Caos! Professores denunciam descaso da Educação na zona rural de Coelho Neto

3

Escondida atrás de um biombo e da própria incompetência para gerir a pasta, a secretária de Educação Williane Caldas submete o setor um sucateamento nunca visto na história recente do município.

As denúncias se avolumam sem qualquer reação. O ano letivo todo sacrificado submete alunos e professores a um prejuízo sem precendentes.

Para ilustrar o fato, somente nesta semana os professores tiveram acesso aos diários de classe, 06 (seis) meses após o término do ano letivo do ano passado, confirmando que a secretária é desorganizada e sem planejamento.

Na zona rural, mais precisamente nos povoados Lagoa Seca e Buenos Aires o descaso se repete. Mesmo com o atraso no ano letivo, o quadro de funcionários permanece incompleto, faltando professor de História e Artes.

A denúncia de professores diz que os alunos já estão com um mês sem merenda escolar e por isso só estão assistindo meio período de aula.

Cadê a Comissão de Educação da Câmara que não se mexe para fazer uma visita in loco nessas escolas para ver esse descaso de perto? Acordem vereadores, ou a dupla Américo e Williane vão enterrar a educação de Coelho Neto…