Prefeito de Coelho Neto encarna a versão bem me quer e mal me quer

Com medo da taca nas urnas, o prefeito de Coelho Neto Américo de Sousa (PT), resolveu encarnar o personagem “bonzinho” durante a semana da eleição.

Desesperado para garantir votos para os seus candidatos, o prefeito esqueceu da crise que tanto fala e anunciou o cantor Mano Walter para a festa do aniversário da cidade. Exatamente, não tem dinheiro para pagar o terço de férias por exemplo mas tem para garantir um cantor “global” como ele mesmo fez questão de fobar durante entrevista.

Depois de tanto apelo dos servidores, ele decidiu anunciar justamente nesta quarta (03), a liberação dos consignados para quem sabe assim tentar minimizar sua rejeição entre a classe.

Enquanto tenta ser bonzinho de um lado, o arrocho nos contratados continua confirmando a outra faceta. De acordo com denuncia recebida pelo blog agora pouco, os contratados teriam sido convocados a repassar o número da seção para saber se realmente os votos dos candidatos do prefeito haviam sido computados. O blog já havia noticiado a reunião convocada por diretores de escola na residência da secretária de Governo Cristiane Bacelar.

Américo parece desesperado e tenta a todo custo encarnar o “perfil bonzinho”, coisa que há um ano e dez meses ele nunca foi.

E hoje teme que as urnas sejam um reflexo disso….

Deixe uma resposta