Dino se revolta com fuzilamento do Rio, mas nunca deu respostas sobre fuzilamento da PM em Balsas

59

O governador Flávio Dino (PCdoB) amanheceu indignado nesta segunda-feira (8).

Dentre os motivos, o fuzilamento do carro da família de um músico no Rio de Janeiro por homens do Exército.

O crime, é claro, chocou o país e revolta todo cidadão de bem.

Mas Dino não é um cidadão qualquer. É o governador do Maranhão.

E, como tal, além de indignar-se com casos como esse do Rio, deveria também não apenas indignar-se, mas atuar para resolver problemas parecidos no Maranhão.

Algo que não se viu, por exemplo, quando uma estudante foi fuzilada em Balsas por policiais militares (reveja). Ou alguém viu Dino indignado e empenhado em solucionar esse caso?

Aliás, o crime ocorreu em 2016 e, até hoje, ninguém foi condenado.

Do Blog do Gilberto Leda