FAI fará lançamento do primeiro curso de Odontologia da Região dos Cocais

A Faculdade do Vale do Itpapecuru – FAI se prepara para lançar o primeiro curso de Odontologia da região dos Cocais.

O curso é a mais nova aquisição da Instituição e passa a ser uma opção referenciada para os estudantes da região.

A cerimônia de lançamento oficial do curso será realizado na próxima segunda (25), no auditório da FAI, a partir das 18h.

Conselho realiza Plenária da Comissão + 2 de Segurança Alimentar e Nutricional em Caxias

A Plenária da Comissão + 2 de Segurança Alimentar e Nutricional foi realizada nas dependências do Instituto Federal do Maranhão (IFMA/Caxias) na manhã da última terça-feira (19/09).  Ambientalistas, agricultores, engenheiros agrônomos, estudantes e secretários municipais participaram da plenária e do debate que visa construir o Plano Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional que Caxias ainda não tem. A meta é elaborá-lo até maio de 2018.

A plenária teve como tema: “Comida de Verdade no Campo e na Cidade”. Compuseram a mesa de abertura dos trabalhos: Lícia Waquim, chefe de gabinete da Prefeitura de Caxias; Ilmara Compasso, presidente do COMSEAN; João da Paixão, diretor do IFMA/Caxias; Prof. Chiquinho, secretário adjunto de Assistência e Desenvolvimento Social; Maria Júlia, presidente do Conselho Municipal de Saúde e o secretário de Governo Catulé Júnior, que na ocasião representou o prefeito de Caxias, Fábio Gentil.

“O conselho existe no município desde 2007. Em 2015 ocorreu a Conferência Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional; naquela ocasião, foram elaboradas 15 propostas para colocar em execução no Município. A cada dois anos há necessidade de avaliar. A importância desse momento é colocar os pés no chão e se comprometer com algo que o Município pode executar. Então, nós vamos avaliar essas propostas elaboradas em 2015, reprogramar para o momento em que vivemos hoje no município e, a partir daí, dar subsídios para a elaboração do Plano Municipal de Segurança Alimentar no Município de Caxias. O Plano Municipal é um documento de comprometimento do poder público com as ações de Segurança Alimentar e Nutricional, então, alguns dos programas federais vêm para o Município através do Plano Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional com adesão ao SISAN que foi feita agora, que através dessa ação já fomos contemplados com dois programas: Criança Feliz e o Projeto do Leite, que será executado pela Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social”, explica Ilmara Compasso, presidente do COMSEAN;

“Estamos neste momento junto à CAISAN tentando que nossos professores possam passar por esse momento de conscientização que é a importância da segurança alimentar, mas também nos dá a possibilidade de discutirmos propostas. Utilizar uma merenda de qualidade como Caxias vem utilizando, nós temos três nutricionistas garantidas pelo Conselho Municipal de Segurança Alimentar e pelo Ministério da Educação; nossas nutricionistas têm um cardápio, porém, uma tecnologia alimentar é necessária. A sociedade é convocada a essa discussão para que possamos chegar à meta de construção do Plano Municipal de Segurança Alimentar”, ressaltou Ana Célia Damasceno, secretária Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia (SEMECT).

“É importante que o Município ele se engaje no Sistema de Segurança Alimentar (SISAN), nas políticas propostas principalmente pelo Governo Federal, para que o Município possa ter acesso a alguns benefícios que são necessários e que o Município esteja legalizado na política de Segurança Alimentar com sua CAISAN formada, com seu Plano formado, o sistema como um todo formado para que possa ter acesso a essas políticas que venham a trazer benefícios à sociedade. Que o alimento produzido no campo possa ser servido na cidade, saindo um pouco dos enlatados, dos alimentos que têm conservantes, que nós sabemos que fazem mal à saúde”, destacou Clélio Guerra, Membro do Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional.

“O IFMA não pode ficar de fora por ser uma instituição que oferece cursos técnicos em alimentos. Estamos com uma proposta de abrir curso superior nessa área de alimentos, então, o IFMA é uma instituição que tem pessoas capacitadas, tem professores que trabalham com o assunto, tem alunos na área de alimentos, temos a nossa nutricionista que é membro do Conselho de Segurança Alimentar e Nutricional e isso vem fortalecer uma ação que a cidade de Caxias é carente. Agora com essa proposta, a questão alimentar possa ganhar força e possa funcionar no Município”, destacou João da Paixão, diretor do IFMA/Caxias

“Essa plenária é uma prova de que estamos querendo dialogar, construir um diálogo pactuado com a população. Em segundo lugar, fazer uma discussão sobre Segurança Alimentar e Nutricional é fundamental  porque nós temos dois problemas que temos que administrar: primeiro, são as pessoas que estão na extrema pobreza, que não têm as três refeições diárias, nós estamos na Secretaria de Agricultura com o PAA que acabamos de encerrar, nós conseguimos comercializar mais de 200 mil quilos entregando em nosso município e atendendo mais de 4 mil pessoas; um segundo ponto é a qualidade dessa alimentação”, ressaltou Ney Jefferson, secretário de Agricultura, Abastecimento e Pesca.

Realizada pelo Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional de Caxias em parceria com a Secretaria Municipal de Assistência Social, a plenária serviu para a avaliação das 15 propostas elaboradas no ano de 2015, reformulação e elaboração de novas propostas, além de somar esforços para a Construção do Plano Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional.

“Primeiro, o objetivo da plenária é avaliar o que aconteceu de 2015 até a data de hoje, o que foi executado ou não, reprogramar e dá pelo menos duas propostas, daí o nome da plenária + 2. Pois bem, a ideia é coletar as opiniões de cada setor da sociedade para a elaboração do Plano de Segurança Alimentar do Município de Caxias, que é um dos pré-requisitos para que a gente possa instalar no Município de Caxias, que é a intenção do prefeito Fábio Gentil, de trazer para Caxias um restaurante popular, além das cozinhas escolares, onde nós vamos trabalhar com as famílias carentes ensinando a produzir os alimentos. Com isso, nós estamos contando com a parceria do IFMA e de outras instituições, sendo públicas ou provadas para que a gente melhore a qualidade de alimento no Município de Caxias”, explicou Prof. Chiquinho, secretário adjunto de Assistência e Desenvolvimento Social.

“Hoje é uma grande oportunidade para que a gente possa avaliar tudo aquilo que foi discutido há dois anos em relação a segurança alimentar e sabermos o que está sendo feito certo, o que estamos fazendo de errado, mas do que isso, nos dá elementos para a construção do Plano de Segurança Alimentar que há 12 anos ainda não foi feito e, com certeza, a nossa equipe da Assistência Social, que tem trabalhado arduamente, vai realiza-lo. É necessário que haja todo esse envolvimento da sociedade junto ao poder público para que a gente construa ações estratégicas que sejam voltadas para o enfrentamento desse problema, para que em um curto espaço de tempo possa ofertar uma segurança alimentar, não só na quantidade, mas na qualidade que o nosso povo merece”, lembrou  Catulé Junior,  secretário de Governo da Prefeitura de Caxias, na ocasião representando o prefeito de Caxias, Fábio Gentil.

Confira a reportagem:

Dia “D” da Campanha Nacional de Multivacinação mobiliza centenas de famílias em Caxias

Durante todo sábado (16) aconteceu o dia “D” da Campanha Nacional de Multivacinação. Pais, mães, avós e responsáveis levaram crianças e adolescentes às Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) para serem imunizados contra aproximadamente 20 tipos de doenças. Dentre as vacinas disponibilizadas estavam a: BCG, Hepatite-B, Pentavalente, Pneumo, dentre outras.

Geralmente é minha mulher que traz, mas hoje eu que trouxe, mas fiquei sabendo que eles não vão precisar tomar, vamos só conferir a carteirinha. Que todos os pais venham e tragam seus filhos para manter a saúde em dia”, declarou Pedro José, pai e morador do Bairro Volta Redonda.

“Eu acho muito importante para prevenir vários tipos de doenças. No meu caso, eu trago minhas filhas desde bebezinhas, desde que elas nasceram, justamente para isso. No calendário, as carteirinhas delas estão sempre em dia, eu tenho sempre essa preocupação de trazer. As minhas filhas não ficam adoecendo, raramente minhas filhas adoecem. Nem gripe elas andam tendo. Todos os pais devem trazer seus filhos para evitar as doenças”, ressaltou Maria Soraia, mãe.

“É muito importante que os pais procurem as Unidades Básicas de Saúde para atualizar as carteirinhas dos seus filhos. Nós temos 16 vacinas e dentre elas uma que é contra o HPV, o câncer. Essa vacina era destinada só para as meninas, mas agora o Ministério da Saúde recomenda que os meninos também tomem. Que todos os pais compareçam, não só aqui no posto da Volta Redonda, quanto nos demais trazendo seus filhos para vacinar”, convicou Janaína Rosa, enfermeira.

Desenvolvida no Município de Caxias, na zona urbana e rural pela Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, a Campanha de Multivacinação teve início no dia 11 de setembro e segue até o próximo dia 22. O público que se pretende alcançar tem faixa etária que vai de 0 a menores de 15 anos.

“A contra indicação da vacina é apenas para os casos em que a criança está apresentando febre, então, se ela tiver gripada e estiver com febre essas vacinas vão precisar ser adiadas até melhorar os sintomas. Mas se estiver resfriada e sem febre não tem problema nenhum dela tomar a vacina. No caso do calendário, nós temos cerca de 16 imunológicos disponíveis. No caso da Pentavalente, ela protege a criança contra cinco tipos de doenças: coqueluche, difteria, tétano, Haemophilus influenzae e a hepatite-B. É importante que os pais ou responsáveis por essas crianças e adolescentes eles compareçam à unidade de saúde para que o profissional capacitado possa avaliar a caderneta de vacinação e veja se tem a necessidade ou não de tomar alguma vacina. O objetivo principal é evitar que as crianças e adolescentes contraiam alguma doença que possa ser prevenida pela vacinação” explicou Fernanda Batista, coordenadora da Vigilância Epidemiológica.

Confira a reportagem:

Da Assessoria

Fábio Gentil recebe premiação por estar entre os 100 melhores prefeitos do Brasil

O prefeito de Caxias, Fábio Gentil, recebeu hoje (15/09) em Recife a Medalha Brasil-Suíça Honra ao Mérito – Os melhores do Brasil por um Brasil Melhor e o Certificado Destaque do Ano da UBD (União Brasileira de Divulgação), que classificou o prefeito de Caxias como um dos 100 melhores prefeitos do Brasil, estando em segundo lugar no ranking dos melhores prefeitos do Maranhão.

A avaliação feita pela UBD avaliou critérios como transparência, responsabilidade fiscal e credibilidade, além do comprometimento com a sociedade e classificados na pesquisa nacional de utilidade pública nas áreas da educação e transparência pública nos primeiros 210 dias de gestão.

Com um governo transparente e próximo da população, a atual gestão do município de Caxias aos poucos está vencendo os desafios encontrados desde o início de 2017.

Durante a cerimônia de premiação o prefeito Fábio Gentil falou com orgulho de Caxias e dos marcos históricos ocorridos no município, lembrando a Guerra da Balaiada e citando os poetas que fazem parte da história da “Princesa do Sertão Maranhense”, como Gonçalves Dias, Vespasiano Ramos e Coelho Neto. Além disso, o atual gestor relatou alguns avanços obtidos em Caxias desde que assumiu o poder executivo no início de 2017.

“Para mim é uma satisfação. Mesmo com as dificuldades pelas quais o país atravessa, Caxias tem sido um exemplo para todo Estado do Maranhão. Conseguimos enxugar as despesas do município, executar obras no governo municipal no valor de R$ 22 milhões sem a ajuda do Governo do Estado e sem ajuda do Governo Federal. Tive muitos desafios, não tinha recursos e nem apoio, fui eleito apenas pelo voto de confiança do povo, pois prometi que se esse voto fosse me dado, retribuiria em forma de trabalho. Melhoramos a receita municipal, sendo hoje uma das melhores do Maranhão, em apenas seis meses de governo. Estamos fazendo as cinco maiores obras do Estado do Maranhão a nível municipal. Estamos trabalhando pelo desenvolvimento do município. Nós nunca atrasamos a folha de pagamento, fomos a primeira cidade do país a pagar a primeira parcela o décimo terceiro, sendo feita no final de maio. Tudo isso para mostrar aos funcionários públicos municipais que temos capacidade para governar”,declarou Fábio Gentil, prefeito de Caxias.

A Prefeitura de Caxias tem investido em projetos, programas e ações que estão levando a cidade a ser destaque nacional pela eficiência e responsabilidade na condução das políticas públicas em sintonia com os anseios da população e responsabilidade fiscal, a ponto do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão ter reconhecido por duas vezes, só em 2017, a seriedade da gestão pública municipal como modelo de transparência.

Finalizando, Fábio Gentil desejou sucesso a todos os prefeitos presentes, também premiados, ressaltando a importância de pensar sempre no bem-estar da população, destacando sua paixão por Caxias.

“Desejo a todos os presentes que possamos sempre governar pensando no próximo, sem demagogias, mas com a certeza de quem confiou o mandato a nós espera que um dia a cidade possa melhorar. Desejo, ainda, que o sucesso não seja apenas momentâneo e sim duradouro, enquanto o pensamento de cada um de nós for em benefício do nosso povo. Me sinto honrado de receber esse certificado como ato de reconhecimento do povo e do município de Caxias, da cidade pelo qual sou apaixonado. Eu sempre digo que aquilo que fazemos com amor, fazemos bem feito. A paixão que eu tenho pelo meu povo, a paixão que eu tenho por Caxias eu externo aonde quer que eu vá” enfatizou Fábio Gentil, prefeito de Caxias.

Da Assessoria

Caxias desenvolve programação em alusão ao “Setembro Amarelo”

Há pouco mais de três anos o Brasil passou a lembrar no mês de setembro a importância da valorização da vida. Desde então, a expansão dos trabalhos em busca de uma consciência nacional sobre a prevenção ao suicídio tem sido destacada. A campanha Setembro Amarelo, que tem o seu dia “D” hoje, dia 10, se transformou em um símbolo para a lembrança do valor da vida.

Iniciado no Brasil pelo CVV (Centro de Valorização da Vida), CFM (Conselho Federal de Medicina) e ABP (Associação Brasileira de Psiquiatria), o Setembro Amarelo realizou as primeiras atividades em 2014 concentradas em Brasília. Em 2015 já conseguiu uma maior exposição com ações em todas as regiões do país.

Mundialmente o IASP – Associação Internacional para Prevenção do Suicídio – estimula a divulgação da causa vinculado ao dia 10 do mesmo mês o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio.

O CVV – Centro de Valorização da Vida (uma das principais mobilizadoras do Setembro Amarelo) é uma entidade sem fins lucrativos que atua gratuitamente na prevenção do suicídio desde 1962, membro fundador do Befrienders Worldwide e ativo junto ao IASP – Associação Internacional para Prevenção do Suicídio), da ABEPS (Associação Brasileira de Estudos e Prevenção do Suicídio) e de outros órgãos internacionais que atuam pela causa.

Alguns destaques em 2015 foram a iluminação de monumentos como Cristo Redentor no Rio de Janeiro/RJ; o Congresso Nacional e a ponte Juscelino Kubitschek, em Brasília/DF; o estádio Beira Rio, em Porto Alegre/RS; a Catedral e o Paço Municipal de Fortaleza/CE; a Ponte Anita Garibaldi, em Laguna/SC e o Palácio Campo das Princesas, em Recife/PE.

Também foram feitas ações de rua como caminhadas, passeios ciclísticos, motoatas e abordagens em locais públicas em cidades.

O CVV em Caxias (MA) iniciou os primeiros trabalhos em 2016, e está em processo de implantação. A Organização Não-Governamental funciona como lugar de escuta qualificada auxiliando pessoas que precisam ser escutadas.

“A vida é nosso bem mais precioso e, durante nosso processo individual de evolução humana, nos deparamos com situações que nos proporcionam toda sorte de emoções extremas, ora positivas, ora negativas. Muitas vezes ocorrem perdas físicas ou materiais, afetivas, dificuldades de relacionamentos e violência social, familiar ou nos espaços de trabalho, e nem sempre nossa mente consegue absorver ou desenrolar esses nós. Muitas vezes o gatilho para uma ação extrema que abala o indivíduo, a ponto de querer extinguir a própria existência , é a falta de diálogo, a falta de alguém com quem dividir um problema, a falta de uma escuta imparcial sem julgamentos ou cobranças. Já se pode provar através de pesquisas que 90% dos casos podem ser evitados utilizando essa escuta sensível, acolhedora e neutra. Outro perigo para uma ideação suicida preexistente é a forma como são divulgados nas redes sociais e nos demais veículos de imprensa os casos consumados de suicídio, o que provoca um encorajamento para materializar essa vontade de conseguir o alívio para suas dores. É rotineiro encontrar publicações com as imagens, ângulo a ângulo de suicidas, o que se configura em crime e, sobretudo, de uma falta de humanidade sem precedentes. O CVV-CAXIAS iniciou seus trabalhos em 2016 e está seguindo os passos para sua implementação definitiva como pioneiro no Estado do Maranhão e logo poderemos através de nós, voluntários, realizar atendimento especializado cumprindo todos os critérios exigidos para preservação da vida, oferta de apoio emocional, valorização do indivíduo e amor ao próximo. O CVV é uma ONG que realiza trabalhos no país todo a mais de 50 anos”, ressaltou Michelle Melo, coordenadora do CVV em Caxias.

A Prefeitura de Caxias por meio de uma parceria entre as secretarias municipais de Saúde; Educação, Ciência e Tecnologia e Assistência e Desenvolvimento Social vai desenvolver a capacitação de profissionais da Saúde, Educação e Assistência Social e a realização de uma caminhada no final do mês de setembro, em data a ser definida, para chamar a atenção da sociedade sobre a valorização da vida.

“No mês que a OMS alerta para o aumento de casos de depressão e suicídio, especialistas e educadores destacam a necessidade de debater o assunto e de lidar com a influência do Bullying, da falta de afetividade e amor sobre a depressão e da depressão sobre o suicídio. Reconhecemos que falar sobre esse assunto é desafiador. Ao que parece, as situações de vulnerabilidade psicológica para as quais, muitas vezes, prefere-se olhar mais secretamente, o silêncio funciona como uma saída. Precisamos assumir o papel de elo propositor do dialogo para compreensão e valorização da VIDA. Dizer e assumir o SIM À VIDA é, de fato, acreditar que somos responsáveis por nossa estadia na terra dada pelo grande Criador, nosso único e soberano Senhor!”,destacou Ana Célia Damasceno, secretária Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia (SEMECT).

Entendendo a relevância da temática, o município também fará um trabalho de médio e longo prazos no sentido de construir as bases de uma política pública de valorização da vida e prevenção ao suicídio.

Neste domingo (10), considerado em Caxias como o Dia do Sim à Vida, a Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social fará a distribuição de laços na cor amarela durante a Feirinha da Gente como forma de despertar a sociedade caxiense para a campanha.

Na segunda-feira (11), a partir das 14h será realizada uma capacitação para estudantes de jornalismo e profissionais que trabalham na área de Comunicação Social. A capacitação acontece nas dependências de um dos prédios do Centro de Estudos Superiores de Caxias da Universidade Estadual do Maranhão, no Centro da Cidade.

Ministrada pelo Conselho Regional de Psicologia do Maranhão, em parceria com a Coordenação de Saúde Mental, a oficina será conduzida pelo Psicólogo Antônio Soares, conselheiro do Conselho Regional de Psicologia do Maranhão. Além de abordar sobre o Setembro Amarelo, a oficina vai tratar sobre a temática do Suicídio e as maneiras de lidar com o assunto.

Com o tema: “Alerta Amarelo”, prevenção de Suicídio para profissionais e estudantes de comunicação, o momento terá cinco horas aulas com direito a certificado.

Da Assessoria

Mais de 10 mil estudantes prestigiam Desfile Cívico em Caxias

As celebrações em alusão aos 195 anos de Independência do Brasil, que historicamente representam o fim do julgo português sobre o território brasileiro, teve seu ponto alto em Caxias na manhã desta quinta-feira (07). Organizado pela Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia (SEMECT), o evento reuniu mais de 10 mil pessoas desfilando e outras milhares de pessoas como expectadoras da declaração de amor ao país.

A solenidade oficial com o hasteamento das bandeiras do Brasil, pelo Prefeito Fábio Gentil; do Maranhão, pelo comandante da Polícia Militar em Caxias, Márcio Silva; e a bandeira de Caxias, pelo vereador e presidente da Câmara Municipal, Catulé ocorreu logo cedo da manhã, por volta das 07h30min, em frente à Prefeitura Municipal. Ao som do Hino Nacional, executado pela banda de música Lira Municipal, as forças militares: Guarda Municipal; Agentes de Trânsito; Tiro de Guerra e Bombeiros Civil em posição de respeito reverenciaram os pavilhões no momento solene de hasteamento. Também estiveram presentes representantes do legislativo municipal, secretários municipais e adjuntos, coordenadores, supervisores, representantes de ONG’s e demais segmentos da sociedade civil organizada.

O desfile oficial iniciou por volta das 08h15min com revista às tropas militares realizada pelo prefeito Fábio Gentil e o vice-prefeito Paulinho. Em seguida, como autoridade máxima do município, o prefeito autorizou o início dos desfiles após passarem pelo Corredor da Independência a Guarda Municipal e os Agentes de Trânsito do Município. Antes da passagem das escolas, a Secretaria de Infraestrutura do Município realizou a exibição de uma campanha de conscientização para que a sociedade caxiense possa colaborar ainda mais com a limpeza da cidade.

“Fiquei muito feliz, todas as escolas fizeram desfiles lindos, a Prefeitura organizou bem o evento, tudo funcionou como devia ser, acomodou a todas as pessoas, então é uma felicidade enorme está aqui hoje”, afirmou Paulinho, vice-prefeito de Caxias.

“É tradição em Caxias essa concentração cívica de primeira qualidade. O prefeito Fábio Gentil orientou e autorizou a Secretaria de Educação a oferecer a cidade de Caxias o melhor possível, pois a população de Caxias gosta do que é bom. É uma festa bem organizada que oferece um espetáculo cívico de grande natureza, de grande envergadura. Está de parabéns a cidade de Caxias”, ressaltou Catulé, vereador e presidente da Câmara Municipal.

“Esse é o dia em que o brasileiro diz do orgulho que tem de fazer parte dessa pátria e a colaboração que ele dá no dia a dia dessa nação forte. O prefeito Fábio Gentil juntamente com a secretária de Educação e todos que fazem esse governo, esse ano, deram uma nova roupagem valorizando a todos que fazem o desfile, alunos, professores e as pessoas que vêm assistir também com mais conforto e estrutura. Há de se levar em consideração a descentralização que houve no desfile, onde nós fomos até as regiões mais afastadas da cidade valorizando, assim, todos os caxienses”, lembrou Catulé Júnior, secretário de Governo.

“É gratificante ver milhares de pessoas prestigiando um evento bonito como esse. Pela primeira vez a Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social participou de frente. Foi muito bonito, todas as escolas estão de parabéns, os professores estão de parabéns e o prefeito está de parabéns. Que os próximos anos sejam melhores ainda”, parabenizou Letícia Mabel, primeira-dama e secretária municipal de Assistência e Desenvolvimento Social.

“Civilidade e patriotismo são palavras com as quais a gente pode resumir esse momento. A participação do poder público permitiu que todas as escolas fizessem um bom trabalho. A cidade quando anda unida com o mesmo propósito e objetivo é o ponto principal para que a gente possa desenvolver o município. A alegria externada no rosto de cada criança, de cada jovem que por aqui passou dá a demonstração da credibilidade e da confiança de que Caxias será a cidade que a gente quer”, destacou Fábio Gentil, prefeito de Caxias.

A organização do desfile pela Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia determinou que as unidades de ensino estadual, municipal e federal, além das ONG’s, projetos sociais das secretarias e instituições militares e parceiras se concentrassem em frente à Igreja Nossa Senhora do Remédios (Catedral). O desfile seguiu pela Rua Primeiro de Agosto, passando em frente à Igreja da Matriz seguindo pelo Corredor da Independência, no qual se transformou a Travessa Desembargador Morato, com encerramento na Praça do Panteon.  Ao todo, 67 instituições, entre unidades municipais e estaduais de ensino, organizações não-governamentais, projetos sociais e instituições militares, além do desfile dos integrantes de todas as secretarias municipais participaram da demonstração de amor pela pátria.

Cada escola fez questão de levar para o Corredor da Independência a diversidade das temáticas que atualmente estão em destaque no país: consciência ambiental, amor, paz, inclusão social, dança, música, homenagens a escritores como Antônio Gonçalves Dias e Cecília Meireles, patriotismo, tolerância, amizade, respeito, humildade, paciência dentre outros. O objetivo era está em sintonia com a meta da SEMECT que desejou desde o início trabalhar dentro das unidades de ensino a formação humana, as riquezas do país, as belezas naturais, a valorização da família, a comunidade, a cidade, o estado e o nação.

Todas as secretarias aderiram a esse projeto, aderiram à cultura de paz, aderiram a essa Independência do Brasil. As instituições, a partir da UEMA, as organizações não governamentais, todas estão aqui! E nós agradecemos a todos”, agradeceu Ana Célia Damasceno, secretária de Educação, Ciência e Tecnologia (SEMECT).

“O dia de hoje é muito especial, é o momento em que a população vai para as ruas justamente para que possam mostrar a cidadania. Para nós brasileiros é importante exercitar a nossa cidadania, manifestar a nossa participação pela nossa independência. Nós estamos perdendo valores morais dentro da sociedade e essa manifestação da sociedade civil e militar nas ruas, de amor à pátria, mostram o resgate e a busca pelo valor moral que temos na sociedade” pontuou Márcio Silva, comandante da Polícia Militar.

Milhares de pessoas prestigiaram o desfile oficial promovido em Caxias. As famílias levaram seus filhos para verem de perto e se envolverem cada vez mais com o sentimento de amor à pátria. Ambos os lados do Corredor da Independência ficaram repletos de pessoas de todas as idades que acompanharam todos os detalhes.

“Eu achei muito bom. Foi minha primeira vez. Parabéns ao Brasil pelo dia de hoje”, disse a pequena Natacha Maria, da escola Acrisio Cruz.

“Vim com a família assistir o 7 de setembro, venho todo ano. Nós devemos amar cada vez mais nosso país, nós temos que valorizar o país”, destacou Neide, moradora do Bairro Seriema.

“Eu morava aqui e fazia muito tempo que eu não vinha ver o 7 de setembro. Achei muito bonito, organizado, muita gente participando. Precisamos valorizar o país”, ressaltou Nazaré de Meneses de Paraguaminas, mas que está em Caxias visitando os parentes.

“Temos que amar o nosso país porque sem amor não dá! Mais amor e mais paz”, pediu Maria Reis, do Bairro Salobro.

“É uma escola de tradição, muitas pessoas já passaram pela Escola São José, que está completando 80 anos. Muitas pessoas gostariam de estar aqui e não estão. A escola está de parabéns. Diante dessa coisa toda, dessa ‘robalheira’, nós temos que ter esperança como o Papa Francisco lembrou quando ele veio. A gente não pode perder a esperança. Então a esperança que move a gente”, falou Conceição de Maria, ex-aluna do Colégio São José.

“Esse momento é de suma importância para o Brasil, é uma forma de a gente mostrar os nossos conhecimentos históricos e pedir aos governantes que olhem para esse povo sofrido, esse povo que precisa de paz, por isso, que a Escola Castro Alves veio com a temática paz; por que? Porque nós vivemos um momento muito difícil da política aqui no Brasil, então, esse dia é de suma importância porque o Brasil proclamou a sua independência, então nós estamos aqui para proclamar a paz no mundo, o Brasil tem jeito”, finalizou Lurdes Pereira, coordenadora Pedagógica do Colégio GEO.

Semana da Independência

O desfile teve como tema: Cultura de Paz nas Escolas por um Mundo Melhor e o lema: A escola proclamando a Independência do Brasil. Em 2017 a SEMECT descentralizou as comemorações em alusão ao 7 de setembro, realizando desfiles em cada polo educacional, tanto na zona urbana, quanto na zona rural desde o início do mês de setembro. Neste dia, 07 de setembro, ocorreu a culminância da Semana da Independência que marcou o momento em que as gestões de cada unidade de ensino realizaram o que ficou simbolizado com a declaração da independência nas escolas.

O desfile de 07 de setembro em Caxias teve tripla finalidade no ano de 2017. Primeiramente, comemorar a data cívica; em seguida, informar, formar, levar conhecimentos e atualizando informações sobre a Independência do Brasil; e em terceiro lugar, fazer com que o alunado e a comunidade educacional pudessem crescer em conhecimentos e valores. Desde o início de setembro, devido ao processo de descentralização do desfile em alusão ao 07 de setembro, a SEMECT realizou desfiles cívicos nos polos educacionais da zona urbana e zona rural do município de Caxias. Na zona urbana, foram realizados nos bairros: Trizidela, Ipem, Cohab e Volta Redonda. Na zona rural, foram contempladas comunidades e polos, a exemplo de: Nazaré do Bruno, Alecrim, Rodagem, Brejinho, Caxirimbu e Trabalhosa.

Desde 01 de setembro nós trabalhamos em sala de aula com todas as escolas, nós inovamos. Nosso objetivo foi trabalhar pela nas escolas, nosso objetivo foi fazer com que os alunos pudessem sair conscientizados”, explicou Ana Célia Damasceno, secretária de Educação, Ciência e Tecnologia (SEMECT).

De acordo com a Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia, todas as temáticas levadas ao 07 de setembro para o Corredor da Independência foram trabalhadas previamente com todos os estudantes, para que cada um deles pudessem entrar em contato com a história do Brasil, além das diversas manifestações culturais que fazem parte do imaginário cultural da nação, a exemplo do: Bumba Boi, o Frevo, a Capoeira, as lendas como o Cabeça de Cuia e tantas outras.

Da Assessoria

Fábio Gentil e equipe de trabalho visitam obras no Bairro Pai Geraldo

O prefeito Fábio Gentil e sua equipe de governo estiveram na manhã da última segunda-feira na Vila Conquista, situada no Bairro Pai Geraldo. O local foi ocupado por moradores há 6 anos e não possuía infraestrutura básica.

Os buracos impediam a passagem de veículos, seja bicicleta, carro ou motocicleta. Desde a semana passada a Secretaria de Infraestrutura e Secretaria Adjunta de Limpeza Pública estão realizando o trabalho de empiçarramento de todas as ruas da comunidade.

“Ficou até melhor porque os buracos estavam horríveis, estava muito cheio de buracos e nós queríamos que o prefeito ajudasse a gente. Foi bem vinda a ajuda deles”, lembrou Liliane, moradora do Bairro Pai Geraldo.

“O prefeito está chegando com trabalho. Estou achando muito bom porque o que ele falou está garantindo. Aqui estava tudo esburacado, então eu acho que vai demorar mais de mês fazendo. Ele garantiu que vai fazer e nós estamos esperando. Está muito bom isso que ele está fazendo”, disse seu Luis Almada Lima, primeiro morador da Vila Conquista.

Por determinação do prefeito Fábio Gentil os trabalhos seguem no bairro Pai Geraldo até a conclusão de todas as ruas dando uma melhor condição de saneamento a centenas de moradores. Aos poucos o local que antes era chamado de “invasão”, vai ganhando cara nova e uma melhor situação estrutural.

“Aqui não estava bom, muita buraqueira. O que mais eu desejo é que chegue as coisas aqui para melhorar para nós. Com a chegada desse benefício, a gente fica com mais esperança”, disse seu Raimundo Alves, morador da Vila Conquista

“Por determinação do nosso prefeito, a Infraestrutura está chegando a Vila Conquista e, com isso, vai facilitar a vida do cidadão com a coleta de lixo, com a presença do SAMU transitando pelas ruas adequadamente”, afirma Zé Cláudio, secretario adjunto de Limpeza Pública.

“Acho que a grande marca desse governo é esse contato direto com a população, ouvindo e trazendo as soluções. O prefeito Fábio Gentil não tem medido esforços, fazendo os sonhos virarem realidade” ressaltou Catulé Junior, secretário de Governo.

“O nosso governo entende que toda a população de Caxias precisa de nosso apoio, e aqui na Vila Conquista não tem água, não tem estrada, não tem ruas; nós estamos trabalhando com a equipe da Secretaria de Obras, posteriormente vamos trazer mais secretarias para fazerem um trabalho social, e, fazer esse trabalho é um serviço necessário porque se por ventura haja a necessidade da política vir pra cá, o SAMU, as ruas vão dá essa condição. Esse arruamento era um benefício sonhado desde o nascimento deste bairro. Nenhum gestor pôde olhar com bons olhos, mas nosso governo está vindo para cá, cumprindo o compromisso de campanha. O bom desta história toda é que nós percebemos o nosso governo imbuído do mesmo propósito de trabalhar pelo bem do nosso município. Logo logo a Vila Conquista será a Vila que a gente quer”, destacou Fábio Gentil, prefeito de Caxias.

Da Assessoria

Atividades da Feirinha da Gente serão avaliadas e trabalhadores de diversos segmentos devem continuar processo de capacitação

 

No último domingo (03) a Feirinha da gente recebeu mais uma vasta programação que vai além da proposta comercial do ponto turístico no qual se tornou a Praça Vespasiano Ramos, no Centro de Caxias.

Além de estimular a comercialização de produtos agrícolas e artesanais produzidos no município, a Feirinha da Gente recebeu apresentações culturais do Grupo de Capoeira do Centro da Juventude do Bairro Volta Redonda; o Espetáculo “Show do Caburé” do grupo de teatro Cabeça de Sol; Fábio Amorim e Trio Nosso Canto.

Organizada pela Prefeitura de Caxias por meio da Secretaria Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres e Secretaria Ajunta de Turismo, a Feirinha da Gente tem como parceira as secretarias municipais de Assistência e Desenvolvimento Social; Secretaria de Meio Ambiente; Secretaria de Indústria e Comércio e Secretaria de Agricultura e Pesca, além do apoio do SEBRAE (Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas). Todos os domingo, das 08h às 15h, a Praça Vespasiano Ramos (Praça da Igreja São Benedito) recebe a diversidade das manifestações culturais e grande parte da produção local.

Novos feirantes têm demonstrado interesse em participar da Feirinha apresentando seus produtos, a exemplo de Daia Paiva que é artesã e estava expondo pela primeira vez.

“Eu vendia em casa e através da internet, agora estou trazendo para a Feirinha. Eu confecciono bonecas e nós temos uma variedade. Traz mais visão para os artesãos de Caxias”, disse Daia Paiva, artesã.

Os consumidores também tiveram a oportunidade de provar da variedade da culinária caxiense.

“Tem panelada, feijoada, escondidinho de arroz com Maria Isabel, a paçoquinha e o vinagrete. Aqui está muito bom esse espaço para a gente vender nos domingos”, reforçou Maria Claudiana do setor de alimentação.

“Tanja, laranja, feijão verde, quiabo, tomate, abobora, tem muita coisa. Uma parte da nossa produção a gente planta e tem o ano todo, porque nós temos as hortas comunitárias”, lembrou Lindalva Damasceno, do povoado Caxirimbu.

“É a primeira vez que eu venho aqui na Feirinha, é muito legal, tem muita coisa boa. Tem que dá continuidade, tem uma variedade de cosias, tem comida, tem artesanato”, destacou Ana Cléia, consumidora.

“A iniciativa do prefeito foi muito boa. Como domingo não tinha muitas opções, essa é uma boa atração. Tem agricultura, muito bom, diferente, artesanato, gostei”, disse Eldes Alves, consumidor.

Antes de iniciarem as atividades da Feirinha da Gente há pouco mais de um mês, os feirantes passaram por uma capacitação no auditório do Serviço de Apoio as Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE) e receberam orientações sobre atendimento, venda, acolhimento da clientela dentre outras informações que foram úteis para a recepção dos caxienses e turistas que visitam as barracas instaladas no largo da Igreja de São Benedito. O gerente do SEBRAE/Caxias já está articulando com as secretarias envolvidas uma avaliação das atividades desenvolvidas até então para que a qualificação do atendimento mantenha a excelência.

“Estamos pensando em reunir os feirantes e expositores, fazer uma avaliação de como está sendo a Feirinha, a questão do público, se está positivo, o que pode melhorar e fazer uma nova etapa de capacitação. Já está programada, falta apenas negociar as datas e a agenda de trabalho, na área financeira. Eles estão vendendo e é preciso que eles tenham o controle do que entra, do que sai, de novos investimentos e que torne cada empreendimento um empreendimento sustentável”, ressaltou César Guimarães, gerente do SEBRAE/ Caxias.

“A Feirinha é um sucesso, temos muitos visitantes de fora graças a essa propaganda boca a boca que dia de domingo tem um espaço para trazer sua família, que tem artesanato, que tem agricultura familiar, tem atrações culturais e musicais. Então é um lugar muito bom que não tinha em Caxias e agora tem. O governo do Fábio Gentil trouxe e se tornou uma atração. A gente fez a primeira capacitação e estamos conversando com o César do SEBRAE para fazermos um levantamento do faturamento para saber se os feirantes estão satisfeitos, a gente vai fazer um balanço geral”, explicou Taniery Cantalice, secretária Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres.

O prefeito Fábio Gentil também prestigiou a Feirinha ao lado da primeira dama e secretária de Assistência e Desenvolvimento Social, Letícia Mabel e o secretário Municipal de Indústria e Comércio, João Antônio. O prefeito destacou a importância do reconhecimento que ele e sua gestão receberam da União Brasileira de Divulgação, que o considerou o 2º melhor prefeito do Maranhão e um dos 100 melhores do Brasil.

“Nós ficamos em segundo lugar no Maranhão, isso é gratificante porque nós percebemos que tudo que o grupo faz, faz com que o município se desenvolva. Nós precisamos trabalhar mais? Claro que sim! Mas esse reconhecimento dá um norte de que estamos no caminho correto. Nós fizemos uma economia em seis meses em mais de R$ 20 milhões de reais, além da feirinha, de escolas, entrega da Praça Duque de Caxias, e temos muito mais projetos, muito mais valorosos para a cidade. Hoje Caxias tem um poder de investimento, nós estamos conseguindo abrir os olhos de muitos empresários dizendo que o município de Caxias é o que mais investe em obras públicas com recursos próprios e temos condições de nos desenvolvermos ainda mais”, ressaltou Fábio Gentil, prefeito de Caxias.

Da Assessoria

Palestra dá início as atividades alusivas ao Setembro Amarelo em Caxias

O evento deu início às atividades alusivas ao Setembro Amarelo, que visa à valorização da vida por meio da conscientização sobre a prevenção ao suicídio. O Setembro Amarelo já acontece desde 2014 em todo o país. O dia 10 de setembro é considerado o Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio.

A palestra realizada no auditório do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), foi organizada pela coordenação de Saúde Mental e outros parceiros, e ministrada pelo renomado psicólogo Maurício Carvalho. O lançamento oficial do campanha em Caxias será no próximo dia 11.

Segundo o coordenador de Saúde Mental de Caxias, o psicólogo Luís Fernando, a campanha é uma parceria entre todas as secretarias municipais e o Conselho Regional de Psicologia do Maranhão.

“A gente entende que uma campanha como essa, em relação ao suicídio, que se faz tão importante pra nossa cidade de Caxias, não poderia estar apenas em uma Secretaria. Então, nosso prefeito preocupado com a campanha e todos os secretários municipais se reuniram e a campanha é em parceria, Secretaria de Saúde, coordenação de Saúde Mental, todas as secretarias e, também, com o Conselho Regional de Psicologia para que possamos atingir toda a população e, sobretudo, os profissionais, para que eles estejam capacitados quando forem atender a essa demanda”, ressaltou o psicólogo Luís Fernando, coordenador de Saúde Mental de Caxias.

Sobre a programação para o Setembro Amarelo, o coordenador disse: “Hoje iniciamos com uma palestra, não só para profissionais da saúde, mas também para os membros de todas as secretarias. Nós vamos ter um trabalho interno com os profissionais da Saúde Mental, mas que, depois da abertura oficial da campanha no nosso município, nós vamos ter a capacitação para profissionais da Assistência, da Saúde, de outras secretarias para que a gente possa, de fato, erradicar o suicídio no nosso município, valorizando a vida”, finalizou.

O conselheiro do Conselho Regional de Psicologia do Maranhão, Antônio Soares falou sobre a parceria.

“É necessário a gente articular parcerias como essa com a coordenação de Saúde Mental, onde vamos estar qualificando essas informações para os profissionais da Saúde, da Assistência Social para que possamos, com essa qualificação, preparar esses profissionais para atenderem a essas demandas e acolher as pessoas que precisam dessas orientações, junto também da família e da comunidade e, também, abrir espaço para que essas pessoas possam conversar”, disse Antônio Soares, conselheiro do Conselho Regional de Psicologia do Maranhão.

A campanha também envolverá os profissionais do jornalismo e estudantes da área. Segundo o presidente do Conselho Regional de Psicologia do Maranhão, o intuito é qualificar os profissionais para poderem lidar com o assunto, desde a abordagem até a transmissão da notícia sobre o suicídio.

Adoaldo Júnior, enfermeiro do CAPS AD III, relatou a importância da palestra para o seu crescimento profissional.

“A palestra foi enriquecedora, o que melhorará o trabalho que desenvolvemos nos Centros de Atenção Psicossocial, reforçando o município”, destacou o enfermeiro.

O psicólogo Maurício Carvalho destacou a importância da palestra ministrada por ele para a campanha.

“O intuito desse primeiro momento é possibilitar uma capacitação, haverão outros momentos, mas esse foi para fomentar informações, desmitificar alguns mitos, de pensar possibilidades de ações em prevenção ao suicídio e de valorização à vida”, destacou.

Da Assessoria

Prefeitura de Caxias inicia cursos em parceria com o Senac

As aulas já iniciaram. Os estudantes dos cursos de Auxiliar de Cozinha e Salgadeiro estão estudando a parte teórica de um curso que tem duração de três meses. Ao todo, são 45 inscritos nos cursos de capacitação profissional nas áreas de hotelaria e turismo.

Os cursos são gratuitos, o que equivale a uma economia de 2 mil reais para cada aluno. A Carreta Escola do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial está estacionada em frente à Prefeitura de Caxias, no Centro Histórico da cidade.

“Nós temos três turmas, sendo uma de Auxiliar de Cozinha, no horário da manhã de 08h às 12h, outra turma no horário da tarde das 14h às 18h e a turma de Salgados das 18h às 22h. nós viemos com o intuito de capacitar novos profissionais na área de hotelaria e turismo para devolver esses profissionais para o mercado de trabalho, pois nós temos hotéis e restaurantes que precisam desses profissionais qualificados. Nós estamos na parte teórica agora, onde temos o conhecimento da área da cozinha, brigada, como se faz uma divisão e quais os insumos que eles vão trabalhar e depois a gente vai para a parte técnica. Aqui eles vão ter conhecimento sobre os tipos de carne, peixe, fazer as condimentações e preparar pratos típicos da nossa região”, explica Andreia Marinho, instrutora de Cozinha.

Alberto Paulino e Marisa Dias escolheram o mesmo curso, Auxiliar de Cozinha, mas os objetivos deles são diferentes. Enquanto ela quer aprender a melhorar a prática profissional, ele deseja abrir o próprio negócio.

“Eu escolhi o curso de Auxiliar de Cozinha para obter mais conhecimentos dessa área de alimentação, eu sempre tive a intenção de seguir essa carreira. Como o SENAC está abrindo essa oportunidade, eu vim para iniciar os conhecimentos nessa área para poder abrir o meu próprio negócio, poder trabalhar nessa área, porque chama muito a atenção do turismo, um bom restaurante e melhora as nossas recepções e renda”, ressalta Alberto Paulino, aluno.

“Eu estou fazendo um curso para me qualificar mais, porque eu seu cozinhar mas não sei as técnicas da cozinha, por exemplo, como a gente faz para a carne ficar macia, pra guardar, qual a duração. Eu tenho a prática, mas não tenho a teoria, agora estou aprendendo”, afirma Marisa Dias, aluna.

A Carreta Escola Itinerante do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC) está em Caxias através de uma parceria com a Prefeitura de Caxias, por meio da Secretaria de Cultura, Patrimônio Histórico, Esporte, Turismo e Juventude. O secretário Arthur Quirino ressalta a importância dos cursos para diversificar a oferta de serviços na cidade.

“Desde quando assumimos, o nosso objetivo é revitalizar o turismo da cidade e começamos pela Veneza. Há uma necessidade da capacitação das pessoas para receber as pessoas que estão chegando na cidade, haja vista as obras que estão sendo feitas, que estão estimulando as pessoas a conhecerem, então, Caxias está sendo vista de outra maneira. O próprio Carnaval, o São João, o Aniversário da Cidade, fez com que as pessoas viessem à cidade. O turismo é uma fonte inesgotável de renda, a cidade propicia isso, temos um acervo histórico arquitetônico, as belezas naturais e, com isso, temos investidos.  Fizemos há pouco tempo uma parceria com o SEBRAE para a preparação de guias turísticos, e agora com SENAC nós resolvemos oferecer cursos de Salgadeiro e Auxiliar de Cozinha para que as pessoas possam ter um certificado reconhecido nacionalmente ou conseguir um emprego a altura”, destacou Arthur Quirino, secretário de Cultura, Patrimônio Histórico, Esporte, Turismo e Juventude.