SINTASP: Um sindicato de posições ridículas…

Presidente do SINTASP Izaque Vale: nem um pio sobre o descaso da “companheira” Williane na Secretaria de Educação, mas repudia servidora que denunciou assédio moral do governo. Foto: CN Bambu

O Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público da Microrregião de Coelho Neto – Sintasp, se transformou num poço de contrariedade. A entidade que deveria ser implacável na defesa do direito dos servidores tem visto inerte o desrespeito do governo atual com os servidores sem qualquer reação.

Alguém viu o SINTASP se posicionar contra o descaso da secretária de Educação Williane Caldas no trato com o ano letivo? A secretária conduziu o pior início do ano letivo sem que o presidente da entidade, o letárgico Izaque vale desse um pio.

Ontem (06), em pleno sábado, o Sindicato lançou uma nota de repúdio contra uma servidora pública que havia denunciado o governo municipal. É isso mesmo, o sindicato que não repudiou a incompetência da Secretaria de Educação de prejudicar alunos e professores na condução do ano letivo, se manifestou para repudiar uma servidora que denunciou um assédio moral por parte da secretária de Saúde Olímpia Delgado. Trágico não?

Para quem não sabe, Ana Linne é a agente comunitária de saúde que denunciou a situação de descaso com os banheiros do Hospital Municipal. Ao invés de se manifestar e corrigir o problema, ela denunciou que a secretária de Saúde teria dito que uma bonificação que a classe tem direito seria suspensa em decorrência de sua denúncia, o que é grave e inaceitável. A secretária não desmentiu a denúncia, na máxima de que quem cala, consente.

Perdido, o SINTASP segue sem rumo e a deriva.

Sob o comando de um fantoche despreparado e sem qualquer noção das posições ridículas que tomado em tão curto espaço de tempo…

Prefeitura de Duque Bacelar garante parceria para qualificação de professores

 

A Prefeitura de Duque Bacelar através da Secretaria de Educação – Semed, iniciou na última quinta (03), uma capacitação para todos os professores da rede educacional.

A ação está sendo realizada através de uma parceria com o Governo do Estado, que enviou uma equipe de professores especialistas para ministrar as aulas.

Com o tema Concepções sobre alfabetização e letramento houve a capacitação com os docentes de 4° e 5° ano sob a responsabilidade da professora Maria Têmis Lopes da Silva. Os professores de 6° ao 9° ano participaram de formações específicas nas áreas de Língua Portuguesa e Matemática com oficinas que estão sendo realizadas no Colégio Euzamar Machado, com as professoras Lindinalva Costa de Jesus (Matemática) e Nilcenar Linne Velozo de Jesus (Português).

Nesta sexta (04), a formação terá sua continuidade com os professores das disciplinas Ciências, História e Geografia farão sua formações no Centro Educacional Profº Luiz Viana. Na semana passada foram capacitados os professores da Educação Infantil e do primeiro ciclo de 1°ao 3° ano, pelo PNAIC- Pacto Nacional para Alfabetização na Idade Certa.

“Investir na capacitação de professores tem sido a tônica do governo Jorge Oliveira, pois entendemos que é a partir das capacitações que teremos um resultado cada vez melhor da performance de alunos e professores em sala de aula. Continuaremos buscando parcerias que possibilite novas capacitações e novos aprendizados”, declarou a secretária de Educação, Dra Lúcia Azevedo.

Fotos: Max Studio

Não falta mais nada: Aluno da rede municipal agride professor em Coelho Neto

É impressionante a capacidade do governo liderado pelo prefeito de Coelho Neto Américo de Sousa (PT), de tentar jogar para debaixo do tapete o descalabro que acontece nas barbas da gestão.

Nesta quinta (26), fomos surpreendidos pela notícia de que um professor da rede municipal foi agredido por um aluno de 15 anos de idade ontem (25). O fato lamentável ocorreu no turno vespertino, da Escola Moacyr Bacelar e após o ocorrido, tanto o Conselho Tutelar como a Polícia Militar foram acionados para os devidos procedimentos legais.

Por incrível que pareça, mais de 24 horas depois do ocorrido, nem a Secretaria de Educação e muito menos a Secretaria de Comunicação do governo se manifestou publicamente sobre o fato. Não se sabe que medidas foram tomadas com o agressor e quais as estratégias do governo para evitar que fatos horrendos como esse, possam fazer parte do cotidiano escolar como algo normal.

Ao invés de mobilizar a sociedade para algo tão grave, o governo com toda sua incompetência para lidar com problemas prefere se esconder atrás das cortinas e adotar o silêncio como resposta.

Pois tanto o prefeito, como a secretária de Educação Williane Caldas tem mostrado há cada dia que passa, que pior do que está, não tem como ficar….

Conselheiros de Educação de Chapadinha recebem capacitação…

Visando o fortalecimento do Conselho Municipal de Educação (CME), a Secretaria Municipal de Educação de Chapadinha (SEMED) realizou uma formação para os membros do CME no início da semana, no auditório da Biblioteca Municipal.

O professor Mauro Gurgel, que já foi pró-reitor pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e atualmente é membro do Conselho Estadual, foi convidado pela SEMED para realizar a formação.

Durante todo o dia foram abordados temas como as legislações vigentes, o Regimento Interno do Conselho Municipal de Educação, sua organização e atribuições, para que cada conselheiro compreenda melhor suas funções e atribuições dentro do Conselho Escolar.

A formação presencial é um passo importante para que os Conselheiros e Conselheiras da Educação possam contribuir na construção da democracia e da cidadania. Cabe aos conselhos, também, analisar as ações a empreender e os meios a utilizar para o cumprimento das finalidades educacionais do município.

“Esse é um momento ímpar para os membros do CME que a partir de hoje estarão mais preparados para atuar como conselheiros contribuindo com as diretrizes e demandas educacionais de Chapadinha, essa é mais uma etapa cumprida na implantação de uma administração mais transparente e participativa”, destacou a professora Vânia Cristina Secretária de Educação.

Da Secom

Sem ônibus escolar, alunos de Coelho Neto continuam perdendo aulas…

Ônibus da frota municipal parados e a educação virando uma desordem

Tem se tornado um dilema a vida dos alunos da rede municipal de Coelho Neto que precisam do meio de transporte para se locomoverem para assisitirem suas aulas. Se não bastasse o início atropelado do ano letivo, o problema do transporte escolar passou a ser a vitrine da bagunça que se transformou a secretaria de Educação.

De acordo com denúncia recebida pelo blog, um dos problemas dos ônibus é falta de combústível. O que vai para a Lagoa do Mato que segue até o povoados Buenos Aires e demais povoados não faz a rota desde a última quarta (18). Segundo informações os professores teriam recebido o aviso que até esta sexta (20), a rota não seria cumprida por falta de combustível.

Ainda conforme o apurado pelo blog, dos 13 ônibus da frota, apenas 07 funcionaram ontem (19). Destes, três não teriam rodado por falta de combustível e os outros três por problemas mecânicos.

Esse blogueiro havia questionado o vereador Júnior Santos (MDB) na última quarta (18), sobre o problema e ele disse que a secretária de Educação Williane Caldas havia “admitido problemas com a licitação, mas que tudo já estava resolvido”. Problema resolvido coisa nenhuma! Na verdade a impressão que se tem é que a secretária de Educação está perdida no cargo e não consegue sequer administrar os problemas da pasta que comanda.

A grande verdade é que nunca a educação de Coelho Neto esteve tão bagunçada. Pior é constatar que isso se dá na administração de um prefeito e de uma secretária que são professores.

Seria cômico, se não fosse trágico…

Arquimedes retoma construção de creche abandonada pela gestão anterior

 

 

A cidade de Afonso Cunha dentre as muitas obras abandonadas pela gestão anterior herdou uma creche para educação infantil que integra o Programa de Aceleração do Crescimento – PAC-2, do Governo Federal.

Obra deixada pelo ex-prefeito José Leane: quase R$ 200 mil gasto nessa estrutura

O ex-prefeito recebeu duas parcelas da obra orçada em R$ 1.209.031,22 (um milhão, duzentos e nove mil, trinta e um reais e vinte e dois centavos), sendo: R$120.903,12 no dia 25 de abril de 2016 e 60.451, 56 no apagar das luzes do governo José Leane (MDB), no dia 28 de dezembro de 2016. Ou seja, foram gastos quase R$ 200 mil reais apenas no alicerce.

Arquimedes garantiu a retomada da obra

Pois bem, quando assumiu o governo, o prefeito Arquimedes Bacelar fez um destrato do contrato anterior e publicou uma nova licitação para garantir a retomada dos trabalhos. Cumprido os trâmites legais, a obra está sendo executada a todo vapor com previsão de entrega em agosto desse ano.

Operários se revezam em ritmo acelerado

“Infelizmente herdamos um cemitério de obras inacabadas por irresponsabilidade daqueles que não tem compromisso com o recurso público. Estamos nos esforçando para ao longo do tempo retomar as obras que são possíveis e responsabilizar a quem de direito para responder na justiça por tantos desmandos”, disse o prefeito.

Prefeitura tem acompanhado os serviços para que a obra seja concluida em tempo hábil

A creche está sendo construída no bairro Trizidela integra o projeto Proinfância Tipo 2 com capacidade de atendimento de até 188 crianças, em dois turnos (matutino e vespertino), ou 94 crianças em período integral.

Execução dos serviços bastante adiantada

Duque Bacelar garante participação na etapa intermunicipal da Conferência de Educação

 

 

A cidade de Duque Bacelar garantiu participação na etapa intermunicipal da Conferência de Educação sob a responsabilidade da Unidade Regional de Educação – URE.

O evento realizado em Caxias com abertura na terça (13) e encerramento nesta quarta (14), reuniu além dos delegados, os secretários dos seis municípios que integram a regional de Caxias.

Com o tema “A Consolidação do Sistema Nacional de Educação (SNE) e o Plano Nacional de Educação (PNE): monitoramento, avaliação e proposição de políticas para a garantia do direito à educação de qualidade social, pública, gratuita e laica”, o evento é uma preparação para a etapa estadual que ocorrerá em São Luís.

A secretária de Educação Dra Lúcia Azevedo fez uma avaliação positiva da participação da representação de Duque Bacelar no evento.

“Garantimos a participação dos nossos delgados por entender que Duque Bacelar não pode ficar de fora dos debates que tratam da educação e a nossa presença aqui reforça a discussão que iniciamos ainda em nosso município, durante a etapa municipal. É um momento de troca de experiências, mas sobretudo de avaliarmos o que temos e planejarmos o que queremos”, destacou a secretária.

Professores receberão reajuste e 1/3 de férias em março. Outros servidores também terão aumento

A secretária de Educação Vania Cristina recebeu em audiência nesta quarta (14) o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Chapadinha – SINDICHAP, professor Alcides Pereira Silva para dar-lhe boas novas.

O encontro é resultado de reunião prévia ocorrida entre representantes da categoria com o prefeito Magno Bacelar, que se comprometeu em avaliar o impacto do reajuste dos professores na folha de pagamento e garantir que a concessão do aumento de 6,81% não implicará em atraso futuro nos salários.

Mesmo estando em Brasília cumprindo agenda oficial, o prefeito solicitou que a secretária cumprisse o compromisso assumido pela administração com a classe e através dela anunciou aos professores que, além do 1/3 de férias, os salários de março já serão pagos com o reajuste.

“O prefeito Magno Bacelar nunca se esquivou de garantir os direitos dos servidores, muito pelo contrário, sempre se colocou à disposição para o diálogo, mas precisávamos estudar o impacto dessas medidas na folha sob pena de comprometer o equilíbrio das finanças do município. Após o estudo e em decorrência do zelo que tem se tem tido com os recursos, será possível garantir o pagamento do mês com o reajuste e o pagamento do 1/3 de férias”, destacou a secretária.

E as boas notícias não foram apenas para os professores. Servidores públicos que recebem seu vencimentos vinculados ao salário mínimo também receberão com reajuste a partir deste mês.

Durante a reunião foi reafirmada a disposição de ambas as partes para que o diálogo permaneça como o meio para viabilizar as demandas dos servidores sempre que forem viáveis, como o pagamento dos valores referentes ao reajuste retroativos aos meses de janeiro e fevereiro. Participaram da reunião os representantes da Procuradoria do município e do setor responsável pela elaboração da folha de pagamentos.

Prefeitura de Coelho Neto comunica início das aulas, mas escolas informam o contrário

 

Às 18h:58

Após repercussão imediata da matéria do blog sobre a irresponsabilidade da secretaria de Educação – Semed quanto a falta de informação sobre o início do ano letivo, o site da Prefeitura publicou agora pouco que  as aulas estão confirmadas para esta segunda (12).

Escola José Silva: é em meio a essa bagunça que a secretária de Educação Williane Caldas quer forçar o início do ano letivo: gestão sem comando e sem planejamento

Mesmo em meio a operários, tintas e a bagunça que uma obra ocasiona, o governo insiste em manter a abertura do início do ano letivo para tentar justificar a falta de planejamento na execução dessas obras.

Apesar da afirmativa do governo, um comunicado foi colocado na Escola José Sarney avisando que não haverá aulas. Na escola José Silva a equipe da escola também colocou um comunicado de que as aulas só iniciarão após a reforma.

Semed diz uma coisa e escolas dizem outra: educação sem comando

Com a prefeitura informando uma coisa e as escolas dizendo o contrário, fica confirmado a falta de sintonia que há entre a secretária de Educação Williane Caldas e sua equipe.

A falta de diálogo pelo visto é geral e reforça a bagunça que se transformou a Semed…

Secretaria de Educação de Coelho Neto: falta planejamento e sobra incompetência…

A secretária de Educação Williane Caldas ao lado do prefeito Américo de Sousa: faltou coragem de vir a público para admitir a a falta de planejamento e a incompetência da própria pasta

 

 

Não há como não ficar indignado com a irresponsabilidade da Secretaria de Educação de Coelho Neto no que tange ao início do ano letivo.

Perdidos na reforma de três escolas que deveriam ter iniciado em dezembro – mas que começou apenas em fevereiro – o prefeito Américo de Sousa (PT) decidiu no calor do pós carnaval estender a reforma para as demais escolas sem qualquer planejamento e apenas para tentar melhorar sua imagem desgastada.

A secretária de Educação Williane Caldas, perdida no comando da própria secretaria, sem autonomia alguma e extremamente subserviente a ingerência do chefe na pasta que comanda, teve a coragem de ir na televisão dias atrás dizer que as aulas começariam amanhã (12), quando ela mesma sabia que não haveria condições para isso.

Neste domingo (11), lacaios do governo insistiam em dizer em grupos de whatsapp que as aulas começarão manha quando na porta da Escola Sarney por exemplo, um aviso diz o contrário. Quanta irreponsabilidade!

Por que a secretária de Educação Williane Caldas não mostra a cara e diz quando de fato começará o ano letivo? Será que nem ela sabe ou é vergonha mesmo de encarar a classe que ela integra? Por que a secretaria de Educação não emitiu qualquer nota sobre o assunto? Por que o governo se mostra tão descompromissado com pais de alunos e professores? Se fosse no governo passado, não só Américo como a própria Williane ou os membros do SINTASP (Sindicato do Serviço Público da Microrregião de Coelho Neto) estariam estrebuchando, mas hoje “tudo junto e misturado” ninguém dá uma satisfação sequer para a sociedade.

Aviso na frente da Escola Sarney nega início do letivo nesta segunda (12): Secretaria de Educação enrolada na própria bagunça

Estamos falando de uma gestão irresponsável, desplanejada e perdida na própria incompetência…