Professores e alunos em Coelho Neto reféns do medo…

Tanto a Prefeitura de Coelho Neto, quanto a Secretaria de Educação fizeram vista grossa e não deram um pio sobre os episódios de violência envolvendo a Escola Moacyr Bacelar.

Na primeira ação no início da semana, os alunos do noturno tiveram que ter as aulas suspensas em decorrência de uma briga envolvendo mais ou menos uns 10 indivíduos.

Já ontem (07), a coisa foi bem mais grave. Um ladrão entrou armado no turno vespertino na hora do recreio com ameaças e acabou roubando um celular com direito a arma na cabeça de 02 alunos, segundo relato de integrantes da Escola. Um verdadeiro horror!

Após o episódio, professores e alunos ficaram apavorados e a sensação de insegurança pôde ser sentida de forma bem real.

Estranhamente o governo municipal que deveria ter se posicionado para anunciar medidas para coibir a onda de violência preferiu optar pelo silêncio, uma ação típica dos covardes.

Vão tomar alguma providência ou vão esperar alguma fatalidade ocorrer para poder se mexer?

One thought on “Professores e alunos em Coelho Neto reféns do medo…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *