não conseguindo sequer alcançar o prefeito.

Para federal a diferença também é visível. Se juntarmos os votos de Victor Mendes (1.628) mais os votos dados pelo secretário de Agricultura Zico Bento a Márcio Jerry (360) totalizamos 1988 votos. Na oposição se juntarmos os votos dos principais lideres da oposição Gastão Vieira (1182), Aluisio Mendes(445) e Edilázio (276), totalizam apenas 1903 votos.

Após o governador ter perdido a eleição na cidade, os apoiadores de Floriano fazem de conta que não tem parte na fatura, mas até uns dias da eleição se divulgavam Flávio Dino desde criancinha, quando na verdade não moveram uma palha em prol do comunista.

Os opositores também fazem de conta não contabilizar os votos para senadores. Arquimedes fez campanha casada e o volume da campanha era visto nas ruas. Arquimedes contabilizou apenas com seu grupo político a maior taca de votos para o senado: Weverton (2.935) e Eliziane (2.553).

A promessa da oposição de ganhar do prefeito Arquimedes fica adiada, aliás pela segunda vez. Foi a primeira taca em 2016, a segunda agora em 2018.

Daqui para frente o trabalho do governo municipal só deve aumentar e governo chegará ainda mais forte em 2020.

Porque Arquimedes já provou que não se incomoda nenhum pouco com pedra no sapato…

Samba do crioulo doido marca eleição da Câmara de Chapadinha

Vera Aguiar reeleita sem qualquer esforço e em chapa “puro sangue” da oposição com votos governistas: governo de calças na mão Foto: Foguinho

Quem assistiu a eleição da Mesa Diretora da Câmara de Chapadinha para o segundo biênio 2019-2010 em sessão realizada neste sábado (30), acabou por não entender nada o samba do crioulo doido que decidiu o pleito.

Ainda ontem (29), duas chapas haviam sido formadas: a do governo composta pelos vereadores Nonato Baleco (Presidente), Marcelo Menezes (Vice-Presidente),  Netinho (1º secretário), Júnior Carneiro (2º secretário), Marcely Gomes (3º secretário) e Missecley Araújo (4ª secretária) e a da oposição composta por Neto Pontes (Presidente), Luiz Barbeiro (Vice-Presidente),  Nildinha Teles (1º secretária), Marcelo Aguiar (2º secretário), Licinha (3º secretária) e Alberto Carlos (4ª secretário).

Praticamente aos quarenta e cinco minutos do segundo tempo da eleição, uma reviravolta deu a tônica e mudou por completo o cenário da disputa. A atual presidente Vera Lúcia que havia optado por não disputar a reeleição e era até então considerada aliada de primeira hora do governo foi “premiada” com o cargo de presidente numa nova chapa da oposição montada para derrotar o governo. Pode isso Arnaldo?

A desarticulação do governo foi tamanha que ao final da disputa os vereadores Júnior Carneiro e Netinho que integravam a chapa da base aliada decidiram abandonar tudo, referendar a chapa da oposição e ajudar na reeleição de Vera para mais dois anos à frente do Poder Legislativo.

Coerentemente os vereadores Marcelo Meneses, Marcely Gomes e Missecley Araújo optaram por se abster do voto. Já o candidato a presidente do governo Nonato Baleco e o vice-presidente da primeira chapa da oposição Luis Barbeiro diante do cenário conturbado decidiram abandonar a sessão.

O episódio poderia servir para que o prefeito Magno Bacelar reavaliasse seus conceitos, a articulação política do seu governo e principalmente quem de fato integra sua base de aliados.

Pois a campanha eleitoral nem começou, mas os sinais são claros de que chegou a hora de vaca desconhecer bezerro….

Edital fixa prazo de inscrições para a eleição do Sinpacel

 

A atual diretoria do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Papel, Papelão, Celulose, Pasta de madeira para Papel, Cortiça e Artefatos de Papel, Papelão e Cortiça do MA/PI – Sinpacel, baixou edital nesta quarta (18), estipulando o prazo de 03 (três) dias úteis a contar da data desta publicação, para início das inscrições das chapas que pretendem concorrer a eleição da entidade.

Segue o edital:

TSE lança programa para orientar formação política de jovens

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lançou, nesta quinta-feira (20/10), o projeto Partiu Mudar: Educação para a Cidadania Democrática no Ensino Médio, programa de formação política para adolescentes de 14 a 18 anos. A iniciativa é fruto de parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e as Escolas Judiciárias Eleitorais (EJEs).

“É preciso que as pessoas tenham noção sobre o funcionamento dos Poderes e saibam que nenhum Poder é soberano. O Estado de Direito é marcado por um princípio básico e linear, do qual não devemos nos esquecer: é aquele no qual não há soberanos. Todos estão submetidos a regras previamente definidas”, disse o presidente do TSE, Gilmar Mendes, ao lançar o programa.

O material ficará disponível em um site criado especialmente para o programa, em que professores de escolas públicas e privadas terão acesso à orientação para debates em sala de aula sobre legislação eleitoral e outros assuntos.

Entre os temas, estão o “contingente feminino na política” ou “a função da mídia”. O site dará acesso a textos, fotos, vídeos e sugestões de atividades a serem desenvolvidas com a turma. Para o diretor da Escola Judiciária Eleitoral, Fábio Quintas, os professores não se sentem capacitados para tratar de política e cidadania.

A Justiça Eleitoral, segundo o diretor, é ideal por não ter vocação partidária. “Pelo contrário, a Justiça Eleitoral é responsável por garantir que as regras do jogo sejam observadas. E, por outro lado, temos conhecimento técnico. Então, talvez possamos mostrar como podemos conduzir esse debate de forma que respeite uma sociedade pluralista, que se baseie na liberdade, na igualdade”, ressaltou o diretor.

Programa 

O novo programa, que terá os primeiros convênios com Secretarias de Educação do Distrito Federal, Paraná, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Bahia, complementa outro já existente, chamado de Eleitor do Futuro. Criado em 2002, o Eleitor do Futuro foi programado para abordar aspectos da cidadania com jovens de 10 a 18 anos.

A faixa etária dos grupos orientados na ação mais antiga foi definida pelo estado participante. Em Rondônia, por exemplo, os coordenadores optaram por trabalhar, no âmbito do Eleitor do Futuro, com adolescentes de 10 a 15 anos.

A secretária da Escola Judiciária Eleitoral de Rondônia, Elizeth Mesquita, afirmou que até mesmo os servidores da Justiça Eleitoral têm dificuldade em saber de cor todas as regras do sistema eleitoral.

“O que o jovem precisa saber é que ele existe e onde buscar informação. O importante é que ele entenda que é uma peça fundamental como cidadão. É tirar o cabresto do nosso eleitor, mostrar que ele tem liberdade de escolha.”

Fonte: Exame

Disputa pela direção estadual do PT terá enfrentamento entre correntes

Zé Carlos e Zé Inácio

O deputado estadual Zé Inácio e o deputado federal Zé Carlos devem polarizar a disputa pelo comando do diretório estadual do Partido dos Trabalhadores no Maranhão.  Antes, os diretórios municipais terão as diretorias escolhidas pelo Processo de Eleições Diretas Municipal, PED, do partido.

O prazo para inscrições das chapas concorrentes aos diretórios municipais termina na próxima segunda-feira, 6, coincidente com a data limite para que seja feita a regularização financeira junto à tesouraria do diretório. As chapas devem preencher os requisitos de paridade de gênero e respeitar a cota de etnia e juventude, reservando 20% das vagas. Em 9 de abril o PT realiza o 6º Congresso Nacional.

Serão os delegados dos diretórios municipais que escolherão o diretório estadual e enviarão representantes do estados para participação no congresso, ocasião que será escolha do diretório nacional.

Zé Carlos aposta na candidatura do militante Augusto Lobato, por várias vezes derrotado pela corrente majoritária Construindo um Novo Brasil.  Foi a corrente CNB que interviu em 2010 no diretório do PT maranhense para retirar o partido da base de apoio à candidatura do governador Flávio Dino, preterido em favor da candidata do PMDB Roseana Sarney.

Do Blog Marrapá

Imagem do dia: Vergonha!

estatua-da-liberdade

Nenhuma imagem representa tão bem o pós-eleições na capital americana quanto essa. Donald Trump será o 45º presidente dos Estados Unidos. Contrariando pesquisas e previsões, ele derrotou Hillary Clinton e teve sua vitória projetada pela agência Associated Press (AP) às 5h32 (hora de Brasília) desta quarta-feira (9).

A imagem fala mais do que mil palavras…