Prefeito de Coelho Neto enfrenta maré baixa calado e sozinho…

Américo: gestão medíocre

Desde que assumiu o mandato, o prefeito de Coelho Neto Américo de Sousa (PT) se mostra perdido na gestão.

Em 09 (nove) meses de governo, foram várias situações na sua maioria mostrando as mudanças entre o discurso que o petista fazia quando era oposição e o que passou a adotar após sentar na cadeira de prefeito.

Durante esta semana, se viu acuado pela inércia de propor a resolução do problema da sinalização da Avenida Coelho Neto, que unida a imprudência vitimou duas pessoas em menos de 24 horas.

Bombardeado nas redes sociais e nas rodas de conversa em toda esquina da cidade, o prefeito sequer conseguiu reagir e mostrar pulso e garantir a resolução do problema, ao contrário, se fechou em copas e aguentou a “taca” calado.

A rejeição do prefeito é tamanha, que nenhum dos 10 (dez) vereadores que compõem a base do governo ousou emitir qualquer fala em sua defesa. Ninguém que compõem o seu secretariado teve a idéia de dar uma nota pública para argumentar em nome “do chefe”, mostrando que unidade não é o forte do governo.

Entre destacar carro pipa para lavar a rua e usar a Polícia Militar para proibir jovens de pintar o chão quando estes deveriam está se preocupando em garantir a segurança da população, o mandatário revela sua pequenez e o seu jeito de fazer política com “p” minúsculo.

E assim o governo em Coelho Neto segue rejeitado sendo comandado por um gestor medíocre…

2 thoughts on “Prefeito de Coelho Neto enfrenta maré baixa calado e sozinho…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *