PF confirma prisão temporária de Ricardo Murad

A Polícia Federal confirmou há pouco ao Blog do Gilberto Léda a prisão temporária do ex-deputado e ex-secretário de Saúde Ricardo Murad (PRP).

Ele é um dos alvos de mais uma fase da Operação Sermão aos Peixes, deflagrada na manhã de hoje (19) no Maranhão, Pará, Tocantins, Goiás e no Distrito Federal.

Segundo a PF, foram duas fases simultâneas, denominadas Operação Peixe de Tobias (6ª Fase) e a Operação Abscondito II (7ª Fase), em seis cidades: São Luís/MA, Imperatriz/MA, Parauapebas/PA, Palmas/TO, Brasília/DF e Goiânia/GO. A investigação contou com a participação do Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União (CGU) e da Receita Federal do Brasil.

Estão sendo cumpridos 19 mandados de busca e apreensão, oito mandados de prisão temporária e um mandado de prisão preventiva, todos expedidos pela 1ª Vara Criminal Federal da Seção Judiciária do Maranhão. Além disso, foi determinado o bloqueio judicial e sequestro de bens num valor que supera a cifra de R$ 15 milhões.

Os federais investigam desvios de recursos da Saúde estadual, além do vazamento de informações da primeira fase da Operação Sermão aos Peixes – com consequente destruição e ocultação de provas por parte da organização criminosa.

Do Blog do Gilberto Leda

One thought on “PF confirma prisão temporária de Ricardo Murad

  1. O retrato disso está ai, o trabalhador pagando imposto absurdo
    Quando precisa do estado no segmento da saúde é negado, as UPAS
    E hospitais faltando médico, medicamentos, leitos, e por aí vai
    As vezes agente julga uma pessoa no menor escalão como uma
    Secretária de saúde do município, eu sei que existe dispreparo
    Por parte da secretaria, mais os recursos indo pelo ralo fica difícil,
    Isso no governo passado, tem denuncia também de secretário de
    De saúde do governo atual, ninguém aguenta mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *