Jorge Oliveira faz avaliação positiva da participação de evento em Brasília

 

O prefeito de Duque Bacelar Jorge Oliveira (PCdoB), fez uma avaliação positiva de sua estada cumprindo agenda durante a semana em Brasília.

Jorge Oliveira e prefeito de São Félix de Balsas, Márcio Pontes

Acompanhado da primeira dama e secretária de Educação Dra Lucia Azevedo, a Marcha em Defesa dos Municípios foi realizada entre os dias 21 e 24 de maio e movimentou prefeitos, secretários e a classe política de todo o país.

Jorge Oliveira e a primeira dama Dra Lucia Azevedo

Durante o evento o prefeito aproveitou para discutir e apresentar pleitos de interesse do município. Para os prefeitos maranhenses hou uma reunião com a bancada federal na Câmara para tratar de assunto relacionados ao Estado.

Prefeito Jorge Oliveira em conversa com a prefeita Daluz Figueiredo de Eugênio Barros, seu assessor Mauro Sérgio e o deputado estadual Rafael Leitoa

“Foi um evento proveitoso no que diz respeito a discussão de vários temas relacionados ao dia a dia que temos passado em nossos municípios. Sou um municipalista e como todo bom municpalista preciso está atento e por dentro das discussões que interferem o cotidiano dos nossos munícipes”, destacou o prefeito.

Fotos:Ezequias Martins

PMDB muda a sigla e volta a ser o MDB

Brasília (DF) – Com a grande maioria dos votos dos convencionais – 325 favoráveis, 88 contrários e 27 votos em branco – o PMDB decidiu voltar a ser o Movimento Democrático Brasileiro e adotar a sigla MDB. “Atingimos o quórum com louvor”, disse o presidente nacional do MDB, senador Romero Jucá (RR), ao anunciar o resultado da apuração. A Convenção Nacional Extraordinária foi realizada nesta terça-feira (19), em Brasília, e teve seu ponto máximo na participação do presidente Michel Temer.

Temer disse aos convencionais que “a vitalidade do MDB” dará forças ao seu governo. “Eu não poderia deixar de estar aqui, e revendo velhos companheiros nós ganhamos vitalidade. Não é fácil enfrentar o que enfrentamos, mas podemos dizer que ao assumirmos o governo nós revitalizamos o país”, disse.

O presidente Michel Temer falou sobre importância das reformas, lembrando que todas estão no programa do partido, chamado “A Ponte para o Futuro”. Destacou a emenda constitucional do controle de gastos públicos, aprovado com apoio do Congresso Nacional. “Era chamada de PEC da morte, mas nós aprovamos com apoio dos parlamentares, numa concepção nova de relacionamento com o Legislativo, que antes era tido como uma espécie de apêndice do governo, face a visão centralizadora que o país tinha”. Segundo Temer, a medida é tão séria que vai durar no mínimo 10 anos para que possa eliminar o déficit público.

Temer disse também que não foi fácil aprovar a reforma do ensino médio, que só foi concretizada mais de 20 anos depois do tema ser apresentado na Câmara dos Deputados. Lembrou que houve invasão de escolas para protestar contra a medida. “Mas nós fizemos, porque está no programa do MDB. E hoje o ministro da Educação faz levantamento que aponta, 92% do setor educacional é favorável ao que foi aprovado”.

 Outra reforma apontada por Temer é a do setor trabalhista, que segundo ele já está dando resultados. “Estou muito bem impressionado com o número de empregos que estão se abrindo em face da modernização trabalhista.

Segundo Temer, a reforma da vez é a da Previdência, que “não prejudica ninguém”, disse. “Mesmo aqueles que ganham acima do teto da Previdência Social (R$5.330,00) também não terão prejuízo, porque quem ganha R$25 mil ou R$30 mil terão de fazer uma previdência complementar, onde vão perder talvez de 500 a 700 reais. Então, todos saem ganhando, mas saem ganhando especialmente o país, porque no projeto atual há uma economia para o país de cerca de 600 bilhões de reais em dez anos”.

O presidente disse que é o MDB que está fazendo as reformas no país. “Estamos tendo a coragem de fazer as reformas que o país precisa. Nós, o MDB!”, enfatizou. “E o país sairá muito melhor, aliás já está saindo. De quatro meses para cá, o número de postos de trabalho (criados) é de cerca de 1 milhão 160 mil. E a esperança que agora vem vindo com a reforma da Previdência cresce muito mais. E isso se deve ao nosso MDB”, afirmou Temer.

Sobre a força do MDB, Temer destacou o que o partido está fazendo para o país. “Vocês verão, daqui a alguns meses, quando houver o reconhecimento definitivo de tudo que o governo está fazendo, fruto naturalmente de uma conjugação, porque o MDB sempre soube teve a consciência de que numa conjuntura com inúmeros partidos, tem que fazer uma coalização de forças. E foi o que o MDB soube fazer no passado, com as conquistas democráticas, e soube fazer agora para as conquistas administrativas do país”, afirmou.

Concluindo, o presidente disse que chegou à Presidência da República pela via constitucional, mas na verdade isso se deve à presença do MDB no cenário político nacional.

Do G1

Em vídeo, Assis Filho presta contas das ações da SNJ

 

 

O secretário Nacional de Juventude, Assis Filho, inaugurou em forma de vídeo uma nova ferramenta para prestar contas das ações de sua pasta. No Resumo da Semana, o secretario faz um balanço das principais ações desenvolvidas para a juventude brasileira. A proposta que já está em sua segunda edição foi bem aceita e já faz enorme sucesso nas redes sociais da SNJ. Confira:

Encontro promovido pela SNJ reúne mais de 200 gestores em Brasília

Na manhã de quarta-feira (23), o auditório do ENAP (Escola Nacional de Administração Pública) foi palco de um marco na história das políticas públicas voltadas para jovens brasileiros. A ocasião foi a abertura do 2° Encontro Nacional de Gestores Municipais e Estaduais de Juventude, que acontece na ocasião do lançamento do programa Brasil Mais Jovem (https://goo.gl/6xDEr1), um pacote de políticas públicas lançado pelo governo federal e desenvolvido pela Secretaria Nacional de Juventude em parceria com os ministérios, através do Comitê Interministerial de Juventude (COIJUV).

O evento reúne mais de 200 gestores de todo país e, além de celebrar o lançamento do programa Brasil Mais Jovem, visa discutir a implementação, melhoria e monitoramento de ações que beneficiem homens e mulheres entre 15 e 29 anos. “Essa edição do Encontro Nacional de Gestores trouxe à capital um número sem precedentes de representantes de políticas voltadas para a juventude. Não podemos nos esquecer, porém, que representamos 51 milhões de brasileiros e temos o dever de assegurar o cumprimento dos direitos de todos os jovens desse país, com atenção especial àqueles em situação de vulnerabilidade”, pronunciou o Secretário Nacional da Juventude, Francisco de Assis Filho, durante a cerimônia de abertura do evento. “Nossa missão não é pequena e, para cumpri-la, precisamos unir forças e recorrer uns aos outros para encontrarmos soluções para os desafios que surgem a cada dia. O isolamento de um estado ou município em relação ao resto do país não só prejudica os funcionários que trabalham nele, mas atrapalha o funcionamento dos nossos programas e, consequentemente, afeta os jovens que deles dependem. Juntos, podemos muito mais.”, completa.

Vindos de diferentes estados e municípios, os gestores presentes no encontro promovido pela Secretaria Nacional da Juventude compartilham um único objetivo: usar a informação para assegurar o cumprimento dos direitos garantidos pelo Estatuto da Juventude, prezando pelo empoderamento e pela autonomia da população jovem. O Secretário Executivo do Comitê Interministerial de Juventude (Coijuv), Antônio de Melo Filho, falou a respeito da importância da comunicação dentro e fora das secretarias: “O único jeito de sermos bem sucedidos como gestores é manter aberto o diálogo com as comunidades em que vivemos. Não faz sentido pensar no estabelecimento de políticas para a juventude se não conhecemos suas demandas e particularidades”.

Apesar da programação concorrida, o Encontro Nacional de Gestores teve a tarde do dia de abertura reservada para uma mesa de discussões em torno de programas desenvolvidos pela SNJ que compõem parte do pacote Brasil Mais Jovem. Entre eles estão o Juventude Viva, Estação Juventude 2.0, Plataforma Juventude Segura, Biblioteca de Juventude e o Plano Nacional de Startup’s. A SNJ também promoveu um treinamento de capacitação para os gestores focado na iniciativa Identidade Jovem, também conhecida como ID Jovem (https://goo.gl/iVqa5y).

No segundo dia de evento, as atividades terão início às 7h30 com um café da manhã de boas vindas e seguirão dia adentro em mesas de diálogo com representantes dos ministérios da Educação, Esporte, Turismo, Saúde, Cultura, Trabalho, Justiça e Segurança, Defesa, Direitos Humanos, Desenvolvimento Social, Integração Nacional e Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações; além da Secretaria de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário.

Confira a programação completa em: https://goo.gl/KjCm3y

Assis em alta com Temer…

Assis foi ovacionado ao lado de Temer e depois carregados por militantes do PMDB…

Conhecedor de como se faz movimento de juventude há mais de uma década, o maranhense Assis Filho – Secretário Nacional de Juventude – fez o presidente da República Michel Temer esquecer o furação de Brasília por alguma horas.

Na manhã da última terça, 15/08, Assis arregimentou centenas de jovens, sobretudo, peemedebistas do Maranhão para participar da posse do Conselho Nacional de Juventude (Conjuve), em Brasília (DF).

Na cerimônia, realizada no Palácio do Planalto, aos gritos de “fica Temer” o presidente foi ‘ovacionado’ pelos jovens presentes. O peemedebista, por sua vez, agradeceu o apoio e afirmou “vamos levar o Brasil para frente!”.

Assis, destacou a importância dos ministros Eliseu Padilha e Antonio Imbassahy nos avanços das políticas públicas de juventude.

“Eliseu Padilha nunca deixou de nos atender, sempre levando em frente as pautas levadas pela Secretaria, sendo uma das reservas morais que conheci em minha história, uma pessoa que merece reconhecimento do povo brasileiro e o Ministro Imbassahy tem sido atencioso e democrático, respeitando o espaço da juventude. Os avanços que tivemos nas políticas públicas de juventude, como a Caravana ID Jovem, o Estação Juventude e o próprio Conselho Nacional de Juventude, foi graças ao seu compromisso e confiança”, declarou Assis Filho.

A cerimônia de posse contou com a presença dos ministros da Casa Civil, Eliseu Padilha, e da Secretaria de Governo, Antonio Imbassahy; da vice-governadora do Tocantins, Claudia Lelis; da secretária-executiva da Secretaria de Governo da Presidência da República, Ivani dos Santos; dos deputados federais Carlos Gaguim (PMDB-TO) e André Amaral (PMDB-PB), entre outras autoridades.

O Conjuve é composto por 60 conselheiros, 40 representantes da sociedade civil e 20 do governo. As entidades representativas da sociedade civil foram escolhidas após um processo amplo e democrático, no qual foram eleitas instituições de atuação nacional, regional e estadual e organizações que atuam nos 11 Eixos Temáticos do Estatuto da Juventude.

Dentre os 60 conselheiros empossados, destacamos a presença dos maranhenses: Neilson Amaral Marques, Adriano Santos Medeiros, Higo Serra de Souza, Hyago Antonio Araujo Andrade, Deryck Passos Pinheiro, Válber Carvalho Braga Neto, entre titulares e suplentes.

Do Blog do Domingos Costa

Secretaria Nacional de Juventude lançará edital do Estação Juventude 2.0

Com proposta de integração à realidade de cada comunidade, o Governo Federal, por meio da Secretaria Nacional de Juventude, lança o edital do Programa Estação Juventude 2.0 para aprimorar o acesso de jovens moradores de áreas vulneráveis a seus direitos, participação e emancipação social. O lançamento do edital vai ser feito no dia 20 deste mês, a partir das 10h, com transmissão ao vivo pela página no Facebook da Secretaria Nacional de Juventude, onde será explicado o Programa, os requisitos do Edital e a possibilidade de tirar dúvidas. Basta acessar a nossa página.

Entre as principais mudanças do edital, está a flexibilização das propostas de execução do convênio com estados e municípios. Dessa forma, o governo permite que o programa seja aplicado à realidade diagnosticada em cada comunidade, levando em consideração a história, a cultura e as potencialidades de cada território, assim como os distintos grupos que o habitam. “Vamos fazer um mapeamento da realidade de cada juventude para que, de acordo com a orientação recebida, possamos atender de forma adequada às necessidades locais”, esclareceu o Secretário Nacional de Juventude, Assis Filho.

Para que essas mudanças sejam possíveis, o governo vai investir mais de R$ 11 milhões no Estação Juventude, cada convênio poderá chegar a casa de R$ 300.000,00 que vai funcionar como uma modalidade complementar em espaços públicos presentes nos estados/municípios. Isso significa que não haverá gastos com obras morosas, mas sim um aproveitamento de espaços existentes. Nesses locais os jovens devem encontrar um ambiente acolhedor para atividades culturais, troca de informações e serviços que lhes propiciem inclusão, autonomia e emancipação.

Outro importante avanço previsto no edital trata do combate às violências contra jovens, com destaque para a população negra. Segundo o último levantamento divulgado pelo Mapa da Violência e pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), jovens negros são as principais vítimas de violência do país. Somente no ano de 2015, foram assassinadas 31.264 pessoas desse grupo social com idade entre 15 e 29 anos.

Nesse sentido, entre os requisitos para que municípios e estados participem do convênio para execução do Programa Estação Jovem 2.0, está a apresentação de propostas de enfrentamento à violência contra a juventude negra. Além disso, é necessário também que para ser contemplado é o obrigatório que estados e municípios tenham órgãos de Juventude nas suas estruturas administrativas, bem como conselhos de juventude, tais existências integram a política de estímulo do Governo Federal ao processo de institucionalização da política municipal de Juventude.

ASCOM/SNJ

Assis Filho é aclamado presidente da Juventude Nacional do PMDB

Em reunião do Diretório Nacional da Juventude do PMDB, realizada na segunda-feira (3), em Brasília, Assis Filho foi aclamado presidente da JPMDB em caráter definitivo. O cargo estava vago desde a saída de Bruno Júlio do partido. Assis, que tinha sido eleito primeiro vice-presidente na convenção nacional realizada em março de 2016, agora foi aclamado presidente da Juventude do PMDB, conforme estabelece o artigo 25 do Regimento Interno do núcleo partidário.

A escolha de Assis ocorreu durante a reunião do Diretório Nacional que ocorreu após o Encontro de Formação Política para a Juventude, realizado pela Fundação Ulysses Guimarães, e contou com o apoio dos 27 dirigentes da juventude do PMDB nos estados e no Distrito Federal e dos líderes peemedebistas presentes: senador Romero Jucá (RR), presidente nacional do partido; ministro Moreira Franco (Secretaria de Governo da Presidência da República), presidente da Fundação Ulysses Guimarães;  e do ministro Eliseu Padilha (Casa Civil).

“Reassumo a JPMDB Nacional em caráter definitivo com muito alegria, por receber o apoio consensual dos 27 estados. É um fato inédito nos mais de 50 anos do PMDB e da sua juventude. Vou continuar honrando a confiança de todos os companheiros do Brasil. A JPMDB vai avançar”, garantiu Assis Filho.

O presidente da JPMDB no Rio Grande do Sul, Beto Fontinel, disse que  Assis é o nome da unidade nacional da JPMDB. “Assis trabalhou para inaugurar esse momento inédito e único no partido, reunir todas as forças em torno de um projeto nacional. Ele contará com nosso irrestrito apoio na condução política da JPMDB e na Secretaria Nacional de Juventude, onde também tem se destacado de forma brilhante”.

Durante o encontro, o senador Romero Jucá destacou a liderança do Presidente Assis Filho e falou da importância da participação da juventude peemedebista no processo de renovação da política nacional e convidou os jovens para participar dos debates e o planejamento das próximas eleições. “A partir de agosto, nós vamos discutir com cada estado a eleição de 2018, e vocês jovens vão ser chamados para estarem sentados na discussão”.

O presidente da Fundação Ulysses Guimarães alertou aos jovens peemedebistas sobre a responsabilidade de continuar a luta histórica do partido. “Vocês têm o desafio de pegar a tradição e a história do nosso partido, de luta pela liberdade, pela justiça social e pela democracia, que sempre caracterizaram a nossa militância, nossos parlamentares e nossos dirigentes, e abraçar essas bandeiras, empunhar e defender essas bandeiras”.

O Ministro Eliseu Padilha participou da abertura do Encontro e afirmou que não há condições de o PMDB cumprir a sua missão “se não houver o entusiasmo e a utopia do pensamento que carrega a juventude”. Ele concordou com as afirmativas do ministro Moreira Franco e do senador Romero Jucá, de que o país está num momento de travessia econômica e política. Padilha também destacou o trabalho que Assis Filho vem fazendo na Secretaria Nacional de Juventude e que sua recondução para a Presidência da JPMDB Nacional é um reconhecimento da base do partido.

Jorge Oliveira participa da Marcha dos Prefeitos em Brasília…

O prefeito de Duque Bacelar Jorge Oliveira (PCdoB) participa durante toda a semana da Marcha dos Prefeitos a Brasília.

O evento que se encerra nesta sexta (19), tem entre as principais reivindicações o pedido de recursos para os municípios e o pedido de parcelamento dos débitos previdenciários.

Jorge Oliveira aproveitou a estada na capital federal para cumprir diversos compromissos em órgãos do Governo Federal.

Uma das agendas importantes foi a reunião com o Presidente da Fundação Nacional de Saúde – FUNASA Rodrigo Dias, onde acompanhado do deputado federal Aluísio Mendes buscou investimentos essenciais para obras de saneamento básico e captação e distribuição de água.

Jorge Oliveira cumpre agenda em Brasília…

O prefeito de Duque Bacelar Jorge Oliveira (PCdoB), esteve em Brasília na última quarta (15), para cumprir agenda de trabalho de interesse do município ao lado do deputado federal Aluísio Mendes (PTN).

Jorge Oliveira e demais prefeitos com o deputado federal Aluísio Mendes

Jorge Oliveira participou do município organizado pela Federação dos Municípios do Maranhão – FAMEM, para defender o aumento dos recursos financeiro repassados pelo Ministério da Saúde ao Estado do Maranhão.

Ele também foi recebido numa audiência pelo Ministro do Meio Ambiente Sarney Filho, para apresentar pleitos do município.

Jorge Oliveira e o deputado federal Aluísio Mendes com o Ministro Sarney Filho

O prefeito aproveitou a estada na capital federal para buscar recursos para o município, já que nesta sexta (17), se encerra o prazo para que deputados federais e senadores façam o indicativo do destino de suas emendas para o ano de 2017.

Arquimedes participa de audiência no FNDE…

arquimedes
Arquimedes durante audiência no FNDE

O prefeito eleito de Afonso Cunha Arquimedes Bacelar (PTB), cumpre agenda oficial em Brasília-DF.

Em seu compromisso oficial, o petebista esteve em audiência na sede do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação – FNDE, para tratar de assuntos referentes ao município.

A preocupação do prefeito se dar em razão da delicada situação do município perante o órgão, ocasionada pelo cemitério de obras inacabadas que a atual gestão transformou as obras da educação.