Todo o poder a Danúbia Carneiro…

 

Danúbia Carneiro: poder exacerbado com desejo de onisciência e onipotência

A primeira dama Danúbia Carneiro acaba de alcançar seu status máximo de mando e de comando no governo em Chapadinha.

Sua ascensão de poder é tamanha, que chega ofuscar a presença do próprio prefeito Magno Bacelar (PV), que em diversas circunstâncias querendo ou não, acaba por exercer um papel secundário.

A dose de poder é tanta, que se pudesse Danúbia seria onisciente. Até uma simples reunião o prefeito faz questão que a mulher esteja do lado, lhe outorgando o direito de tomada de decisões como se ela fosse a prefeita.

Danúbia tem interferência direta em todas as decisões do governo, principalmente na indicação de secretários. É só constatar por exemplo, que todos os cargos estratégicos tem pessoas escolhidas a dedo, cujo único critério é apenas ser de sua confiança.

Fora isso, decisões administrativas e financeiras também passam pelo seu “pitaco”. Se não bastasse a vontade de ser onisciente, Magno agora quer delegar a Danúbia a qualidade da onisciência.

No início do governo chegou a assumir a Secretaria de Educação, mas na época o prefeito a exonerou com o argumento de nepotismo. Depois não se sabe por quais motivos voltou a ser nomeada e a tese do nepotismo foi para as cucuias.

Além de ser primeira dama, comandar a espinha-dorsal do governo e ter assumido a secretaria de Assistência Social o que pela lógica já lhe consumiria todo o tempo, Danúbia se auto-lançou esta semana como coordenadora geral da campanha dos candidatos do marido e nesta terça (14), fora premiada com a presidência do Galo da Chapada.

Será que vai funcionar?

Danúbia nunca teve tanto poder quanto agora, nem quando foi prefeita.

Não se atrevam a perguntar Dr Magno pelo nível elevado de poder da esposa.

Ele pode fazer valer a máxima de Zé Reinaldo na era Alexandra e dizer: eu quero que ela mande mais…

Alô MP: Com o convênio prestes a expirar e com mais de R$ 300 mil na conta, Praça da Fé segue paralisada

 

O prefeito de Chapadinha Magno Bacelar visitou no dia 24 de abril do ano passado, o que deveria ser o início das obras da Praça da Fé, no Bairro Areal.

Local onde deveria está uma obra prestes a ser inaugurada

A obra conveniada ainda no governo da ex-prefeita Ducilene Belezinha (PR), é uma parceria da Prefeitura de Chapadinha com o Governo Federal, através do Ministério do Turismo.

Magno com a equipe em abril de 2017: de lá para cá nada mudou

Depois dessa visita de Magno na praça há exatos um ano quatro meses nada mudou e a obra nunca saiu do lugar, ou melhor tem andado a passos de tartaruga. Não se sabe o motivo, pois falta de dinheiro é que não é. A obra que é orçada em R$ 682.500,00 (seiscentos e oitenta e dois mil e quinhentos) teve liberada a primeira parcela no 27 de março do ano passado, no valor de R$ 341.250,00 (trezentos e quarenta e mil, duzentos e cinquenta reais).

Magno recebeu 50% do recurso da obra

A grande preocupação é que o município segue com sério risco de perder a obra, pois não há qualquer justificativa para a obra não ter saído do lugar e o convênio se conclui no próximo dia 30 de novembro. Se não fizeram a obra em um ano e quatro meses, sera que vão concluir em três meses?

Pagamento da primeira parcela que corresponde a 50% da obra. Como nunca avançou a outra parte só sai no decorrer da conclusão da obra

Com a palavra a Secretaria de Comunicação do governo….

Alô MP: Com obra 100% paga, empresa não entrega reforma da Rodoviária de Chapadinha

Rodoviária de Chapadinha: mesmo 100% paga, a obra anda longe de ser concluida

Tem algo de errado na obra de reforma do Terminal Rodoviário de Chapadinha. A obra que foi recebida com entusiasmo pela população acabou virando um elefante branco, embora sem nenhuma razão de ser. Explica-se: A Prefeitura firmou contrato com a Gomes e Teles Construções e Comércio com assinatura do convênio feita no dia 06 de setembro de 2017.

Contrato foi assinado em setembro de 2017 e quase um ano depois a obra segue parada

Passados quase 01 ano, a obra foi praticamente abandonada e o que é pior, tendo o valor do contrato já tendo sido pago integralmente. Pode isso Arnaldo? Quer dizer, como podem ter pago a última medição se a obra sequer foi concluida?

Foram feitos três repasses no total: A primeira no dia 21 de fevereiro no valor de R$ 71.656,59, a segunda um mês depois no dia 21 de março de 2018 no valor de R$ 95.232,52  e a última que só deveria ser pago se a obra tivesse sido concluida no valor de R$ 55.374,19.

Obra 100% paga e com anuência dos órgãos de controle: pode isso?

A empresa Gomes e Teles Construções e Comércio precisa se manifestar e dizer como conseguiu a proeza de receber o valor integral de um contrato sem concluir a obra? Cadê os órgãos de controle do governo (Procuradoria e Controladoria) que autorizaram esses pagamentos?

Como dizia o repórter secreto cadê a rodoviária que estava aqui, ou melhor, cadê o dinheiro que tava aqui?

A caça às bruxas na Secom de Magno Bacelar…

Prefeito Magno Bacelar: apoio ao amadorismo e caça as bruxas

 

 

Desde que trocou o comando da Secretaria de Comunicação – Secom, o prefeito Magno Bacelar vem colhendo dissabores pela escolha. Declaradamente, parte da equipe não concorda com a escolhida por inúmeros motivos, dentre os quais a falta dos critérios técnicos e as questões voltadas ao relacionamento interpessoal da nova ungida com os demais colegas.

A melhor opção dos quadros atuais seria o publicitário Paulo Sullyvam pelo perfil moderado e bagagem profissional reconhecida. Ou a própria professora Jane, que tem um perfil mais político e com excelente trãnsito entre todos, mas o prefeito optou pelo amadorismo e a subserviência. A nova secretária já assumiu o comando de chicote na mão e demonstrou não hesitar cumprir todas as determinações do prefeito, mesmo que estas sejam absurdas e contrárias ao que reza o bom profissionalismo.

A primeira estupidez é eliminar as matérias institucionais, talvez porque a nova secretária não saiba sequer o que seja isso, a orientação é que a partir de então o governo caminhe sem direção e quem quiser divulgar as ações do administração as faça como achar conveniente, sem qualquer critério técnico.

Outra condição imposta é o voto irrestrito dos membros da secretaria ao candidato a deputado federal do prefeito, já que parte da equipe já tinha apoio declarado e escancarado ao ex-secretário Eduardo Sá (PHS).

Se a Secom sob o comando do jornalista Eduardo Braga que é um profissional tarimbado sofria seus dissabores, imagine agora entregue ao Deus dará, onde o técnica se confunde com gosto pessoal e o profissionalismo é apenas um detalhe.

Felizmente nem todos aceitaram se submeter a ditadura imposta pelo governo.

Porque o salário não compra consciência. E nem deve ser moeda para ser trocada com os descompromissados e arrogantes do poder…

Prefeitura de Chapadinha amplia investimentos na educação

 

A Prefeitura de Chapadinha através da Secretaria de Educação – Semed está ampliando seus investimentos na área de infraestrutura nas escolas.

 

Dentre as beneficiadas está a Escola João Gomes, que está recebendo uma quadra poliesportiva completa para a prática esportiva e de lazer dos alunos e da própria comunidade.

Em visita a escola feita nesta terça (07), o prefeito Magno Bacelar e a secretária de educação Vânia Cristina vistoriaram a obra e conversaram com os operários.

“Esse é um investimento importante, pois esta quadra poliesportiva será um ialiado na inclusão dos nossos alunos e incentivo à prática esportiva”, destacou o prefeito. A obra é fruto de um convênio entre a Prefeitura e o Ministério da Educação – MEC.

 

“Foi um sucesso”, diz secretária de Educação sobre Encontro Pedagógico em Chapadinha

A secretária Vânia Cristina fez uma avaliação bastante positiva do Encontro Pedagógico de Professores, promovido pela Prefeitura de Chapadinha através da Secretaria de Educação – Semed.
 
“Foi um sucesso sem sombra de dúvidas graças ao apoio da nossa equipe pedagógica e a presença de nossos professores em mais esse evento de capacitação. Não há como melhorar a educação sem investir na qualificação dos professores”, disse ela.
 
Durante três dias (01 à 03/08), o evento que na abertura teve a palestra de Mury Campos reuniu professores da educação infantil, ensino fundamental – anos iniciais e finais da zona urbana e rural; professores de classes multiseriadas (1º ao 5º ano), professores de educação de jovens, adultos e idosos – EJAI, gestores escolares, especialistas e supervisores.
O prefeito Magno Bacelar acompanhou as oficinas de trabalho e disse que o governo continuará investindo na qualificação dos professores.
“O professor faz sua parte quando dar o seu melhor dentro da sua sala de aula e o governo do outro lado precisa também fazer sua parte no sentido de colaborar para que seu processo de formação seja algo contínuo. Está de parabéns a professora Vânia e equipe pela realização de mais esse êxitoso evento”, destacou.
 
Durante o encerramento, os professores presentes na Escola Manoel José de Santana fizeram uma oração agradecendo pelo evento e pelo novo semestre que se inicia.

A rebelião na Secom de Magno Bacelar…

Prefeito Magno Bacelar: escolha equivocada para a Secom deixa governo vulnerável para a oposição

O ex-presidente dos Estados Unidos Barack Obama disse certa vez: livre-se dos bajuladores e mantenha por perto pessoas que te avisem quando você erra. Essa frase poderia está na mesa de cabeceira de qualquer governante, mas o que deveria ser via de regra, é na verdade uma exceção.

Encastelado nas coxias do poder, o prefeito Magno Bacelar decidiu mudar nesta quinta (02), o comando da Secretaria de Comunicação que estava sem titular desde a saída de Eduardo Braga para a coordenação de campanha dos candidatos Levi Pontes (PCdoB) e Eduardo Sá (PHS).

Para ocupar o cargo o prefeito não considerou qualquer outro critério senão a amizade. E para comandar uma Secretaria de Comunicação basta ser amiga? Na concepção de Magno Bacelar parece que sim. De preferência uma amiga que não o contrarie, que não o incomode e de quebra não diga quando ele errou. Dane-se o preparo técnico, dane-se a conversa com a equipe e dane-se a opinião de quem quer que seja.

Ao tomar essa decisão equivocada, o prefeito fragilizou-se a si próprio e ao seu governo. Bastou a notícia se espalhar  para uma rebelião se instalar no seio da Secom. A escolhida pelo prefeito não agradou parte do corpo técnico da pasta e a debandada foi geral. O descontentamento pela forma e pela escolha foi externado de imediato para a primeira dama Danúbia Carneiro (que preferiu ignorar), argumentada pela própria relação diária da “ungida” com os demais colegas que por si só explica toda essa reação de contrariedade.

Magno errou feio ao subestimar a própria equipe e desconsiderar a lógica que compõem o ocupante de um cargo como esse, talvez porque ao contrário de Obama deva preferir os bajuladores.

Só não atentou-se ao fato de que nem todo mundo está disposto a se submeter a isso…

Equipe intersetorial de Chapadinha participa de capacitação do Selo UNICEF em São Luís

A Prefeitura de Chapadinha garantiu participação de seus representantes no 2º Encontro de Capacitação do Programa Selo UNICEF Município Aprovado que iniciou ontem (01), em São Luís e encerra nesta quinta (02).

Dentre os objetivos da programação está a avaliação dos eventos realizados em 2017 visando a promoção, garantia e realização dos direitos das crianças e adolescentes. Entre os assuntos abordados, estão água e saneamento, nutrição, mobilização de adolescentes, ações voltadas para imunização e promoção de vacinação e a Plataforma Crescendo Juntos.

A promoção do protagonismo dos adolescentes será o destaque nesta próxima capacitação, em que meninos e meninas vão poder conhecer as propostas metodológicas especificas para eles, fazendo sugestões sobre como o trabalho pode ser conduzido com o público juvenil nos municípios.

Representam o município a articuladora do Selo, Raimunda Portela (Dadá), a representante da Secretaria de Assistência Social, Samya Rossa e o adolescente Vytor Vieira Lima, da Escola Isaías Fortes de Meneses.

Magno e Danúbia participam de evento nacional da Assistência Social em Belo Horizonte

 

O Prefeito Magno Bacelar acompanhado da 1ª dama e secretária de Assistência Social Danúbia Carneiro, estão em Belo Horizonte-MG participando do XX Encontro Nacional do Colegiado Nacional de Gestores Municipais da Assistência Social – Congemas.

De acordo com a secretária de Assistência Social, o evento é importante e a presença do prefeito revela seu compromisso com a pasta.

“Estamos tendo a honra de compor a delegação do Maranhão nesse importante evento nacional e mais ainda de ter garantido a presença do prefeito Magno Bacelar, pois a política de assistência social para se tornar efetiva em qualquer instância precisa da sensibilidade do gestor e em Chapadinha temos nele nosso maior parceiro”, disse ela.

O evento que acontece até o próximo dia 01 de agosto no Expominas, tem como tema Os Desafios à Universalização do SUAS na Conjuntura Atual.

Com pagamentos de aposentados, Prefeitura de Chapadinha conclui folha do mês de julho

Com as dificuldades enfrentadas pelas sucessivas quedas de receitas da União, a Prefeitura de Chapadinha tem enfrentado dificuldades para garantir o pagamento de todos os servidores no dia 20.

Ainda assim e tendo que cortar na própria carne, o prefeito Magno Bacelar tem feito um esforço para garantir que em meio aos inúmeros compromissos da administração, a folha de pagamentos esteja como prioridade.

Mesmo com a necessidade de aguardar o repasse da complementação de recursos por parte do Governo Federal, a prefeitura tem conseguido cumprir seu compromisso de pagar o funcionalismo dentro do mês, mostrando eficiência e austeridade na condução da máquina pública.

Nesta segunda (30), a Secretaria de Finanças concluiu o pagamento dos servidores do mês de julho, com a liberação dos recursos para os aposentados do Instituto de Previdência de Chapadinha – IPC.