Início Site Página 3

Vereadora Liza Pires cobra atuação do governo sobre abastecimento de água na zona rural de Coelho Neto

A vereadora Liza Pires (PCdoB), em aparte ao discurso do vereador Rafael Cruz na Sessão da última quinta (14), voltou a cobrar a reposta do Executivo de indicações feitas pelo Legislativo.

Ela disse que no início do atual governo fez uma indicação para que fosse tomado providências quanto a caixa de água do povoado Mulatas e agora com quase três anos o assunto nunca fora resolvido. Ela lembrou que o Povoado Carmo também padece do mesmo problema,, além de lamentar que apesar das demandas partirem de reivindicações populares, o Executivo não tem dado qualquer resposta a solicitação dos vereadores.

A parlamentar aproveitou para fazer uma indicação cobrando o conserto da bomba do povoado Lagoa dos Cavalos, que segundo ela foi queimada em novembro e permanece assim até hoje, prejudicando cerca de 25 famílias.

Ao final ela disse que soube que o prefeito Américo de Sousa teria dito que não ia consertar por se tratar do povoado dela, mas que ao não fazer ele não prejudica a ela e ao seu marido o vice-prefeito Antônio Pires (que estão na oposição ao governo), mas que se confirmado prejudica toda a comunidade.

Ascom/CMCN

Romance de Sarney vai virar filme

“A duquesa vale uma missa” (2007), romance de José Sarney, está sendo adaptado para o cinema. Rebatizado de “Minha amada Julienne”, em pré-produção, terá direção e roteiro de Fernando Nasser.

Na história, o protagonista sofre com um desejo obsessivo pelo quadro “Suposto retrato de Gabrielle d’Estrées e sua irmã a Duquesa de Villars“, que pertence ao pai do personagem.

Não é a primeira obra do ex-presidente a virar filme. “O dono do mar”, dirigido por Odorico Mendes, foi às telas em 2005.

Por Lauro Jardim

Falta de sinalização em vias públicas de Coelho Neto é tema de intenso debate na Câmara

O discurso do vereador Rafael Cruz (MDB), no Grande Expediente na Sessão Ordinária na última quinta (14), acabou levantando um grande debate em torno de uma problemática grave em Coelho Neto: a falta de sinalização nas vias públicas.

Cruz fez um discurso cobrando a sinalização na Avenida José Silva (no trecho da entrada da cidade), por considerar que o fluxo nas imediações é grande e com isso propício a acidentes.

Mohabe Branco

Em apoio ao discurso, o vereador Mohabe Branco (PSD), relatou que na frente da Igreja Assembleia De Deus existia uma faixa de pedestre que sumiu e mesmo assim a Polícia Militar teria feito durante a semana uma operação multando motos por estarem em cima de uma faixa que não existe mais.  Ele considerou a operação abusiva e sem qualquer tipo de diálogo.

Na sua intervenção lembrou que a cidade está sem sinalização em todas as suas principais vias, incluindo as portas das escolas e a própria frente da Prefeitura, aumentando os riscos de acidentes, sem que nenhuma medida para resolver o problema tivesse sido tomada pelo governo.

Júnior Santos

O vereador Júnior Santos (MDB), destacou a importância do tema já debatido diversas vezes por ele, fazendo referência da necessidade do município de cumprir a Lei, garantir a municipalização do trânsito e com isso os seus benefícios.

Ele citou como exemplo o caso da rua Rio Branco, onde caminhões param na contramão para abastecer comércios, motoristas estacionam no meio da rua para comprar carne – obrigando as pessoas a fazerem ultrapassagem e aumentar as chances de acidentes.

Santos cobrou da Polícia Militar que se for para aplicar multa, mas que seja para todos e que para isso era necessário primeiro organizar o trânsito da cidade. Ao final ele lembrou a necessidade de criação da Guarda Civil Municipal – GCM, destacando o aumento do número de roubos de motos e citando o exemplo da vizinha cidade de Buriti, onde a GCM tem dado importante suporte nesses casos para a Polícia Militar.

Ricardo Chaves

Em sua fala, o vereador Ricardo Chaves (PPS), destacou uma ação mais enérgica por parte dos vereadores para o caso, já que o governo municipal ao longo de quase três anos não tem dado nenhuma resposta para os reclames dos vereadores e da população, o que considera como um desrespeito por parte do Executivo.

Ele defendeu a realização de uma Audiência Pública para na sequencia levar o assunto ao Ministério Público, já que o governo não se manifesta. Chaves lembrou que o tema é questão de saúde pública pois a cidade não tem suporte para atender pacientes graves vítimas de traumatismo, por exemplo e que a prevenção era o caminho mais fácil.

O edil cobrou que o município se posicione sobre o que tem programado para realizar no setor, lembrando as vias públicas comprometidas pelos buracos, as escuras e falta de sinalização. Na sua fala ele também criticou a questão da educação na zona rural – citando o adiamento de chamamento de contratos, atraso no calendário escolar e convidando os vereadores a visitarem “in loco” as escolas.

Osmar Aguiar

O vereador Osmar Aguiar (PT), entre outros apontamentos destacou a legitimidade das cobranças com referência ao trânsito, mas ponderou que a municipalização do trânsito precisa caminhar em conjunto com a instituição da Guarda Municipal. Ele lembrou a intensidade do período chuvoso, mas que após isso o governo trabalhe para melhorar a situação no caso das faixas.

Ascom/CMCN

Como parte das ações do Selo Unicef, Prefeitura de Afonso Cunha promove “Dia D” do esporte seguro e saudável

Como parte das ações que integram o Programa Selo Unicef Município Aprovado 2017-2020, a Prefeitura de Afonso Cunha promoveu durante a semana o “Dia D” do Esporte Seguro e Saudável.

A ação executada pela Superintendência de Juventude reuniu crianças e adolescentes em várias práticas esportiva como premiação para os destaques.

“Nossa proposta foi alcançada e o vento foi um sucesso com a participação de nossas crianças e adolescentes. Agradecemos ao prefeito Arquimedes Bacelar por todo apoio dado, com destaque para os incentivos para os atletas destaque”, disse a superintendente da juventude Jéssika Paloma.

A proposta o calendário de ações do núcleo do JUVA (Juventude Unida pela Vida na Amazônia), que tem a finalidade de mostrar as crianças e adolescentes como se pode fazer atividades esportivas de uma maneira correta, com segurança e de forma saudável.

Ascom/ PMAC

Base de Alcântara no MA será um dos temas da reunião entre Bolsonaro e Trump

O presidente Jair Bolsonaro durante embarque para Washington, na Base Aérea de Brasília, na manhã deste domingo (17) — Foto: Alan Santos/Presidência da República

O presidente Jair Bolsonaro embarcou na manhã deste domingo (17) para os Estados Unidos. O encontro entre Bolsonaro e o presidente americano Donald Trump está previsto para terça-feira (19), na Casa Branca, em Washington.

Bolsonaro deixou o Palácio da Alvorada às 7h10 e decolou às 7h59 da Base Aérea de Brasília. A chegada a Washington está prevista para as 16h40 deste domingo, na Base Aérea Andrews. Bolsonaro volta ao Brasil na noite de terça. Entre os ministros que o acompanham estão Paulo Guedes (Economia) e Sérgio Moro (Justiça e Segurança Pública).

Ainda na noite deste domingo, Bolsonaro deve participar de jantar oferecido pelo embaixador do Brasil em Washington. O encontro está marcado para as 19h30.

O presidente ficará hospedado na Blair House, residência utilizada pelo governo norte-americano para receber chefes de Estado em visitas oficiais.

A viagem ocorre em um momento no qual o governo brasileiro diz que deseja se aproximar dos EUA, segundo maior parceiro comercial, atrás somente da China.00:00/01:01.

Agenda

A agenda de Bolsonaro em Washington prevê encontros com:

  • “formadores de opinião”;
  • empresários;
  • Luis Almagro, secretário-geral da Organização dos Estados Americanos (OEA);
  • Donald Trump.

O encontro com Trump será privado, segundo o governo brasileiro, com a presença apenas de um tradutor.

Depois, os dois presidentes farão uma declaração à imprensa na Casa Branca e, ainda na terça, Bolsonaro fará uma visita ao Cemitério Nacional de Arlington, com passagem pelo Túmulo do Soldado Desconhecido.

Bolsonaro e Trump terão a primeira reunião bilateral como presidentes dos dois países. Os dois conversaram por telefone no ano passado, após a vitória de Bolsonaro na eleição. Na oportunidade, Trump informou que desejava trabalhar com o presidente brasileiro nas áreas militar e de comércio.

O Conselheiro de Segurança Nacional dos Estados Unidos, John Bolton, disse em entrevista exclusiva à GloboNews que acredita que Bolsonaro e Trump ‘vão se dar muito bem’ e ‘que eles têm muito em comum para conversar’.

Acordos

Bolsonaro informou na semana passada que três acordos poderão ser assinados durante a viagem. Um dos atos é um acordo de salvaguardas tecnológicas (AST), que permitirá o uso comercial da base de lançamento de Alcântara (MA).

O acordo é negociado desde 2000, chegou a ser assinado, porém foi rejeitado pelo Congresso brasileiro. O compromisso tem cláusulas que protegem a tecnologia usada pelos dois países.

O acordo prevê que os Estados Unidos poderão lançar satélites, foguetes e mísseis da base maranhense, mas o território continuará sob jurisdição brasileira.

Bolsonaro defendeu a medida em um pronunciamento ao vivo em uma rede social. Segundo o presidente, o Brasil está “perdendo dinheiro” há muito tempo por não explorar a base de forma comercial.

Do G1


Em nota, Magno assegura operação tapa-buracos e condena uso do tema para fins políticos-eleitoreiros

O prefeito de Chapadinha Magno Bacelar (PV), divulgou na tarde deste sábado (16), uma nota em sua rede social para confirmar uma operação tapa-buracos para minimizar os problemas em vias públicas agravados pelas fortes chuvas e aproveitou para condenar o uso do tema para fins políticos-eleitoreiros.

Confira a integra da nota:

Amigas e Amigos de Chapadinha,

Como prefeito de nossa cidade sempre acompanho as redes sociais, até para me inteirar dos assuntos que estão sendo debatidos e dos reclames que estão sendo levantados pela nossa população.

Na última semana observamos que aumentaram os questionamentos relacionados a infraestrutura de algumas vias da cidade e sobre isso quero pontuar que:

1. Respeitamos e consideramos legítimas todas as reivindicações que busquem garantir melhorias para a sociedade;

2. A Prefeitura não está omissa e muito menos alheia a essa questão. Apesar de já ter determinado a execução de uma operação tapa-buracos necessitamos cumprir as etapas do processo licitatório exigido por Lei, para só assim os serviços serem iniciados;

3. Como estamos em finalização dessa etapa e com a observância da diminuição das chuvas, os serviços serão executados e consequentemente todos esses transtornos serão minimizados;

4. Cabe-nos lamentar que figuras conhecidas da política local estejam se aproveitando da situação para incentivarem piquetes e a desordem, e posteriormente se aproveitarem disso para tentar ganhar algum dividendo político. A estes caberá responder na forma da Lei sobre seus atos;

5. Por fim reafirmo a nossa disposição de continuarmos trabalhando e buscando as melhorias que nossa cidade tanto precisa.

Magno Bacelar
Prefeito de Chapadinha

Prefeito de Afonso Cunha participa de adesão ao Programa Cheque Cesta Básica – Gestante

O prefeito de Afonso Cunha Arquimedes Bacelar (PTB), participou na última sexta (15), da adesão do município ao Programa Cheque Cesta Básica – Gestante, desenvolvido pelo Governo do Estado.

Acompanhado da secretária de Saúde Analídia Bacelar, o prefeito participou do evento u contou com a presença dos secretários de Estado Carlos Lula (Saúde), Marcos Pacheco (Articulação de Políticas Públicas) e Francisco Gonçalves (Direitos Humanos).

O programa é uma estratégia para estimular a procura pela assistência pré-natal por mulheres grávidas de baixa renda do Maranhão e reduzir as mortes materno-infantis no estado.

O benefício será pago diretamente à gestante em até nove parcelas de R$ 100, sendo até seis parcelas durante a gravidez e as demais nos primeiros meses de vida da criança, e deverá ser utilizado, exclusivamente, na aquisição de alimentos.

Critérios

Para ingressar no programa, a gestante deve procurar a rede pública de saúde até a 12ª semana de gestação, estar cadastrada no município maranhense em que mora e possuir renda familiar mensal que não ultrapasse um salário mínimo. O cadastro será realizado pelo Município na primeira consulta pré-natal, através de sistema de informação específico.

O recebimento das parcelas está vinculado ao acompanhamento do pré-natal, puerpério e puericultura, conforme as condições: realizar uma consulta de pré-natal, obrigatoriamente, no primeiro trimestre e até a 12ª semana da gestação; cinco consultas de pré-natal, preferencialmente, duas no segundo e três no terceiro trimestre da gestação; duas consultas de puerpério e puericultura, sendo a primeira até sete dias e a segunda de 30 a 42 dias após o nascimento.

Outros critérios obrigatórios para receber as parcelas são a realização de exames laboratoriais, conforme calendário de pré-natal; cumprimento do esquema vacinal completo e atualizado da gestante comprovado pela caderneta de vacina; estratificação de risco gestacional, a ser realizada na primeira consulta e nas subsequentes; cumprimento do esquema vacinal completo e atualizado da criança comprovado pela caderneta de saúde da criança.

Em casos de parto prematuro, será garantida à beneficiária a concessão de até nove parcelas, desde que seja dada continuidade do acompanhamento de consultas e exames de puerpério e puericultura.
A validade do benefício encerra-se após 60 dias da disponibilização do crédito no cartão da beneficiária. Após esse período, o valor será restituído à conta específica do programa, podendo o Governo do Estado, realocá-lo.

A gestante deve comprovar nas consultas de puericultura seu ingresso nos programas de planejamento reprodutivo ofertados pelo Sistema Único de Saúde (SUS), caso isso não ocorra a mulher ficará impedida de acessar novamente o programa.

Ascom/PMAC

Tristeza! Três mulheres recorrem ao suicídio na cidade de Barra do Corda

Uma adolescente conhecida por Beatriz recorreu ao suicídio na manhã deste sábado (16), em Barra do Corda. Este já é o terceiro caso de suicídio cometidos por jovens mulheres naquela cidade, neste mês de março.

O primeiro caso foi da jovem empresária Wigna, que tomou chumbinho, na Vila Simplicio. Ontem (15) outro suicídio foi registrado no bairro Trizidela, também por ingestão de chumbinho. Neste segundo a jovem ainda chegou a ser socorrida com vida, mas veio a óbito horas depois no hospital.

Na manhã de hoje (16), um rapaz tomou soda cáustica também na cidade de Barra do Corda. Conhecido por Leandro, foi levado para UPA onde permanece internado.

Do Blog do Luis Cardoso

Vereador Rafael Cruz denuncia descaso no início do ano letivo na zona rural de Coelho Neto

O vereador Rafael Cruz (MDB), utilizou o Grande Expediente na última quinta (14), para tratar da calamidade que se tornou o início do ano letivo nas escolas da zona rural de Coelho Neto.

Após visita nos povoados Deserto, Pimentas, São Domingos e Cruz as escolas estão funcionando pela metade e apenas com professores concursados. No povoado São Pedro as turmas estão pela metade e no povoado Cruz as aulas sequer começaram. No povoado Bonfim ele relatou que a escola foi fechada para levar os alunos para outra unidade, mas ainda não foi disponibilizado ônibus escolares para outras unidades.

O vereador cobrou da Secretaria de Educação providências urgentes no sentido de resolver a situação, que segundo ele compromete a aprendizagem dos alunos.

Sinalização

No mesmo discurso o vereador solicitou a sinalização da entrada da cidade (Avenida José Silva) no sentido de quem vem do Itapirema. Segundo ele o trecho tem grande movimentação de pessoas e veículos por se tratar de entrada e saída do bairro Olho d´aguinha, além do fluxo no IFMA, Fórum de Justiça e Upa. Ele disse que já havia solicitado a mesma ação na Avenida Coelho Neto e porta das escolas, mas o governo nunca fez nada para resolver a questão.

Abastecimento de Água

Ele cobrou a caixa de água no povoado Pimentas, que caiu e o abastecimento de água vem sendo feito diretamente na encanação, o que faz a bomba trabalhar mais e consequentemente ter mais chances de queimar, onerando sobremaneira o orçamento com gastos desse tipo.

O vereador foi aparteado por vários dos seus colegas que aproveitaram para apoiar e referendar a gravidade da problemática dos temas tratados.

Da Ascom/Câmara

Prefeitura de Duque Bacelar garante entrega de alimentos a famílias beneficiárias de programas sociais

A Prefeitura de  Duque Bacelar entregou nesta sexta-feira (15) para  dezenas de famílias bacelarenses peixes e produtos da agricultura por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

A entrega aconteceu no Centro de Assistência e Referência Social (Cras) do Centro. Os alimentos, foram adquiridos de produtores rurais inscritos no programa, que é executado pela Secretaria Municipal de Agricultura. 

O Secretário Toinho da Gracinha acompanhou a entrega dos produtos e destacou a importância do programa. “O PAA é um programa de extrema importância, beneficiando as famílias atendidas pela Assistência Social  e estimulando o homem do campo a produzir cada vez mais. Com apoio do Governo do Maranhão o prefeito Jorge Oliveira deu início a essa importante ação social e cumpre seu compromisso com as população de Duque Bacelar”, ressaltou.

Foram distribuídas cestas de alimentos contendo verduras, legumes, frutas e peixes. Os produtos garantem uma alimentação mais saudável e servem como complemento nutricional aos beneficiados.

O PAA vem sendo ampliado no município. A Prefeitura compra a produção da agricultura familiar diretamente dos produtores e doa às famílias em vulnerabilidade social, proporcinado cidadania e geração de renda. 

Do Blog do Raphael Duarte