Sem noção, Rafael Leitoa deverá responder por acusação a ex-servidores

Visivelmente nervoso e dando a impressão que não quer a pecha de “atrasador de salários” que agora é imputada ao seu primo prefeito de Timon Luciano Leitoa – que este mês pagou somente a metade dos salários aos servidores da Prefeitura de Timon -, cole também em seu currículo político, o deputado Rafael Leitoa patinou, saiu de seu trivial de pessoa calma e tranquila, na entrevista que concedeu hoje (20), à TV Antena 10, em Teresina.

Respondendo a um bate papo revezado entre o apresentador e os comentaristas do programa Bancada Piauí, o deputado citou nomes de servidores que segundo ele, entraram na Justiça e estão recebendo precatórios por conta de atraso de salários de gestões anteriores, mas incorreu no erro ou no equívoco na deselegância de afirmar que boa parte da lista que lhe foi repassada recebiam salários sem trabalhar. O deputado quer justiificar com esse tese que Luciano Leitoa está atrasando salários devido a esses pagamentos judiciais.

Totalmente fora de controle, ao citar nomes dos servidores Cleber Sousa, Socorro Botelho e Eduardo Santos, e colocá-los na lista de “fantasmas”, que recebem sem trabalhar, Rafael Leitoa foi injusto e deverá responder pelo ato.

Cleber Sousa, durante a gestão da ex-prefeita era  servidor assíduo da Secretaria de Saúde e um dos técnicos dentro da articulação e execução dos programas municipais do Setor. Eduardo Santos, como presidente da Comuj, conseguiu êxito como gestor da Juventude de Timon inclusive, trazendo para Timon benefícios para jovens estudantes, dentre outros. Além da Comuj, Eduardo Santos também dirigiu a Ciretran de Timon.

A servidora Socorro Botelho, trabalhou e dirigiu durante a gestão da ex-prefeita Socorro Waquim o Departamento de Pessoal da Prefeitura de Timon

Portanto, nenhum desses servidores citados pelo deputado, ganhava sem trabalhar como ele quis afirmar e deixar claro na entrevista para atingir a ex-prefeita Socorro Waquim. Com afirmação, o deputado Rafael Leitoa acabou de alguma forma atacando pessoas honestas que sempre trabalharam em busca do sustento de suas famílias.

Do Blog do Ribinha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *