Albino denuncia perseguição que pode ocasionar sua transferência de Coelho Neto

0
Albino: serviço prestado por Coelho Neto

O agente de investigação da polícia civil Albino Klauberth, denunciou hoje (18), através de sua rede social, uma perseguição para garantir sua transferência da cidade.

A manobra atinge em cheio a tranquilidade da segurança, pois todos sabem que o abnegado funcionário desde que aqui chegou tem feito um grande trabalho, agindo com responsabilidade e ajudando a coibir o clima de insegurança.

Albino preservou o nome dos autores, mas deixou claro que já acionou seu advogado e o sindicato de sua categoria. Após o desabafo, Albino recebeu solidariedade em diversos grupos de whatsapp que lideraram a campanha #ficaAlbino.

A ação é um verdadeiro tiro no pé de seus autores, porque logicamente a comunidade não vai aceitar uma ação como essa de forma calada. A seguir a integra da nota divulgada por ele:

Estou tentando seguir com o meu trabalho e administração da minhas empresa para tentar seguir de cabeça erguida.  

Estou sofrendo perseguições foi solicitada a minha transferência por parte de um homem e uma mulher daqui de Coelho Neto, que por enquanto não vou divulgar seus nomes para não causar tumulto, já comuniquei o sindicato da minha categoria e a meu advogado. 

Estou esperando para ver o andar deste problema que tem o simples cunho político por parte destas duas pessoas que inventam boatos mentirosos e estão fazendo de tudo para tentar me prejudicar. 

Não faço nada além de trabalhar e tentar ajudar nosso povo e ainda ter quer sofrer perseguições destes dois covardes.  

Agradeço o apoio de todos e por enquanto estou aqui em Coelho Neto aguardando o resultado desta molecagem e perseguições covardes contra mim”.