Projeto do Shopping Sá é apresentado para a imprensa…

Um sonho, ou projeto próximo de se tornar realidade. É assim que pode ser considerado o novo empreendimento que será realizado em breve na cidade de Chapadinha. Avaliado em cerca de R$ 55 milhões, o Shopping Sá é uma realidade próxima para a população do Baixo Parnaíba.

Em reunião de apresentação do projeto para a imprensa, o idealizador do projeto, engenheiro agrônomo Eduardo Sá, apresentou as principais estratégias para desenvolvimento daquele que será o maior empreendimento do ramo na região.

Construído em uma área de mais de 17 mil metros quadrados de ABL- área bruta locável, o Shopping Sá, pioneiro no ramo da região, promete ser uma referência em atendimento, tecnologia e acessibilidade aos logistas que quiserem ali instalar suas empresas, já que o custo é bem menor que a instalação de um empreendimento do tipo em shoppings da capital maranhense.

Compromisso ambiental

O Shopping Sá terá funcionamento com energia solar, o que é considerado uma energia sustentável que viabilizará economia de custos e de geração e compra de energia para atender à demanda local.

Além do mais, a coleta de lixo do futuro empreendimento chapadinhense será de forma seletiva, o que fará com que cada espécie de lixo seja destinada a um local específico, o que controlará o impacto ambiental com o descarte de lixo.

Ainda se tratando de impactos ambientais, como a área onde será construído o empreendimento é desnivelado, será utilizado um enorme buraco ao fundo do terreno para construção de estacionamentos no subsolo do Shopping, o que diminuirá os danos à natureza, tendo em vista que será necessário fazer a terraplanagem e aterramento da área.

Comércio local

Chapadinha é uma cidade sede que recebe uma rede de lojas de caráter nacional, a exemplo das lojas Americanas, Magazine Luíza, Carmen Sthefans, dentre outras que não se encontram em outros municípios maranhenses.

O estudo de viabilidade econômica realizada por uma empresa contratada pelo empreendedor Eduardo Sá apresentou que há grandes e reais chances desse empreendimento ser realizado e ter sucesso, já que a cidade consta com as lojas matrizes que já fizeram um estudo para sua instalação.

Além do mais, a construção de um Mix Mateus, que fica no terreno ao lado de onde será construído o Shopping Sá, dará ainda mais viabilidade para que aquele empreendimento possa ser uma realidade, já que no próximo mês de novembro esse supermercado já estará pronto e atendendo a região.

Segundo Eduardo Sá, o principal objetivo da construção é uma obra que seja do povo chapadinhense e da região. “Nós queremos construir algo que o povo tenha sentimento de pertencimento. Esse shopping center será do povo, não meu. O povo ganha com um novo local com maior conforto e comodidade para fazer compras, além dos empresários que ganham um espaço que, além de tudo isso, conta com segurança de qualidade para atender seus clientes”, enfatizou o idealizador do projeto.

Estrutura

O pioneiro empreendimento contará com espaços para instalações de 93 lojas, dentre megalojas, âncoras e satélites, bem como tantos para 21 quiosques (pontos de venda nos corredores do shoppings), além de 1.000 vagas de estacionamento, dentre área coberta e parte da frente do shopping.

Outra novidade desse empreendimento são dois elevadores de serviço que funcionará 24h que possibilitará os proprietários de lojas fazer o abastecimento de seus estabelecimentos mesmo em horário de pico, tendo em vista um corredor externo que possibilitará que esse material não passe pelo público ou escadas rolantes.

A obra está programada para ter início em dezembro de 2018 e deverá ter uma duração média de 2,5 a 3 anos para sua finalização, que contará com preços acessíveis de aluguel para que todos tenham oportunidade de instalar seus empreendimentos nesse estabelecimento, que será uma novidade pioneira na região.

Da Assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *