Rapidinhas da boca da noite

768

Passeando 1

Dizem que um prefeito de uma cidade acolá tirou um dia desses pra ir passear. Na falta do que fazer optou por espairecer e ver o movimento. Ao passar por uma determinada rua mandou parar o carro e perguntou: rapaz de quem essa mansão que bota a minha no chinelo? kkkkkkkkkkkkkkkkkk

Passeando 2

Uma das pessoas que estavam no carro perguntou: o senhor tem certeza de que não sabe? Ele disse que não. A pessoa foi categórica: é de uma de suas auxiliares. Rapaz dizem que o homem mudou as feição e a cor kkkkkkkkkkkkkkkkk Só ele quer ter casa bonita, os outros não pode neh? Te ilude, Maria de Lurde kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Caindo na cabeça

Rapaz a coisa na Secretaria de Saúde do governo “don Americon” anda feia de jeito. Sioh o homem botou um pedreiro sozinho pra tentar tapar os buracos das paredes kkkkkkkkkkk Será que é pra economizar? Não custa lembrar que a última vez que aquele prédio foi reformado era início de 2009, na gestão da ex-secretária Rosângela Curado. Nos dois últimos anos do governo Américo a coisa agravou e a única coisa que ainda tem por lá goteira, mofo e os reboco caindo por cima do povo. Aguenta setenta kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Irregularidade

O primeiro item da planilha de custos da reforma da Maternidade diz respeito a placa da obra que deveria ter sido colocada em local visível no valor de R$ 2.754,12 e até o presente momento nunca foi providenciada. Será que o gato comeu? Explica essa “don Americon”.

Arrumou

Lembram da matéria do muro da Secretaria de Agricultura que o blog denunciou que estava rachado e que o secretário explicou ter sido motivado pela batida de um carro? Pois é, já arrumaram e o bicho tá novinho em folha. Então tá!

Transferência

A situação de Coelho Neto na segurança já está periclitante e hoje recebemos uma denúncia de que estão transferindo policiais da cidade. Já haviam sido transferidos 03 e mais 10 estavam na lista de espera. Será que isso é verdade? Porque se for vou dizer que tem alguém que não tomou o remédio todo ou tá querendo ir pra camisa de força. Digo eh nada!