Belezinha e sua incurável “síndrome da arrogância”…

57811-belezinha

Em diversas cidades do Maranhão, os prefeitos que perderam eleição já reconheceram a derrota, desejaram boa sorte aos eleitos e já sinalizaram boa intenção para conduzir o processo de transição.

Em Chapadinha infelizmente, as coisas acontecem justamente de forma contrária. Mostrando a faceta arrogante que todos já conhecem, a ainda prefeita Ducilene Belezinha (PRB), se recusa a aceitar o resultado das urnas.

Derrotada com uma diferença inconteste de 3.603 votos, Belezinha não aceita entregar a prefeitura justamente para Dr Magno, seu adversário mais temido.

Na concepção dela, é inaceitável que a população tenha rejeitado a “competência administrativa” do seu governo e de quebra, anular o desejo que possuía de se beneficiar da “viúva” por mais quatro anos.

A “taca” de votos deixou a prefeita inerte. Nenhum gesto de grandeza partiu dela desde o resultado das eleições do último domingo (02).

Enquanto isso seu séquito se apega ao sonho de tomar o poder na marra e garantir o retorno da chefa sem a vontade do povo. Pode isso Arnaldo?

É quase certo que Belezinha não fará a transmissão do cargo para Dr. Magno.

Sua pequenez misturada com sua incurável síndrome da arrogância, com certeza, não permitiram a ela gesto de tamanha grandeza…

6 thoughts on “Belezinha e sua incurável “síndrome da arrogância”…

    1. Este o problema de vcs. Aceitam logo que dois menos. Esta arrogância de achar que todo mundo tem que estar aos pés da toda poderosa. Se ninguém fala bem é porque não se beneficou? Conta outra parceiro. Essa ai não cola. Perdeu play boy. E te conforma que os rombos deixados na prefeitura aparecem é agora. Aguarda ai que jaja quem sabe até mesmo este blog poderar noticiar.

Deixe uma resposta