MINISTÉRIO PÚBLICO ELEITORAL REGISTRA 1307 IMPUGNAÇÕES

MINISTÉRIO PÚBLICO ELEITORAL REGISTRA 1307 IMPUGNAÇÕES

A Procuradoria Regional Eleitoral no Maranhão (PRE/MA) registrou 1307 impugnações de candidaturas para os cargos de prefeito e vereador das eleições 2012, no estado do Maranhão, formuladas pelos promotores eleitorais. Os registros de candidaturas impugnados são de 98 zonas eleitorais, incluindo São Luís.
Das 1307 impugnações, 1125 são de candidatos a vereador e 182 de candidatos a prefeito. O principal motivo das impugnações é a ausência de condições de elegibilidade (com 687 impugnações), seguido de ausência de desincompatibilização (186 impugnações) e rejeição de contas (com 100 impugnações).
As condições para elegibilidade são: a nacionalidade brasileira, o pleno exercício dos direitos políticos, o alistamento eleitoral, o domicílio eleitoral na circunscrição, a filiação partidária e a idade mínima (21 anos para prefeito e 18 para vereador).
Entre as impugnações, 354 foram por condenação criminal, inelegibilidade reflexa ou decorrente de parentesco, condenação em ação de improbidade, condenação em ação julgada na Justiça Eleitoral e demissão do serviço público.
Do total de 111 zonas eleitorais existentes no Maranhão, apenas em 13 não houve impugnação dos promotores eleitorais, tais como: Alto Parnaíba, Barra do Corda, Brejo, Carolina, Codó, Matões, Paraibano, Pinheiro, Timon, São João dos Patos, São José de Ribamar, São Raimundo das Mangabeiras e Tuntum.
Dos 217 municípios existentes no Maranhão, apenas 25 não apresentaram candidatos impugnados pelo Ministério Público Eleitoral. 
Do Imirante

“PT NÃO PODIA USAR BANCOS PORQUE O DINHEIRO ERA ILÍCITO MESMO”, AFIRMA ADVOGADO DE DELÚBIO

“PT NÃO PODIA USAR BANCOS PORQUE O DINHEIRO ERA ILÍCITO MESMO”, AFIRMA ADVOGADO DE DELÚBIO

O advogado Arnaldo Malheiros Filho, que representa o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares, um dos réus no julgamento do mensalão, admitiu que o PT fez “caixa dois” durante a campanha eleitoral de 2002. O defensor, no entanto, diz que os recursos auferidos ilegalmente pela legenda não serviram para comprar parlamentares, negando, dessa maneira, a existência do mensalão. 

“O PT não podia fazer transferência bancária porque o dinheiro era ilícito mesmo”, afirmou. “Delubio não se furta a responder ao que é responsável. Ele operou caixa dois? Operou. É ilícito? é? Ele não nega. Mas ele não corrompeu ninguém”, disse o defensor durante sustentação apresentada no STF (Supremo Tribunal Federal) nesta segunda-feira (6). 
Malheiros Filho desqualificou as provas apresentadas pela Procuradoria Geral da República contra o seu cliente e que, segundo a acusação, provam a existência do esquema. “A prova é pífia, é esgarçada, é rala”, disse.
Segundo ele, durante a campanha eleitoral de 2002, os partidos da coligação que elegeu Lula se reuniram para estabelecer como seria a divisão dos recursos da campanha.
Posteriormente, diz Malheiros Filho, Delúbio foi incumbido de captar recursos para saldar as dívidas provenientes da disputa eleitoral. “O diretório nacional do PT deliberou que iria arcar com as despesas da base aliada”, disse.
O advogado negou que o ex-tesoureiro do PT tenha buscado recursos de maneira ilegal para comprar parlamentares. “O governo conquista sua base com a partilha do poder, não é com dinheiro.”
Da UOL

ELEIÇÕES 2012: EM CLIMA DE FESTA RAIMUNDÃO LANÇA CANDIDATURA RUMO A REELEIÇÃO

ELEIÇÕES 2012: EM CLIMA DE FESTA RAIMUNDÃO LANÇA CANDIDATURA RUMO A REELEIÇÃO

A residência do vereador Raimundão ficou pequena para o público que participou do lançamento de sua candidatura rumo à conquista de mais um mandato.
Público atento aos discursos
Os trabalhos foram iniciados com o discurso do coordenador geral da campanha majoritária Soliney Filho, que mostrou a que veio e de quem é filho. Aproveitou a oportunidade para agradecer ao vereador Raimundão pela parceria nesses três anos e meio em aprovar os projetos de interesse da cidade e reforçou o nome de Raimundão e do candidato a Prefeito Soliney Silva como necessários para dar continuidade ao progresso implantado na cidade pela atual administração.
Soliney Filho fazendo uso da palavra
Em sua fala o candidato a Prefeito Soliney Silva agradeceu a presença de todos e durante todo o discurso se referiu ao Vereador Raimundão como grande amigo. Elogiou a coragem de Raimundão de sair para estudar e voltar para exercer sua profissão ajudando o povo de sua terra, sobretudo os menos favorecidos. O candidato a Prefeito fez ainda uma explanação das conquistas do seu governo e finalizou conclamando os presentes para darem apoio ao projeto de reeleição dele e do candidato Raimundão.  
Soliney Silva discursa aos presentes
Ao fazer uso da palavra o candidato a vereador Raimundão utilizou o microfone de um jeito muito original e próprio dele. Agradeceu aos familiares, as autoridades e ao público a quem se referiu como amigos, por terem atendido ao convite para participar de um momento tão importante. Fez referências elogiosas ao candidato a Prefeito Soliney Silva, prestou contas do mandato nesses últimos três anos e meio e se disse preparado para mais um mandato.
Raimundão foi bastante aplaudido durante o discurso
Estiveram presentes várias autoridades dentre as quais a 1ª. Dama Suely Silva e a Secretária de Assistência Social Albertina Tavares.
Autoridades presentes no evento
Com contribuição www.soliney55.com.br

ELEIÇÕES 2012: 125 CANDIDATOS CONCORREM A 13 VAGAS DE VEREADOR EM COELHO NETO

ELEIÇÕES 2012: 125 CANDIDATOS CONCORREM A 13 VAGAS DE VEREADOR EM COELHO NETO

A concorrência para a Câmara de Vereadores de Coelho Neto está disputadíssima. Enquanto em 2008 foram 80 registros de candidaturas, no pleito de 2012 esse número cresceu para 125, ou seja, 45 candidatos a mais. 
O crescimento no número de interessados a uma cadeira no parlamento municipal deve-se ao número das novas vagas ofertadas que saltaram de 09 para 13 vereadores. Veja como ficou o cenário dos partidos e das coligações em Coelho Neto de acordo com o sistema CANDEX da Justiça Eleitoral:
A Coligação Coelho Neto para todos II formada pelos partidos PSD, PMDB, PSL e PSC entrará na disputa com 26 candidatos. A Coligação Coelho Neto para todos III formada pelos partidos PTC, DEM, PR, PC do B e PTC entrará na disputa com 23 candidatos. O PPS não compôs coligação na proporcional e entrará na disputa com 20 candidatos. Os 10 partidos compõem a coligação majoritária do candidato Soliney Silva-PSD.
A Coligação Unidos por amor a Coelho Neto I formada pelos partidos PP, PDT, PV, PHS, PRTB e PTB entrará na disputa com 26 candidatos. O PT não compôs coligação na proporcional e entrará na disputa com 20 candidatos. Os 07 partidos compõem a coligação majoritária do candidato Américo de Sousa -PT.
A Coligação Coelho Neto merece mais formada pelos partidos PMN, PRB e PTN entrará na disputa com 10 candidatos. Os 03 partidos compõem a coligação majoritária da candidata Doralice Santana-PMN.
O candidato Jardel Seles-PCB não possui coligação. Dos atuais vereadores 07 disputam a reeleição e apenas Américo de Sousa e Fernando Couto ficam fora da disputa proporcional por estarem juntos numa disputa na chapa majoritária.

ROBERTO JEFFERSON FALA SOBRE O MENSALÃO AO DEIXAR HOSPITAL NO RIO

ROBERTO JEFFERSON FALA SOBRE O MENSALÃO AO DEIXAR HOSPITAL NO RIO

Assim que recebeu alta e deixou o Hospital Samaritano, em Botafogo, na Zona Sul do Rio de Janeiro, na manhã deste domingo (5), o presidente nacional do PTB, o advogado Roberto Jefferson, de 59 anos, disse que espera justiça no julgamento do mensalão, que afirmou estar acompanhando pela televisão.
“Acho que é o maior momento de afirmação da democracia do Brasil. Nunca nossas instituições de direto democráticas foram tão sólidas. Torço para que haja justiça e para que aquela corte constitucional afirme a democracia do Brasil cada vez mais”, afirmou o político.
“A minha luta era com o Zé Dirceu. Ele me derrubou, mas eu salvei o Brasil dele”, afirmou.
“Meu octógono de luta com ele (José Dirceu) já exauri. A luta agora é de vocês (imprensa), da opinião pública e dos ministros daquela corte (do STF)”, ressaltou.

Procurado pelo G1, o advogado do ex-ministro José Dirceu, José Luis Mendes de Oliveira Lima, disse apenas que “a defesa não vai perder tempo com o Roberto Jefferson”.

O ex-deputado, cassado em 2005, denunciou o esquema do mensalão no Congresso Nacional, no primeiro mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Jefferson foi um dos 38 réus do julgamento do mensalão.

Ele estava internado deste o dia 26 de jullho para tratar de um câncer no pâncreas. O médico José de Ribamar Saboia de Azevedo afirmou que o paciente encontrava-se em condições clínicas favoráveis para receber alta.
De acordo com informações do hospital, o oncologista Daniel Tabak dará início ao tratamento do tumor daqui a quatro ou cinco semanas, através de quimioterapia, com medicação que será aplicada de forma intravenosa. A previsão é de que o tratamento dure seis meses.
Roberto Jefferson foi liberado pelos médicos para acompanhar o julgamento do mensalão de dentro do hospital. O cirurgião disse também que o tumor maligno do deputado tem 1,4 centímetros, mas dentro de uma lesão benigna.
Segundo os médicos, nos últimos dois anos o presidente do PTB perdeu 20 quilos. Roberto Jefferson, que estava com 104/106kg em 2010, atualmente pesa 82kg. A previsão é que Roberto Jefferson comece o tratamento de quimioterapia venosa cinco dias após a alta médica.
Cirurgia
 
No dia 28, Roberto Jefferson foi submetido à cirurgia de gastroduodenopancreatectomia cefálica (retirada de parte do estômago, parte do pâncreas, duodeno e parte do canal biliar). Além disso, os médicos retiraram os lifonodos regionais (gânglios linfáticos). O boletim divulgado após a cirurgia, que durou oito horas, informava que não havia sinais de que o tumor seria maligno. No entanto, os médicos ressaltaram que seria necessário aguardar o resultado definitivo.
Jefferson chegou ao Hospital Samaritano por volta das 8h do dia 26 de julho. No dia seguinte, o ex-deputado, cassado em 2005, passou por procedimentos pré-operatórios, como cuidados com alimentação e exames clínicos.
Réu no mensalão
 
Na sexta-feira (3), ao fim do julgamento, o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, pediu a prisão de 36 réus, incluindo o político. Gurgel pediu a absolvição, por falta de provas, de dois acusados: o ex-secretário de Comunicação Luiz Gushiken e Antonio Lamas, ex-tesoureiro do Partido Liberal, uma das cinco formações implicadas no escândalo.
Roberto Jefferson é acusado pela Procuradoria-Geral da República (PGR) de corrupção passiva e lavagem de dinheiro por, supostamente, ter recebido R$ 4 milhões do chamado “valerioduto”, que, segundo a denúncia, era operado por Marcos Valério e abastecia parlamentares aliados ao governo.
Em 2005, em entrevista ao jornal “Folha de S.Paulo”, Jefferson relatou o “modus operandi” do mensalão, detonando o maior escândalo político do governo Lula (2003-2010).
Do G1

ELEIÇÕES 2012: RAIMUNDÃO FAZ LANÇAMENTO DE CANDIDATURA HOJE

ELEIÇÕES 2012: RAIMUNDÃO FAZ LANÇAMENTO DE CANDIDATURA HOJE

O candidato a vereador Raimundão – PSD faz hoje (05) o lançamento oficial de sua candidatura rumo à conquista de mais um mandato na Câmara Municipal.
O evento acontecerá a partir das 19h:30 na residência do candidato no Conjunto Duartão e contará com a presença de militantes e dos apoiadores da campanha que deve ganhar as ruas logo após o lançamento.
Já foi confirmada a presença do candidato a Prefeito Soliney Silva-PSD. Participe!

APLICAÇÃO DA FICHA LIMPA É PRINCIPAL DESAFIO DO TRE

APLICAÇÃO DA FICHA LIMPA É PRINCIPAL DESAFIO DO TRE

A desembargadora Anildes Cruz, presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Maranhão, fez um prognóstico positivo da atuação da Justiça Eleitoral nas eleições municipais no estado. 
Ela afirma que a concepção da jurisprudência da Lei da Ficha Limpa é o maior desafio para este ano e garante que todos os recursos referentes ao processo eleitoral serão avaliados pelo pleno do TRE dentro do prazo determinado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mesmo que haja a necessidade de realização de sessões extras. 
Ela explicou a O Estado na quinta-feira, durante o lançamento do selo comemorativo dos 80 anos da Justiça Eleitoral do Maranhão, que a interpretação e aplicação da Lei da Ficha Limpa exigirão um empenho maior da corte eleitoral.
Do Imirante

EM CLIMA DE FESTA, 40ª EDIÇÃO DOS JEMS É ABERTA NO CASTELINHO

EM CLIMA DE FESTA, 40ª EDIÇÃO DOS JEMS É ABERTA NO CASTELINHO

SÃO LUÍS – Em 2012, os Jogos Escolares Maranhenses (JEMs), competição promovida pela Secretaria de Esporte e Lazer (Sedel), entrarão para a história. O maior evento esportivo estudantil do Maranhão está em sua 40ª edição. E em clima de muita festa, a cerimônia de abertura foi realizada, na noite desta sexta-feira (3), no Ginásio Castelinho, em São Luís, com presença do secretário de Esporte e Lazer, Joaquim Haickel, autoridades políticas, representantes de federações e atletas de todas as regiões do Estado.
A 40ª edição dos JEMs foi marcada pelo reconhecimento e homenagens aos idealizadores dos Jogos Escolares: Claudio Vaz dos Santos e Professor Dimas. Ambos terão seus nomes nos troféus dos vencedores das disputas. De acordo com o secretário Joaquim Haickel, é fundamental que os novos atletas conheçam o trabalho desenvolvido por estes dois expoentes do desporto maranhense.
“Estes dois homens que estão sendo homenageados são dois dos pioneiros da prática esportiva no Estado e ajudaram a consolidar a base do esporte. É uma honra homenageá-los. Eles incentivaram atletas a formar o esporte maranhense”, declarou o secretário. Haickel disse, ainda, sentir prazer em ver todos os atletas na cerimônia de abertura. “O importante não é apenas disputar medalhas e, sim, essa prática do esporte que engrandece o ser humano”.
Para o Professor Dimas, um dos homenageados na 40ª edição dos JEMs, o sentimento é de alegria. “É um orgulho muito grande, principalmente, em se tratando de quem estar continuando nosso trabalho. O Joaquim Haickel é um ex-atleta de minha equipe de basquete, nos primeiros JEMs, e o Alim Maluf também foi meu aluno. Fico muito feliz por eles estarem continuando o trabalho que começamos com tanto amor e esperança de dar certo. E está dando certo”, comentou.
Em 2012, os JEMs tiveram quatro fases: Metropolitana, Regional, Inter-Regional e Estadual. Ao todo, aproximadamente 10 mil atletas de 50 municípios participaram da competição em uma das 22 modalidades esportivas desta edição.
“É um privilégio e um orgulho para nós da Sedel conseguirmos realizar uma competição estadual para tantos atletas. Ficamos felizes em ver o nosso trabalho dando resultados”, afirmou o secretário-adjunto de Desporto Educacional e coordenador-geral dos JEMs, Alim Maluf Neto.
Cerimônia
A cerimônia de abertura dos JEMs 2012 começou com apresentações de grupos de ginástica rítmica e artística de várias escolas da capital, representando a Federação Maranhense de Ginástica. Em seguida, foi realizado o desfile das delegações participantes dos JEMs. A atleta campeã no atletismo dos JEMs e das Olimpíadas Escolares do ano passado, Thalia Costa, fez os juramentos representando os desportistas, enquanto Ivan Soeiro jurou representando os árbitros.
No principal momento da noite, atletas da Seleção Maranhense, campeã do Campeonato Brasileiro de Seleções Sub-15 deste ano, e o ex-atleta de atletismo Edson Luciano, medalhista olímpico em 1996 e em 2000 foram os encarregados em conduzir a tocha olímpica, enquanto que o treinador da Seleção Maranhense de Handebol campeã brasileira estudantil, Vicente Calderoni, acendeu a pira olímpica.
“Estar aqui nos JEMs representando os atletas que conseguiram, por meio do esporte, modificar suas vidas, acho que isso é importante para estes jovens verem que é possível usar o esporte como ferramenta para se formar cidadãos”, declarou Edson Luciano.
JEM´s 2012
A Etapa Estadual dos Jogos Escolares Maranhenses (JEMs) deste ano foram dividas em dois períodos. Até o dia 14 de agosto, serão realizadas as disputas da categoria Infantil (de 12 a 14 anos). Já a fase final da categoria Infanto (de 15 a 17 anos) ocorrerá somente no mês de setembro. Vale destacar que as equipes e atletas campeões dos JEMs representarão o Maranhão nas Olimpíadas Escolares.
Do Imirante

“MENSALÃO FOI O MAIS ATREVIDO E ESCANDALOSO CASO DE CORRUPÇÃO NO BRASIL”, DIZ GURGEL

“MENSALÃO FOI O MAIS ATREVIDO E ESCANDALOSO CASO DE CORRUPÇÃO NO BRASIL”, DIZ GURGEL

Da Revista Época
O Supremo Tribunal Federal (STF) retomou, nesta sexta-feira (3), o julgamento da Ação Penal 470, o mensalão. Nesta sexta, a palavra foi dada ao procurador-geral da República, Roberto Gurgel, que apresentou a acusação contra os 38 réus do mensalão.
Gurgel começou falando sobre ética, citando Raimundo Faoro, jurista e autor do livro “Os donos do poder”. Segundo Gurgel, a tese apresentada por Faoro – a promiscuidade entre as esferas pública e privada – continua ainda hoje, e se manifesta em casos como o do mensalão.
O procurador rejeitou a tese da defesa de alguns réus, de que o mensalão é um “delírio da procuradoria-geral da República”, e disse que há provas suficientes para 36 dos 38 réus da ação. “Foi sem duvida o mais atrevido e escandaloso caso de corrupção e desvio de dinheiro flagrado na história no Brasil”.
Na sua acusação, Roberto Gurgel descreveu a criação do esquema. Segundo ele, tudo começou em 2002, quando o então candidato Lula conseguiu avançar para o segundo turno das eleições. Segundo Gurgel, o publicitário Marcos Valério passou a demonstrar interesse em se aproximar do partido, e foi apresentado aos deputados do Campo Majoritário, corrente do PT de José Dirceu, José Genoíno, Delúbio Soares e Silvio Pereira.
Dirceu, segue a acusação, era o líder do grupo, e buscava recursos para o financiamento de um projeto político de apoio ao governo no Congresso. Esse apoio foi contruído com compra de votos de parlamentares da base aliada, com recursos financeiros obtidos por empréstimos simulados facilitados por Marcos Valério.
O procurador-geral da República também tentou afastar a tese de que não há provas suficientes contra José Dirceu. Segundo ele, é comum haver poucos documentos comprovando o envolvimento do líder de um esquema, mas as provas testemunhais são “contundentes” para acusar o réu.

UMA COISA NÃO TEM NADA HAVER COM A OUTRA

UMA COISA NÃO TEM NADA HAVER COM A OUTRA

Frustrado! Esse foi o sentimento que tivemos ao assistir a entrevista concedida pela Juíza Eleitoral da 28ª. Zona Dra. Karla Jeane hoje (03) na rede de TV local sobre as matérias publicadas aqui sobre seu posicionamento com respeito ao comportamento dos blogs e sites da cidade sobre as Eleições 2012. 
O Portal Gaditas tem o respeito como prioridade
Ao falar sobre o assunto a magistrada disse que esse blogueiro possui processos criminais e eleitorais na 2ª. Vara da qual ela responde, e deixou claro que as recentes postagens seriam uma forma de pressionar para que os processos não fossem julgados. Como pode? Uma coisa não tem nada haver com outra e sobre esse assunto é necessário pontuar:
1. O Portal Gaditas é o primeiro blog de Coelho Neto e em quase 04 (quatro) anos sempre pautamos nossas matérias com seriedade e responsabilidade. Nesse espaço de tempo várias de nossas matérias foram repercutidas, nossos acessos multiplicaram e dentro de muito pouco tempo chegaremos a marca de meio milhão de visitas segundo contador oficial do Blogspot onde essa página encontra-se hospedada. Ter processo não diminui o nosso profissionalismo e a nossa competência, que o diga o saudoso blogueiro Décio Sá, o mais visitado do Maranhão. Podemos usar o adágio popular e dizer que são ossos do ofício.
2. Quando faz uma declaração como essas perante a opinião pública a juíza age com injustiça com esse blog haja vista que pela primeira vez criticamos uma postura sua. A crítica não foi pessoal e muito menos tinha intenção de pressioná-la a nada, pois jamais nos comportaríamos de uma forma tão leviana. Já tivemos alguns processos na 1ª. Vara comandada pelo juiz Dr. Elismar Marques e nunca fizemos qualquer questionamento ao seu trabalho nem de bom e muito menos de mal com fins de ganho pessoal em qualquer causa;
3. Os processos citados pela juíza foram dois: um que foi indeferido e outro um pedido de direito de resposta da Coligação Unidos por Amor a Coelho Neto da qual tomei conhecimento hoje (03). Temos total disponibilidade para responder todas as representações sem qualquer problema e sem necessidade de burlar e utilizar qualquer subterfúgio para escaparmos de qualquer penalidade;
4. Durante os anos que fazemos notícia na blogosfera sempre atuamos como parceiros da Juíza e fora os questionamentos recentes, não se encontra uma linha nesse Blog de ataques pessoais ou profissionais a magistrada, ao contrário. A parceria em acompanhar a atuação do trabalho de Dra. Karla Jeane sempre foi tão séria que em 2011 tivemos por parte dela um gesto do qual não nos esquecemos nunca, oportunidade em que fomos presenteados com uma caixa de bombons artesanais e um cartão escrito por ela a mão (foto), agradecendo ao Blog pela parceria na divulgação dos trabalhos da Comarca;
Cartão escrito a mão pela Juíza em 2011, reconhecendo a parceria do Blog
Por fim registramos que as críticas a juíza foram pontuais e a uma atitude isolada. No país que vivemos o (a) servidor (a) público (a) está sujeito a elogios e a críticas de sua atuação. Lamentamos que as críticas não foram recebidas da forma que deveriam ser. O Blog permanece no protesto até quarta (08), quando por fim a magistrada deve divulgar as definições sobre o assunto, oportunidade que voltaremos a nos posicionar.